Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

To contigo, Zeca Camargo

30 de junho de 2015 87
Foto: João Cotta, Divulgação TV Globo

Foto: João Cotta, Divulgação TV Globo

 

A onda de críticas ao apresentador Zeca Camargo após ele ter traduzido em palavras a surpresa com  a comoção coletiva causada pela morte do cantor Cristiano Araújo é mais um sintoma da intolerância que anda à espreita, aguardando uma brecha para se mostrar. Lembrou muito, guardadas as devidas proporções, a histeria pós-Eleições: a absoluta impossibilidade de lidar com opiniões diferentes.

Zeca tem toda razão. Confesso que nunca ouvi falar de Cristiano até sua trágica morte e sinto muito que alguém morra de forma trágica aos 20 e poucos anos. Mas as manifestações públicas também me surpreenderam.

Carecemos de ídolos, sim. E a qualidade da nossa música popular também já foi melhor. Desde quando dizer isso é falta de respeito?

::: Veja opinião de Viviane Bevilacqua – Ídolos de verdade: Zeca tem os dele, eu tenho os meus, minha vizinha tem os dela

Minha solidariedade ao Zeca que vem enfrentando a ira de fãs do sertanejo universitário e que _ convenhamos _ não foi muito feliz ao tentar se redimir. O problema, meu querido, é que não se pede desculpa por falar a verdade.

Comente e compartilhe

comentários

Comentários (87)

  • Agaide diz: 30 de junho de 2015

    Time! Tudo é uma questão de time… Especialmente para um jornalista, que deve sempre ter ciência disto… Se ele pensa assim, poderia ter esperado o momento certo para proferir tal opinião… Lembre-se que uma verdade, dependendo da forma e hora em que for dita, pode ter tom de grosseria, de desrespeito. E, no caso em tela, com toda a certeza, ele escolheu a hora errada para manifestar a infeliz, me arrisco até em dizer, preconceituosa opinião, quanto aos sertanejos, pois era um momento de dor e de luto para os que gostam deste tipo de cultura. Time… Tudo na vida tem o seu momento certo…

  • Car_cwb diz: 30 de junho de 2015

    Também partilho da opinião lúcida e bem colocada neste blog.

  • JX diz: 30 de junho de 2015

    Meu amigo, Cristiano Araujo é um dos mais tocados desde 2011. Desconhecido? é o senhor, que nunca ouvi falar o nome.

    Atenciosamente.

  • Maicon S diz: 30 de junho de 2015

    Estou com o Zeca e com vc Dagmara …. show show!

    Para tudo, o povo tem uma desculpa, para tudo o povo tem algo para reclamar…. Cuidam mais da vida do visinho, do que a sua própria vida.

    Parabéns!

  • Alísio Pinto diz: 30 de junho de 2015

    Vocês são todos uns verdadeiros imbecis querendo tirar proveito em cima da trágica morte do cantor, que só trouxe alegrias para esse povão que o amava. Triste essa vida de um ser que precisa de um ídolo para se realizar, que vidinha fútil em seu Zecamargo.

  • lúcia diz: 30 de junho de 2015

    zeca camargo se ñ tem oq falar fica na tua groseirão

  • keury diz: 30 de junho de 2015

    Eu GOSTAVA muito desse site, mais depois depois dessa nuuunca mais eu quero ouviiir falar.

  • DORA T E diz: 30 de junho de 2015

    Zeca camargo esta certo no comentario ok falei…..

  • Antony diz: 30 de junho de 2015

    Bom, primeiramente, confesso que gosto bastante de sertanejo, logo gosto das musicas de Cristiano (IM). Respeito os sentimentos dos familiares, agora convenhamos, a morte foi trágica, e ele fará muita falta aos familiares com certeza, mas não se enganem, não vai fazer falta pra mais ninguém, nem aos que se dizem apaixonados pela música dele, logo virá um novo hit e estes fâs migrarão rapidamente para uma nova paixão. Nosso povo deveria aprender a respeitar opiniões diversas ao invés de sair metralhando críticas….e meu caro Agaide, verdade não tem forma, a forma dela é a a própria verdade e muito menos hora, afinal depois de contada a mentira sempre é tarde pra voltar atrás e falar a verdade….

  • Mosko diz: 30 de junho de 2015

    JX, mais tocado onde ? Nas rádios que eu escuto não toca, então para mim é um desconhecido. O que é conhecido para uns é desconhecido para outros, apenas aceite.

  • vanio antonio diz: 30 de junho de 2015

    Tem toda a razão o Zeca Camarão.
    A título de ezemplo: quando do falecimento de um dos maiores empresários do País o Sr. ANTÔNIO ERMÍNIO DE MORAIS cujas empresas empregam mais de 200 mil funcionários e nas horas vagas ( se é que existiam ) dedicava-se a visitar e auxiliar doentes carentes da Santa Casa de Misericórdia de São Paulo o mesmo mereceu nem 10% do tempo dedicado pelas Tvs ao tal cantor.
    Triste realidade. É a TV trabalhando em benefício próprio até na hora da morte de pessoas que não merecem.

  • Artista semi famoso diz: 30 de junho de 2015

    Tantas pessoas que ajudam a sociedade e morrem anonimas.. Pelo menos. espero qu
    e aprendam a conduzir um veiculo mais devagar…. Leiam mais sob
    sobre a passagem pro outro lado

  • Thalles diz: 30 de junho de 2015

    Nada contra o estilo ou a pessoa do falecido mas que foi exagerada a exposição desse caso na mídia, isso foi.

  • MARCELO diz: 30 de junho de 2015

    TO CONTIGO ZECA, CADA UM TEM UM GOSTO E NÃO CONHECEMOS TODOS OS ARTISTAS E MUSICOS, ENFIM, PRINCIPALMENTE SE NÃO GOSTAMOS DO SEU GENERO MUSICAL.

  • pamela diz: 30 de junho de 2015

    Não sei qual pais Vc vivem…..Cristiano Araújo ficou o ano passado durante oito meses com a música em primeiro lugar em todas as radios…principalmente na região sudeste.. e ele não era um cantor de uma musica só… ao contrario alem de cantor era compositor e gravou varias musicas com diversos outros artistas..todos os grandes programas da TV já tiveram especiais com ele.os videos dele na NET com milhões de visualização….. como Vc podem dizem que ele não eh nada….todos os canais que aparecia o Cris dava muita audiência… ao contrario do video show dos últimos tempos…..neh!!!!! Ninguém eh obrigado gostar de ninguém mais as pessoas tem que aprender a reconhecer os valores das outras……..#quemezecacamargo…..faco parte do Brasil que ama musica sertaneja….

  • Renata Ataner diz: 30 de junho de 2015

    Quanta intolerância. Já ouviram falar de Puccini?
    Tudo é uma questão de gosto. O Cristiano Araújo foi o mais tocado em 2011, 2012, fevereiro de 2015, sei lá. Não curto sertanejo. Nunca tinha ouvido falar dele. Lamento pela precoce partida, lamento, principalmente pela família, mas ídolo nacional ele não era. Ídolo do Sertanejo, sim.

  • João Alguém diz: 30 de junho de 2015

    O bizarro estardalhaço midiático da rede globo, explorando comercialmente sem pudores, o funesto desfecho da vida de um artista novato em ascenção, desnuda – outra vez – o desespero de uma empresa agonizante, sedenta por IBOPE, dispendendo enorme recursos de pessoal, e de sua parnafernália tecnológicana, servindo-se das mazelas alheias, imitando as emissoras rivais, de menor poder econômico, que auferem altos lucros, e índices de audiência com essas baixarias. Basta ver as programações e constatar o descambo global.

  • Quel diz: 30 de junho de 2015

    Acho que a questão não tem em ser ou não conhecido para alguns. A questão está em que o que é bom para alguns pode não ser para o outro, e respeitem as diferenças. A questão de gostar de um estilo de música diferente nada tem a ver com pobreza de cultura ou ídolos, acho que tanto vc que cuida deste blog e o Zeca Camargo não estão respeitando o gosto individual de cada um, e cada vez mais na tentativa de se justificar estão sendo infelizes nos comentários. O que deveria ser criticado realmente, não é a tristeza que vocês dois julgam como os pobres de cultura sentiram, deveria ser sim a forma que toda a área jornalistica que essa sim parece não ter nada “cultural” melhor para produzir, se exceder neste tipo de acontecimento para utilizar seus minutos de fama, seus espaços em jornais, sites enfim, em toda forma de mídia. Fica a dica, sujo falando do mal lavado não cola.

  • Heitor diz: 30 de junho de 2015

    Zeca Camargo é um tipo babaca egocêntrico. Quer dizer que somente o que ele ouve é cultura? É extremamente preconceituoso da parte dele dizer que o cenário musical esta pobre, sem cultura. Não sou fã de sertanejo universitário, mas respeito de qualquer forma a musica e os que são fã’s desse estilo musical. Seria preconceituoso da minha parte dizer que todos os fã’s desse estilo são sem cultura e foi isso que esse estupido apresentador quis insinuar. De qualquer forma liberdade de expressão é permitida no Brasil e enquanto um blog “conhecido” apoia um tipo de intolerância a gostos musicais, o que eu um mero desconhecido posso dizer alguma coisa. Fica minha dica a essa “culta” blogueira que assim como esse querido apresentador, concorda que o gosto pessoal pode definir uma pessoa culta de uma ignorante.

  • Marcelo diz: 30 de junho de 2015

    Cara, eu não posso acreditar nisso, só pode ser brincadeira! Tu és jornalista meu, assina um blog de sei lá, variedades e diz que desconhece determinado artista. Por serem jornalistas tanto você quanto o Sr. Zeca ai tem a obrigação de estarem antenados a tudo que rola no País e no mundo, como confiar em jornalistas que desconhecem isso ou aquilo sobre o meio que estão inseridos, seria a mesma coisa que um advogado dizer que não entende nada de lei, pelo amor de Deus, pare de assistir DVD’s ou seriados na Netflix seus alienados e assistam uns 10 minutos de TV aberta por dia, e principalmente ouçam um pouco mais de musica sertaneja, quem sabe assim expandam seus horizontes e aprendam um pouco mais sobre a cultura de nosso Brasil. Lamentável.

  • Ronaldo diz: 30 de junho de 2015

    Salve a hipocrisia e massificação da opinião!!!
    Qualquer mente pensante que ouse discordar da massa ignara tem de ser banida dos meios de comunicação sob pena de suscitar o discernimento da população!
    A propósito, eu que não compartilho do gosto por música breganeja, tive de me socorrer do pai google para saber quem foi o tal cantor, que era famosíssimo, mas só entre o público dele.

  • Eduardo diz: 30 de junho de 2015

    Não gosto desse blog nem do Zeca Camargo, mas concordo com a opinião de ambos. Sou mais um que nunca tinha ouvido falar do tal Cristiano Araujo e nem fazia questão. Sempre respeitei os sertanejos tradicionais pois era clara a autenticidade que transparecia em suas canções, mesmo que não fosse meu estilo musical favorito, agora, esse “sertanejo universitário” é algo tão fabricado que chega a dar nojo. Não sei como as pessoas engolem isso. É nheco nheco pra cá, é quero tchu e quero tcha pra lá, uma bobagem sem fim, de uma qualidade musical totalmente pobre e podre. Ainda semana passada morreu o grande Nico Fagundes, um cara que influenciou mais de uma geração com o seu trabalho e quanto tempo de tela foi dedicado a ele? 2 minutos no Jornal Nacional. Zeca Camargo tá mais que certo mesmo, o povo gosta de consumir lixo e o blog mais certo ainda em afirmar o que também penso: quando se fala a verdade não se deve pedir desculpas.

  • Charles diz: 30 de junho de 2015

    E do Nico Fagundes? Alguém falou?

  • Paulo Almeida diz: 30 de junho de 2015

    Quem e vc zeca camargo??. E blogueirinhos q vivem de falar da vida do outros ..deveriam se infomar melhor so um poquinho. Todo mundo tem o direito de falar o q quize mas tem o dever de saber doque vai falar..

  • thiago diz: 30 de junho de 2015

    Cristiano Araujo, sejam lá quem vc for, descanse em paz.
    #ZECACAMARGOTEMRAZAO.

  • Mary Angela diz: 30 de junho de 2015

    Concordo com vc, Dagmara, e com o Zeca Camargo em gênero, número e grau!

  • José Augusto diz: 30 de junho de 2015

    Sou um dos que não conheceu Cristiano Ronaldo….

  • Carlos diz: 30 de junho de 2015

    Acredito que você foi mais infeliz que o Zeca Camargo em querer defender uma pessoa que em seu papel em um canal de alta expressão no cenário Brasileiro devia entender melhor a cultura do nosso Brasil que, aliás, é muito extensa, cada região uma cultura, enfim.
    Muito Infeliz o comentário dele em falar sobre empobrecimento da cultura Brasileira!
    Se o cara não gosta desse tipo de musica pelo menos tenha respeito, se contenha nas palavras que vai falar ainda mais por se tratar de uma pessoa que sua opinião é exposta para o Brasil todo. Faltou respeito sim.

    Diante desse exposto onde muitos agora querem falar sobre esse assunto para ganhar audiência da mesma forma que essa colunista quis. Só digo uma coisa
    Vocês dois de boca calada são uns poetas!

  • Ligia diz: 30 de junho de 2015

    Tô contigo, Zeca, tbm não conhecia até a noticia, e eles exageram demais, os noticiários. E devem respeitar as opiniões.

  • Sidnei diz: 30 de junho de 2015

    Acredito que todos que escreveram aqui buscam defender um ponto de vista que para cada um é importanto, portanto, todos, sem exceção tem o meu respeito e a minha admiração.
    Eu, por gosto, não acompanho os cantores e músicos que manifestam sua arte dessa forma. Tenho outras preferências! E é por esse único motivo que não conhecia o rapaz. Tenho comigo que antes de tudo todos são seres humanos e devem ser respeitados com suas opiniões e, certamente, tal fato gera e gerará debates, justamente pelas escolhas e pontos de vista.
    Sou um cara que acredita na imortalidade da alma e vejo na morte apenas a morte do corpo físico. Posso dizer por conhecimento de causa, que tanto o rapaz, como a moça, tiveram um grande impacto, pois essa forma de desenlace é bastante impactante. Por isso, precisamos deixar de ter os conflitos pessoais, para que eles possam continuar os seus caminhos. A todos que estão lendo ou lerão minhas palavras, vejam, é só a minha opinião, pois não há necessidade que compartilhem, mas, a morte é uma incognita e, portanto ela deveria ser mais estudada e levada a sério. Para aqueles que acreditam na continuação da existência, 50% possibilidade, para os que não acreditam, os outros 50%, portanto, vamos conviver com as diferenças, pessoal. Abração e felicidades a todos.

  • rubens machado diz: 30 de junho de 2015

    Menos um cantor de música brega, irritante, ritmo chato. ESSE CARA NAO ERA CONHECIDO POR TODOS E PONTO FINAL. ZECA CAMARGO ESTÁ CERTO.

  • Ana diz: 30 de junho de 2015

    A pessoa ( que se diz jornalista) desse blog conseguiu 5 minutos de fama, pois ate antes dessa publicação alguém conhecia ela?

  • Renato trentini diz: 30 de junho de 2015

    Esses caras nunca vao se formar ? quando acaba o curso deles para acabar logo esse sertanejo universitário ?

  • Lucio Guimarães diz: 30 de junho de 2015

    O Zeca Camargo esta correto, pois as pessoas hoje estão procurando “heróis” para preencher o vazio em suas vidas. O acidente foi trágico mais infelizmente não é novidade no Brasil, mais a comoção nacional extrapola, pois acontecem vários acidentes semelhantes no Brasil e ninguém faz alarde.

  • Rose diz: 30 de junho de 2015

    Fala o que quer ouvi o que não quer; agora aguenta. Cristiano Araujo pode não ter sido conhcido no Brasil inteiro mas ele tinha muitos fãs, e zeca escolheu uma pessima hora pra expressar esse ponto de vista.

  • Sergio diz: 30 de junho de 2015

    Deus o tenha.. ficou famoso na morte mesmo pois eu que ouço musica todos os dias nunca tinha ouvido falar (e pela forma que a morte ocorreu).

    O comentário do colega Ronaldo acima foi perfeito…

    A música brasileira não perdeu nada, afinal de contas o que esse rapaz fazia provavelmente outros 500 fazem igual… se fosse um Caetano (e olha que nem gosto de Caetano) dai a coisa seria diferente.

  • Ana diz: 30 de junho de 2015

    E depois tem a capacidade de dizer que é jornalista? Que tipo de jornalista não respeita a opinião dos outros? Que vem falar de cultura? quer dizer que por gostar de um tipo de musica a pessoa não tem cultura?? se formou onde? No Paraguai? por isso desconhecia esse blog um lixo, vou continuar a não ler.

    Pobre de cultura é você!

  • A.A. diz: 30 de junho de 2015

    Fará com certeza falta para a família, para a musica nem tanto pois são cantores genéricos que tampam o buraco um do outro sem o menor trabalho, de fato são todos se não a mesma coisa muito parecidos. O ponto é que não é a qualidade do trabalho que esta em jogo pois realmente tocam exaustivamente nas rádios e lotam shows, o fato é que a população em sua maioria não esta consumindo musica e sim o estilo de vida cantado nas musicas, não são os artistas o problema cultural, somos nos o povo.

  • Lola diz: 30 de junho de 2015

    O mais interessante é que todo mundo (ou a grande maioria) que caiu de pau em cima do Zeca Camargo o fez alegando que ele foi desrespeitoso, que gosto cada um tem o seu. Então! Onde está o respeito à opinião dele, ao gosto dele? Ele não tem o direito de se manifestar? Ele só pode ser respeitado se sustentar a mesma opinião que a de seus críticos?
    Se esse rapaz era famoso, o mais tocado, aparecia em todos os programas de TV aberta, ta aí um bom motivo para eu não conhecê-lo. Não assisto Angélica, Luciano Huck, Eliana, Regina Casé, Ratinho, Gugu, Fátima Bernardes, nem nada do gênero – gosto pessoal meu!
    Assitia ao TVZ, do Multishow. Até que começaram a passar quase só clipes de sertanejo universitário, Anita e companhia Ltda. Não assisto mais – gosto pessoal meu!
    Escutava com frequência a Rádio Atlântida, mas aí começaram a tocar Anita e companhia Ltda. Parei de escutar – gosto pessoal meu!
    Porque não aprecio os programas de TV em que esses artistas se apresentam, nem as rádios onde suas músicas tocam, é que não conhecia o músico Cristiano Araújo – pelo menos até ele falecer tragicamente e todos os sites só falarem sobre isso.
    Pra mim parece muito fácil de entender. Não é que eu seja esnobe, ou me ache melhor do que ninguém. Em razão do meu gosto pessoal, não conheço esse nem outros tantos sertanejos, funkeiros, pagodeiros, etc.
    Alguém aqui já escutou Devotchka? Assistia a novela Meu Pedacinho de Chão porque, inacreditavelmente, a trilha era quase toda deles. Esse é o tipo de música que eu curto. Gosto pessoal meu! A maioria (se não a totalidade) nunca deve ter ouvido falar. É da vida – há quem prefira o verde, outros o amarelo.
    Só não admito não poder externar minha opinião, meu gosto pessoal, questionar quem é uma pessoa que eu nunca vi só porque contraria os outros.

  • Deise diz: 30 de junho de 2015

    O Fato de vc conhecer ou não o tal cantor ou gostar ou não de tal gênero de musica, vc tem q ser mau educado, grosseiro e ridicularizar as pessoas que sentiram pela sua partida!
    Qual o problema de milhões de pessoas se sentirem tristes, chorarem? Olha o que o ser humano tah virando! As pessoas tem q gostar do q vc gosta? Tem que ser frias, não podem demostrar sentimentos pq tem alguns ficam criticando! Gente que falta de amor!
    Enquanto minhões de pessoas colocavam fotinhos coloridinhas no face que se comoveram com a decisão dos EUA de aprovar casamento entre pessoas do mesmo sexo tem pessoas que se comove com a morte de alguém, seja conhecido ou não seja meu cantor preferido ou não! Infeliz hora q ele escolheu para expor sua opinião!

  • Silvana Alguém diz: 30 de junho de 2015

    O que assusta em toda essa polêmica é ver a intolerância brotando de vários meios, seja do pseudo-apresentador global colocado na geladeira que, por não ter conhecimento do artista deveria ter se informado mais e respeitado a dor alheia, ou seja pelos próprios fãs que deram ao citado pseudo- apresentador os 15 minutinhos de fama à custa de tantos comentários negativos que não amenizaram em nada a perda do artista. Cada um com seu gosto, com sua cultura, com suas paixões nacionais, mas TODOS, absolutamente TODOS COM MAIS RESPEITO E TOLERÂNCIA AO PRÓXIMO. E vamos nos unir numa causa urgente: o nosso país!

  • Carlos Jorge diz: 30 de junho de 2015

    Me surpreendeu de ver quanta gente conhecia esse rapaz que faleceu.Eu não o conhecia, apesar de gostar do estilo musical que ele cantava. Não vi maldade no que o Zeca e a colunista escreveram. Faria uma correção no texto acima:( Carecemos de ídolos sim )
    Sera que precisamos mesmo ter ídolos para ser feliz ?

  • Marcelo Schmitz diz: 30 de junho de 2015

    Não vou ficar defendendo ninguém, mas quem é Zeca Camargo? Sua própria emissora “exaltou” a morte do cantor e ele vem falar asneiras sendo que é menos famoso que o dito cujo, foi pedir desculpa de tanto esculacho que levou e piorou ainda mais a situação, enfim, perdeu a oportunidade de ficar calado.

  • VITOR ILO HERZOG diz: 30 de junho de 2015

    TB SÓ FUI CONHECER O RAPAZ APÓS SUA MORTE…QUANTO AO SEU GÊNERO MUSICAL CADA UM TEM OS SEUS PREFERIDOS. DOS SERTANEJOS EU PREFIRO O “PRIMÁRIO”…AQUELES MAIS ANTIGOS SE ÉS Q ME ENTENDES ,OU SEJA, MÚSICA SERTANEJA DE RAIZ.

  • santiago diz: 30 de junho de 2015

    Se ele é desconhecido, pq vc, toma seu tempo para escrever sobre um desconhecido?
    Quer holofotes também? ou só não sabe perder a chance de ficar calada?

  • Marcos diz: 30 de junho de 2015

    Tô rindo até agora do “time” to primeiro comentário… Caso queiras escrever em inglês para parecer mais “intelectualizada”, Agaide, sugiro que aprendas a palavra correta antes de usá-la…

  • Lauri diz: 30 de junho de 2015

    Zeca so falou a verdade e nada mais!! Se alguns milhoes o conheciam outros milhoes incluindo a min nao o conheciam..

  • MARCELO IVO MELO VANDERLINDE diz: 30 de junho de 2015

    Intolerância é uma palavra que define bem os tempos atuais.

  • Wagner diz: 30 de junho de 2015

    A verdade seja dita, era um cantor recente, que muito nao o conhecia. Ele era tao conhecidoque a Fátima Bernardes e. E a Sonia Abrao que criticava o Zeca Camargo por falar que o Cristiano era desconhecido , chamou o Cristiano. Araujo de Cristiano Oliveira por duas vezes!! Elw nao era tao conhecido???

  • Mayara diz: 30 de junho de 2015

    A questão não é se o Cristiano Araujo era famoso ou não, foi o desrespeito com os fãs e SIM eram muitos, com a dor da família.
    Se o Zeca Camargo não gosta de sertanejo problema é dele, é a música mais ouvida no nosso país, é questão de gosto, como eu não gosto de Metal, Samba, mas não é por isso que vou sair por ai falando asneiras e desrespeitando cantores e artistas desse gênero musical.
    Assim como Zeca, você também está utilizando o bafafa da morte de um grande cantor pra encher seu blog de comentários e visitas. E conseguiu…

  • Marcos Alexandre diz: 30 de junho de 2015

    Paixões a parte, também só fui conhecer o cidadão depois da tragédia, depois fui saber que o tal do “bere bere” era dele. Foi uma pena, duas pessoas tão jovens irem embora tão cedo. Mas não se esqueçam que isto ocorre todos os dias, com muitos anônimos. Concordo em parte com o Jeca Camargo, mas ele também precisa saber que cada um tem o seu ídolo e ninguém é obrigado a seguir ou curtir os dos outros. No geral, temos que parar de dividir tudo em classes, categorias, católicos, evangélicos, heteros, homos, petistas, coxinhas, pagodeiros, sertanejos, baladeiros, etc. tô de saco cheio.

  • andre diz: 30 de junho de 2015

    babaka a blogueira esse Eduardo e um troxa mesmo ….fui eu nojo

  • paulo borba diz: 30 de junho de 2015

    Concordo com o que escreveu Zeca Camargo e a colunista. Mas acho que essa choradeira, esse alvoroço todo deve ser porque a Globo tinha investido na carreira do cara. Só lamento, detesto sertanojo e nunca ouvi falar nesse cara. Ainda choro por Cazuza, Jimi Hendrix, Janis Joplin, Amy Whinehouse etc, afinal meus heróis morreram de overdose e hoje esses daí é que me matam de tanto rir com suas músicas grosseiras e sem sentido.

  • andre diz: 30 de junho de 2015

    eles apagam comentários que não gostammm…por favor ne bloguerira e zeca vcs não estão respeitando a dor dos faz e famlia….

  • Cristiano Gonçalves diz: 30 de junho de 2015

    Fiz comentário semelhante ao dele.

    Dessa vez eu concordo com o Zeca Camargo. Ter como ídolo um cara que a grande obra é “bara, bara, bara, bere, bere, bere” é o cúmulo da carência.

    O que esse tal Cristiano trouxe de novo e construtivo para a música sertaneja? Respeito o talento de pessoas como Almir Sater, Renato Teixeira e Rolando Boldrin, por exemplo. Mas essa vertente chamada de “universitário” apenas mostra a falta de criatividade, seja nas músicas ou nas letras.

    Sinto pela família e a perda irreparável de alguém querido. Mas, do ponto de vista cultural, esse era apenas mais um contribuinte para o retrocesso.

  • Leonardo Serpa diz: 30 de junho de 2015

    Zeca não falou mentira nenhuma, eu nunca tinha ouvido falar desse cantor, pois não tenho o menor interesse em música sertaneja e é justamente por isso que eu não ouço rádio, aliás, ouvir a programação musical das emissoras re rádio hoje em dia não me agrada e não me acrescenta nada. Se sou um alienado por não saber quem são os músicos que fazem sucesso no cenário da música comercial do Brasil? Sou sim, e confesso que nunca me sentí tão satisfeito em me considerar alienado, espero continuar assim por muito tempo.

  • Willian diz: 30 de junho de 2015

    Bom, a cobertura pode até ter sido excessiva sim, porém, ele era sim um dos mais famosos e respeitados pelo seu trabalho na música. Ele é desconhecidos pra alguns? Sim, mas é só para aqueles que não tem muito contato com a música sertaneja, para aqueles que são adeptos de outros estilos, porque para os adeptos e apaixonados por esse estilo musical, ele era mais que um simples cantos, ele era um ídolo sim. Não me espantou a quantidade de pessoas que se comoveram e acompanharam de perto ao velório, ao enterro, eram muitos fãs, eles arrastavam milhares de pessoas a cada show. Ele deveria antes de expressar a opinião dele, pesquisar mais, já que a cultura musical que ele prefere é de fora, ele gosta de conhecer músicas de outros países. Então, antes de expressar suas opiniões sobre um “desconhecido”, procure saber mais. Certo ?

  • Joel diz: 30 de junho de 2015

    O finado cantor, Cristiano, na verdade deixou um grande exemplo de que na América tudo é possível, inclusive ficar rico vendendo LIXO, igual a sua “obra”. Incrível como alguém tão jovem consiga montar tamanha usina de porcarias. Pena que a histeria coletiva, chamada de comportamento politicamente correto, nos obrigue a tolerar tudo de todos, com a boca amordaçada.

  • Marcos diz: 30 de junho de 2015

    Deixem as pessoas terem suas opiniões! Se o Zeca tem a dele, beleza. Se a Dagmara tem a dela, ok. Neste caso específico, concordo com os dois. Mas quem não concorda com eles não precisa fazer escândalo. Também não concordo com os “ídolos” do Zeca mas e daí?! Relaxem!! A vida é bem mais do que isso!!

  • Juliana diz: 30 de junho de 2015

    Você é uma ninguém que, assim como o Zeca, está querendo aparecer! O problema não é não conhecê-lo, isso ninguém é obrigado. Ninguém tem que gostar do que eu gosto, da mesma forma que NÃO TEM O DIREITO DE FALAR QUE O QUE EU GOSTO É PIOR DO QUE O QUE VOCÊ GOSTA!!! É falta de respeito a partir do momento que fala mal porque o que é ruim pra você pode ser ótimo pra mim. Você pode dizer que VOCÊ não gosta, mas não que A VERDADE ABSOLUTA é que o seu gosto é melhor que o meu. É falta de respeito quando se aproveita de uma tragédia e do sofrimento de milhares de pessoas para aparecer e, provando a intolerância, quer impor o seu gosto sobre o gosto alheio. Me deixem gostar do que eu gosto e dane-se se para você é ruim. É só não ouvir, não assistir, troca de canal, coloca um dvd do que VOCÊ GOSTA pra tocar e não enche o saco dos outros. Carecemos de ídolos? Vocês devem carecer para a música “culta e refinada” que gostam. PARA MIM e para o meu gosto “pobre e popular”, estou bem servida de boas pessoas que me alegram com suas músicas. EU não preciso de ídolos, EU gosto de pessoas comuns que me fazem bem e me entristeço com a perda delas.

  • José Carlos diz: 30 de junho de 2015

    A única coisa que me pergunto é porque ele e outras pessoas não se pronunciaram antes da morte do cantor? acredito que uma opinião não se forma da noite pro dia certo? Rapaziada, trabalhem um pouco mais duro pra alcançar sua Fama, pois não é encima da morte de um ídolo sim, sertanejo que vocês vão conseguir isso. no máximo 15 minutinhos.

  • Daniel diz: 30 de junho de 2015

    #QuemÉZecaCamargo

  • Alísio Pinto diz: 30 de junho de 2015

    O Vanio tu estás de sacanagem ou nós todos aqui temos que chamar a polícia pra te levar engaiolado para a escola do Balduíno! Faz isso não cara escrever exemplo com Z, tu azzombastes a tarrafinha do papai tchoda! cica cica nhu nhu, mode mode tonho!

  • Joana diz: 30 de junho de 2015

    Também acho que o Zeca tem razão em falar que carecemos de ídolos, mas ídolos na área do jornalismo. Jornalistas que só conseguem ganhar atenção em cima de escândalos alheios é o que não falta. Não tenho um ídolo no jornalismo, aquela pessoa que traz as informações sem colocar sua opinião própria, esperando ser aceito por todos.

    Também nunca ouvi falar de você Dagmara Spautz. Mas acredito que se você morrer e várias pessoas ficarem triste com sua morte, essas pessoas vão ficar no mínimo, magoadas com alguém que falasse: Quem é Dagmara? Ou comparar a tristeza da dua morte com a modinha de um livro de pintar, como se você não fosse tão importante para tamanha comoção.

    Não que isso não fosse verdade, mas não precisa ser dito, entendes? Acho que esse é ponto de tantas pessoas ficarem revoltadas com o comentário dele. Se você pensar que ele poderia falar de um profissional da sua área, você também provavelmente sentiria essa mágoa.

  • thiago diz: 30 de junho de 2015

    Enfim … gente que fala “eu gostava muito desse site, mas agora que vc (concordou com o zeca camargo\criticou o desconhecido araujo) eu não acesso mais”. Essa gente não faz falta, é um adulto infantil … falaram mal do super herói dele, ele faz biquinho.
    Parece que chutaram um santo.

    Cadê a liberdade de se expressar aqui no Brasil! Todo mundo a tem como um valor estimado, primordial … desde que os outros estejam falando coisas com as quais concordamos. Bando de hipócritas.

    Devotchka é muio massa Lola!

  • joao augusto martins diz: 30 de junho de 2015

    O que tem a ve o Antônio Ermírio de Moraes com o Cristiano Araujo ???? kkkkkkk e cada um q apareçe.

  • Fabiana diz: 30 de junho de 2015

    DAGMARA E ZECA APOIADÍSSIMA… Ninguem merece essas musicas que doem o ouvido e não tem letra nenhuma, pessoas que gostam não devem prestar atenção no que ouvem.. infelizmente…

    faz tempo que não temos musicas que valem a pena ouvir e que trazem algo de bom para nossa cultura.

    Pra mim sertanejo universitário é para quem não tem cultura e gosta de ouvir qualquer porcaria.

    Por isso indico ANTENA 1

  • thiago diz: 30 de junho de 2015

    Sertanejo universitário e Funk são duas expressões culturais pobres.
    Só vem a mostrar a probreza cultural brasileira, e a ignorância de um povo em sua maioria semi-analfabeto.

    O refrão tem que pegar … senão a música não funciona, e quanto mais idiota melhor.
    “to ficando atoladinha, tchu tcha tcha, bere bara” … essa coisa toda. Quanto mais simples melhor, senão o brasileiro não grava.

    Desalento total o cenário musical nacional. Se vc gosta disso ai … azar o seu. Se o Zeca camargo e a Dagmara querem expressar sua opinião perguntando … quem é esse cara ai, que o façam. Vc ai … deixa de mimimi.

  • Sérgio diz: 30 de junho de 2015

    Nesse país ninguém mais pode manifestar sua opinião. Qualquer babaca virou polícia da moralidade e tá cheio de idiota se achando acima da razão.

  • Alexandre Prisco diz: 30 de junho de 2015

    Muito sensacionalismo.

  • Diego diz: 30 de junho de 2015

    Conseguiu seus minutos de fama, ao menos eles se esforçam a compor e tocar musicas, e voces? Se realizam com a morte dos outros… Isso sim é falta de cultura

  • Marcelo Stupp diz: 30 de junho de 2015

    Olha pra ser honesto, sempre achei um bologzinho de quinta categoria, tipo Chopa medias, como diria um amigo argentine.
    Raramente entrava aqui , salvo quando havia uma chamada na pagina do santa.

    Diga-se de passagem , não sou fã de musica sertaneja, agora que esse Boiola tanto quanto a blogueira perderam a oportunidade de ficarem de boca fechada…..
    Se voce fosse uma jornalista de “ponta” nao estaria ocupando o espaço que ocupa no momento ……..

  • thiago diz: 30 de junho de 2015

    Cala boca Marcelo Stupp … e volta para essa tua planilha em excel.

    Deixe de ser patrulhador dos outros e cuida da tua vida.

  • formiga diz: 30 de junho de 2015

    COMUNGO DA OPINIÃO DA DAGAMARA!
    Não se trata de ofensivo. Nem tampouco desumano ou cruel. Opiniões divergentes fazer bem a DEMOCRACIA. De fato o ABISMO CULTURAL que vivemos foi revelado em carne viva. O pedagógico da morte do “CRISTIANO RONALDO”: Usar o cinto de segurança é obrigatório, e, portanto, deve ser para TODOS. E mais, ser contrário a unanimidade neurótica não significa ser ignorante. Apenas pensar um pouco mais e não ser “WALKING DEAD”.

  • Willian diz: 30 de junho de 2015

    Me Respondam uma coisa: Se chegasse essa Dagmara e o Zeca em algum lugar do país para levar a “cultura” deles para as pessoas, eles levariam 1/10 do que o “desconhecido” levava em 1 show em uma cidadezinha ? A resposta é óbvia, Não. Ele levava milhares de pessoas em seus shows em cidades pequenas, agora imagine em grandes centros, isso porque ele estava em ascensão ainda, e o Zeca e a Dagmara? O Cristiano tinha 4 anos apenas de reconhecimento no Brasil todo, tinha milhões de fãs. Dagmara, além desse site, em que lugar do Brasil e quantos milhões de fãs você tem ? E o Zeca ? Zeca só saiu do Brasil pra fazer reportagens, conhecer lugares e culturas novas pra televisão, o Cristiano já fez turnê internacional para levar a cultura dele, o trabalho dele pra outras pessoas. E você Dagmara ? Provavelmente só saiu de férias do país.
    PARA EXPRESSAR SUAS OPINIÕES, É NECESSÁRIO SABER SOBRE ISSO QUE VOCÊ VAI OPINAR, CONHECER SOBRE ISSO QUE VOCÊ VAI OPINAR. ENTÃO, ANTES DE FALAR, FAÇA UMA REVISÃO SOBRE CULTURA.
    Ah, e principalmente, veja quem é mais desconhecido entre vocês 3 e individualmente, quem faria mais falta.
    Obrigado. :)

  • Djalma gonzaga diz: 30 de junho de 2015

    Lamentável a morte do cantor que com pouca idade era um vencedor, mais que a midia exagerou é fato, eu não o conhecia.

  • Nelson diz: 30 de junho de 2015

    Caramba, li quase todos comentários… Tive que mudar minha opinião sobre o “sertanejo”, achei que era só a “mulherada” que gostava dessa coisa, mas vi que a maioria são homens que estão queimadinhos defendendo o cara… kkkkkkk

  • EDUARDO diz: 30 de junho de 2015

    Quem é dagmar? quem é zeca camargo? escrevi no minusculo pra mostrar a importancia que esses dois tem ou seja nenhunha

  • elias diz: 30 de junho de 2015

    Melhor ter o cristiano araujo como idolo do que elis regina e amy whinehouse que morreram por causa de overdose e o povo aclama, jornalzinho sem noção esse santa hein?

  • elias diz: 30 de junho de 2015

    jornalzinho chinfrim esse que nao publica os comentario contra essa blogueira sem noçao querida sai de blumenau e respire outros ares ok?

  • Leonardo Serpa diz: 30 de junho de 2015

    Lembro da época que a música da moda era o “ai se eu te pego”. lembro que eu saía na rua tinha carros com essa música tocando alto, nos noticiários tinha reportagens sobre isso, nos intervalos de programas da tv aberta, etc. Lembro do inferno que era tocar esse lixo musical e ele ficar grudado na cabeça e eu ficar matutando aquela porcaria o dia inteiro, aceitei quieto, não tem como ir contra.
    Agora vem o Zeca e expressa a sua opinião, a dagmara expressa a dela, e vem um monte de gente que nem acessa o blog, um monte de gente que não aceita a opinião alheia, e fica de mimimi?
    Vão ouvir a porcaria do teu sertanejo universitário, se ocupar com a maravilhosa música que expressa aquilo que representa a tua vida, e parem de encher o saco. Quem não gosta tem o direito de não gostar e dizer que não gosta, é só não ler a matéria e voltar pras suas vidas, vão ouvir michel teló que vocês ganham mais.
    ah, e parabéns Dagmara, fico feliz em ver que existem jornalistas que expressam sua opinião e não ficam tentando agradar os outros!

  • Leiam mais… Direito à expressão diz: 1 de julho de 2015

    TODOS QUE OUSAM TER UMA OPINIÃO DIFERENTE SÃO CENSURADOS… MAS É FÁCIL ENTENDER, BASTA VER O EXEMPLO DE EDUCAÇÃO E CULTURA NA TRAVESSIA DE UMA FAIXA DE PEDESTRES. QUE FIQUE NA LEMBRANÇA DAS PESSOAS NÃO A MORTE DE UM ARTISTA, MAS A ATENÇÃO NAS REGRAS DE TRÂNSITO…

  • Marcelo Stupp diz: 1 de julho de 2015

    thiago
    Com letra minúscula sim . Babacão você…. Este Blog deveria expor o real nome das pessoas e telephone , seguramente mais de 99% dos comentarios sumiriam . e Babacões feito este imbecil do thiago…… na postaria esta enxurada escatologica….
    naosabe o que significa babacao analfabeto .. informe- se

  • Elisabete Pitanga diz: 1 de julho de 2015

    Para aqueles que perguntam quem é Zeca Camargo vou lhes explicar, porque talvez vocês conheçam colunistas de fofocas sobre artistas que difamam as pessoas, são processadas e obrigadas a pagarem indenização como foi o caso daquela repórter que inventou o caso do Zeca Camargo e Raí, foi condenada a pagar indenização por CALÚNIA. Zeca é um profissional com quase 30 anos de jornalismo, tendo passado pela MTV, Folha de São Paulo, Tv Cultura, ficou por 18 anos à frente do Fantástico e diferente dos desinformados não saiu porque o programa estava mal, e sim porque queriam que ele apresentasse o Vídeo Show o que não foi muito feliz devido o seu perfil profissional.É um profissional convidado a dar palestras em faculdades inclusive fora do País. Hoje é uma pessoa que vem sendo agredido desrespeitado por aqueles que não conseguiram entender a sua crônica PERFEITA e que assino em baixo. Que em nenhum momento foi desrespeitoso com o Cristiano Araújo que eu e muitos não conheciam mesmo isso é fato, ou com a música sertaneja. O que vejo são muitos oportunistas se valendo de um texto mal interpretado e distorcendo o que foi dito, pegando trechos isolados para fomentarem ainda mais a fúria de algumas pessoas totalmente sem educação. O que se vê nas redes sociais e principalmente no insta particular do Zeca é sim prova de uma falta de cultura gritante, falta de respeito, desequilíbrio e uma assustadora FALTA DE EDUCAÇÃO.Cobram respeito e são extremamente desrespeitosos, e só estão nessa fúria toda porque se trata de um famoso, porque desrespeito foi a profissional que gravou o vídeo do artista morto com o corpo aberto e divulgou nas redes sociais. Isso não incomoda, não choca porque com certeza muitos desses hipócritas com certeza assistiram e compartilharam o vídeo.Não incomodam a essas pessoas a roubalheira no país, a volta da inflação, a criminalidade, isso sim que imoralidade e falta de respeito com o Brasil. Parabéns Zeca, parabéns Dagmara!

  • BOTA O CINTO, ANDA DEVAGAR diz: 2 de julho de 2015

    REPITO: BOTA O CINTO, ANDA DEVAGAR… NOTICiAS DE MORTE NO TRANSITO SAO TAO BANAIS NO BRASIL, QUE A GRANDE MASSA NEM SE IMPORTA MAIS… VI CENTENAS DE COMENTARIOS SOBRE O ACIDENTE COM O FAMOSO DESCONHECIDO, MAS A MAIORIA NEM SE LIGOU QUE A IMPRUDENCIA MAIS UMA VEZ VENCEU A GUERRA DO TRANSITO… ENTAO, VOCE AI QUE TEM SEU PÉ PESADO, GOSTA DE ANDAR ACIMA DO LIMITE, PENSE UM POUCO – OU VOCE TEM UMA VIDA ESTEPE?

  • BOTA O CINTO, ANDA MAIS DEVAGAR, OU…. diz: 2 de julho de 2015

    CANSAMOS DE VER DIARIAMENTO OS MAUS EXEMPLOS NO TRANSITO – MESMO SEM SABER O REAL CULPADO DO ACIDENTE, 2 DETALHES IMPORTANTES TODOS SABEMOS:

  • Geraldo Luis diz: 2 de julho de 2015

    Grande cultura esse Zeca Camargo tem apresentando programinha contando sobre vida de globais e novelinhas. O Cristiano foi um exemplo de trabalhador e batalhador, provando que valeu a pena por ele ter chego onde chegou.
    Num país que se cria bandidos, a vida dele tem que ser celebrada e homenageada! São duas famílias chorando neste momento.

    Que cultura tem esse Video Show e as novrelas da Globo heim, patrabéns blogueira!

Envie seu Comentário