Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Secretaria de Segurança de Balneário vai investigar uso de colete da Guarda Municipal em foto que ganhou a rede

28 de abril de 2015 3
Foto: Rprodução

Foto: Rprodução

 

A foto acima ganhou as redes sociais nesta segunda-feira e virou motivo de dor de cabeça na Secretaria de Segurança de Balneário Camboriú. O motivo é o colete que a moça da esquerda está vestindo e que lembra muito o uniforme do Grupo de Operações Preventivas (GOP) da Guarda Municipal Armada da cidade.

À direita, a outra moça usa um coldre, equipamento usado para carregar a arma junto à cintura. Não há identificação do local onde teria sido registrada a imagem.

Com as moças em trajes mínimos, não demorou para que a foto se espalhasse e passasse a ser compartilhada no Facebook e no aplicativo Whatsapp.

O secretário de Segurança, coronel Edemir Meister, recebeu a foto e a denúncia no celular. Ainda na segunda-feira instaurou procedimento para investigar se o colete da foto é mesmo o da Guarda Municipal, ou se houve alguma manipulação da imagem.

_ O símbolo é mesmo muito parecido. Mas vamos ver o que houve _ disse.

Se confirmada a origem do colete, não terá sido a primeira vez que agentes da Guarda Armada se envolvem em confusão. No ano passado, quatro foram investigados pela corregedoria depois de terem sido flagrados paquerando em serviço.

Comente e compartilhe

comentários

Comentários (3)

  • Mari diz: 28 de abril de 2015

    Levando-se em consideração que a foto aparenta ter sido tirada em um motel, é óbvio o que aconteceu.

  • Walter reis diz: 28 de abril de 2015

    Tem feira no centro histórico de são jose sempre seg domingo do mês. Me estranha que nada fazem tem banca vendendo roupas do exercito polícia aeronáutica. Guarda municipal e ate mesmo do bop

  • Secretaria de Segurança de Balneário identifica moças que aparecem em foto comprometedora e contam com depoimento para identificação de guardas | Guarda-sol diz: 26 de maio de 2015

    […] e uma equipamentos que parecem pertencer à corporação. As duas são moradoras de Balneário e, depois que a imagem ganhou as redes sociais, há cerca de um mês, não foram mais […]

Envie seu Comentário