Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Lei que obriga a manter vigilantes nos caixas eletrônicos não tem adesão em Balneário Camboriú

16 de agosto de 2015 2

A lei que obriga as agências bancárias de Balneário Camboriú a manterem um vigilante na área de autoatendimento durante todo o período de disponibilidade dos caixas eletrônicos entrou em vigor esta semana _ mas, pelo menos por enquanto, não teve adesão dos bancos.

Não é difícil entender por quê: a lei, proposta pelo vereador Roberto Souza Junior (PMDB), aprovada pelo Legislativo e sancionada pelo prefeito Edson Piriquito (PMDB), não tem aplicação prática.

Para começar, para colocarem um vigilante à disposição os bancos teriam que construir uma estrutura de cozinha e banheiro junto aos caixas (já que, com a agência fechada, o vigia não pode entrar no banco sem que dispare o alarme), ou então, fecharem o autoatendimento mais cedo.

Em Tubarão, onde foi aprovada lei semelhante, as agências optaram pela segunda alternativa e deixaram os clientes na mão. Os vereadores, então, não tiveram outra saída senão recuar _ sob pena se serem responsabilizados pela redução no atendimento bancário aos cidadãos.

Em Balneário, caso o Procon fiscalize e multe as agências com base na lei, é bem provável que o mesmo aconteça. O tiro pode sair pela culatra.

O fato é que a própria Polícia Militar afirma que a presença dos vigilantes no autoatendimento não inibe os assaltos, que, via de regra, ocorrem no lado de fora da agência bancária. Os crimes mais comuns no caixa eletrônico são as explosões _ algo que um vigilante não seria capaz de conter sozinho.

Ao que tudo indica, será mais uma lei fadada ao fracasso.

Comente e compartilhe

comentários

Comentários (2)

  • Renato diz: 17 de agosto de 2015

    Exatamente Dagmara, mais uma lei fadada ao fracasso.
    Nosso legislativo parece que vive no país da fantasia. Se preocupar com mais médicos para atender nos postos de saúde, com os remédios que faltam na rede pública, mais segurança pública, mais educação, reduzir os cargos comissionados não fazem. Mais inventar leis estúpidas são mestres.
    Alguém tem dúvida que os bancos vão fechar o auto atendimento mais cedo caso o procon resolva fiscalizar?

  • Aloisio Gomes da Rocha diz: 20 de agosto de 2015

    Vejam a Lei 2599 de 10/07 aprovada pela Camara Municipal de São José dos Pinhais (PR). Vários outros municípios estão também se protegendo dos problemas de explosões que crescem assustadoramente. O problema tem solução!

Envie seu Comentário