Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

"Se o contrato não for prorrogado a expansão dos nossos negócios ficará comprometida", diz superintendente da APM Terminals

17 de julho de 2015 1

O diretor superintendente da APM Terminals no Brasil, Ricardo Arten, manifestou-se sobre as reuniões em Brasília que trataram da possibilidade de extensão do contrato da arrendamento do Porto de Itajaí.  Reiterou a intenção da empresa de investir mais de R$ 160 milhões no terminal caso consiga aplicar o que é válido, hoje, pela nova lei dos portos: a renovação por tempo igual ao do primeiro contrato (que, no caso, é de 21 anos).

_ Acreditamos no potencial de crescimento de negócios e atração de mais armadores e cargas para a cidade, impulsionando empregos e desenvolvimento econômico. Este é o momento de sensibilizarmos o Governo Federal, as agências reguladoras e o Judiciário a equilibrar as condições de competitividade do Porto de Itajaí _ afirmou.

::: TCU vai avaliar legalidade de extensão de contrato

A APM Terminals adquiriu 50% do Terminal de Contêineres do Vale do Itajaí (Teconvi) em 2005. Em 2007, passou a controlar 100% do terminal, cujo início das atividades ocorreu em 2002, após o Teconvi conquistar vitória na licitação conduzida no ano anterior.

_ Primeiramente precisamos da prorrogação do nosso contrato, é nisso que estamos focados. Se nosso contrato não for prorrogado levando em consideração o período original do contrato de arrendamento (21 anos e 2 meses), a expansão dos nossos negócios ficará comprometida _ declarou Arten.

O argumento da empresa para pedir a extensão de contrato é “compensação e reequilíbrio”, considerando situações como as duas enchentes, em 2008 e 2011, e atrasos em liberações de licenças que teriam prejudicado a operacionalidade.

Comente e compartilhe

comentários

Comentários (1)

  • Jackson diz: 17 de julho de 2015

    O momento de equilibrar a competição, deveria ter sido na liberação das licenças, nas audiências públicas, dada a situação do público, já consolidado x privado no mesmo canal. Deveríamos ter 2 públicos isso sim ! O porto pelo que sei a administração é Municipal e faz um certo tempo ou estou enganado ?

Envie seu Comentário