Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Ministério Público denuncia sete envolvidos com obra da Passarela da Barra

08 de agosto de 2015 4
Foto: Marcos Porto

Foto: Marcos Porto

 

A 9 ª Promotoria de Justiça de Balneário Camboriú ingressou com ação civil pública por improbidade administrativa contra sete envolvidos nas obras da Passarela da Barra. Agentes públicos e particulares estão entre os denunciados.

Os nomes ainda não foram divulgados pela Justiça. O Ministério Público pede condenação, perda de cargos públicos para os que os detêm, perda de direitos políticos e proibição de firmar novos contratos com o poder público.

Investigações em torno da Passarela da Barra integraram o inquérito da Operação Trato Feito, deflagrada em setembro do ano passado pelo Gaeco.

Comente e compartilhe

comentários

Comentários (4)

  • Renato diz: 8 de agosto de 2015

    Caso sejam condenados, além de ressarcir o montante envolvido e a pena de prisão, que paguem pelo atraso da obra e pelos custos da sua conclusão. Fizeram a m… a obra ficou parada, está se deteriorando no tempo, o que vai elevar ainda mais o custo da sua conclusão. Mais Cara Dagmara e amigos, anotem… ano que vem ela será entregue a população, numa baita cerimonia com tudo que tem direito e mais um pouco, afinal estaremos em ano de eleição!!!

  • INACIO HERCILIO diz: 10 de agosto de 2015

    CONFIO NA JUSTIÇA, CONFIO NOS MEIOS DE DIVULGAÇÃO QUE TANTO ALERTARAM SOBRE AS IRREGULARIDADES NA PASSARELA DA BARRA E AGORA VAMOS AGUARDAR OS NOMES DA LISTA PARA QUE TODOS SAIBAM OS ENVOLVIDOS E QUE SEJAM JULGADOS APESAR DAS NOSSAS LEIS FRAGEIS.

  • JOSE diz: 10 de agosto de 2015

    Balneário carecia de um monumento.
    Agora o temos….
    MONUMENTO A INCOMPETÊNCIA DE GESTÃO POLITICA E ADMINISTRATIVA DA ATUAL LEGISLATURA.
    E viva a fauna braZileira……

  • Sandro Becker diz: 10 de agosto de 2015

    Tem gente que acha que caixão tem cofre…Cadeia para os corruptos. Nosso país passa por dificuldades graças e essa gente que só pensa em si próprio, em seu bolso, eu seu beneficio.

Envie seu Comentário