Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Empresa de Itajaí institui carona entre funcionários para promover consciência ambiental

17 de setembro de 2015 7
Fotos: Divulgação APM Terminals

Fotos: Divulgação APM Terminals

 

A APM Terminals Itajaí lançou um programa para incentivar os funcionários a oferecerem carona para os colegas. Um mapa foi produzido mostrando os bairros onde moram os funcionários, e quantos veículos há disponíveis em cada um deles. Os dados estão disponíveis em um grupo de trabalhadores no Whatsapp.

Proposta no início da semana, a Carona Solidária já tem adeptos. A ação faz parte do projeto Go Green, abraçado por cinco dos maiores operadores portuários do mundo para promover a consciência ambiental. No Brasil, as atividades ocorrem simultaneamente em seis cidades que têm atividades da APM Terminals.

 

carona 2

 

A ideia é trazer vantagens para todos: motoristas economizam nas despesas com o veículo, passageiros garantem mais comodidade no deslocamento e o trânsito é aliviado com menos carros nas ruas.

 

Comente e compartilhe

comentários

Comentários (7)

  • Renato diz: 17 de setembro de 2015

    Muito nobre a iniciativa, mais qual a contrapartida da empresa? Mais funcionários indo de carona, menos vale transporte que a empresa precisa desembolsar. Existe um programa que bonifica funcionários que usam seus veículos? Ajuda de custo no combustível, na manutenção, no seguro, subsidio para comprar carros mais econômicos e novos, etc? Incentivar praticas sustentáveis é muito bom, principalmente se não precisar sair nenhum centavo do meu bolso.

  • Fernando diz: 17 de setembro de 2015

    Ótima iniciativa, parabéns para APM Terminals e seus colaboradores!!!

  • Carlos diz: 17 de setembro de 2015

    Bem isso Renato. Falar em usar o carro é fácil, não sai do bolso deles. Aproveitem e tirem de circulação esses caminhões velhos em péssimo estado de conservação que ficam levando contêineres pra todo lado e poluem um monte. Pq a APM, assim como os demais portos e terminais de contêiner não exigem uma renovação dessa frota de caminhões? O meio ambiente vai agradecer!!!

  • No dos outros eh refresco diz: 18 de setembro de 2015

    Enquanto isso, na Propinalandia City, precisam de carro p entregar documentos a 500 metros da prefa.

  • Miguel diz: 18 de setembro de 2015

    Ótima iniciativa da APM e de seus colaboradores por aderirem a ideia, quanto as criticas, infelizmente a fiscalização dos caminhões podres a utilização de transportes mais eficientes dependem do poder publico! Então, ao invés de criticarmos uma ação como essa, vamos utilizar como exemplo e começar a agir em prol do nosso meio ambiente também!

  • Pow diz: 18 de setembro de 2015

    Carlos, porque os terminais são prestadores de serviços. Quem deveria fiscalizar e exigir manutenção adequada dos caminhões para respeitar o índice tolerado de poluição conforme a legislação é o Governo e não a iniciativa privada. Tanto é que um terminal não pode proibir um caminhão de adentrar em seu recinto por motivo alegado que o mesmo está poluindo o ambiente.

  • Carlos diz: 18 de setembro de 2015

    Sei a quem compete a fiscalização. Mais as empresas poderiam fazer um boicote a quem utiliza veículos nessas condições. Tal exemplo é seguido por muitas empresas, que por exemplo não adquirem produtos que empresas que utilizam trabalho degradante, que não possuem métodos de produção sustentável etc etc… Quero frisar que, grandes empresas que detém maior poder econômico e são formadoras de opinião, podem exigir e fazer muito mais pelo meio ambiente.

Envie seu Comentário