Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Justiça concede prisão especial para vereador Zé Ferreira e determina transferência

22 de julho de 2015 1
Foto: Divulgação Câmara de Vereadores

Foto: Divulgação Câmara de Vereadores

 

O Tribunal de Justiça de Santa Catarina concedeu ao vereador licenciado Zé Ferreria (PP) o direito de prisão especial. A decisão, assinada pelo desembargador Moacyr de Moraes Lima Filho, tem data de 21 de julho e determina que Ferreira seja transferido para o 1º Batalhão da Polícia Militar.
O vereador foi preso preventivamente durante a Operação Parada Obrigatória, do Gaeco, no dia 14 de julho.

De acordo com o despacho do magistrado, o mandato de vereador permite o recolhimento em prisão especial e pode ser concedida se não há condenação.
A determinação seria válida apesar de Zé Ferreira ter pedido licença do cargo de vereador antes da decisão do TJSC.  Nesta terça-feira Vanderley Dalmolin (PP) assumiu a cadeira no Legislativo.

Separado

Desde a prisão Zé Ferreira tem sido mantido em uma cela separada, onde só podem lhe fazer companhia internos que tenham perfil semelhante. O motivo para a segregação foi o fato de ele ter ocupado um cargo de direção na Secretaria de Segurança Pública do município.

Medidas como essa são tomadas para garantir a segurança do preso.

Comente e compartilhe

comentários

Comentários (1)

  • rafael diz: 22 de julho de 2015

    “mas ele tem ensino superior para ter este privilégio?”…..
    Lamentável.

Envie seu Comentário