Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.

Estado pode ficar fora da Conferência Nacional da Juventude

14 de dezembro de 2015 3

Atualizada às 17h21min

 

O consultor geral da Secretaria de Estado de Assistência Social, Arão Josino, informou no fim da tarde desta segunda-feira que as passagens estão sendo emitidas. Segundo ele, a demora ocorreu porque a compra de passagens aéreas para a conferência nacional, que constava na licitação feita pelo Estado para a conferência estadual, há três semanas, não foi acatada pela empresa vencedora. Como não havia tempo hábil para um novo processo licitatório, a administração buscou cotas com outras secretarias. Josino afirmou, ainda, que “o secretário Geraldo Althoff não fechou as portas” e está cumprindo o que foi acordado.

Os 39 catarinenses eleitos para representarem o Estado na 3ª Conferência Nacional da Juventude emitiram uma nota de repúdio ao Governo do Estado pelo atraso no pagamento das passagens, que haviam sido prometidas. O evento começa nesta quarta-feira, em Brasília.

No texto, os representantes classificam o não cumprimento do acordo como “descaso com a implementação de políticas públicas de juventude”, e cobram da coordenação de juventude no Governo do Estado que envie as moções aprovadas na conferência estadual, feita no mês passado.

Ainda de acordo com a nota, caso o Estado não pague as passagens, Santa Catarina será o único estado do país sem representantes na conferência, que criará subsídios para o Plano nacional de Juventude.

O consultor geral da Secretaria de Estado de Assistência Social, Arão Josino, informou no fim da tarde desta segunda-feira que as passagens estão sendo emitidas. Segundo ele, a demora ocorreu porque a compra de passagens aéreas para a conferência nacional, que constava na licitação feita pelo Estado para a conferência estadual, há três semanas, não foi acatada pela empresa vencedora. Como não havia tempo hábil para um novo processo licitatório, a administração buscou cotas com outras secretarias. Josino afirmou, ainda, que “o secretário Geraldo Althoff não fechou as portas” e está cumprindo o que foi acordado. 

 

Leia a nota na íntegra:
“Nós delegadas e delegados eleitos na 3° Conferência Estadual de Juventude, realizada em Lages nos dias 28 e 29 de novembro, vimos a público repudiar a falta de responsabilidade do governo do estado com as discussões e efetivações de políticas públicas em nosso país, além de cobrar satisfação. O Secretário Estadual de Assistência Social, Habitação, Trabalho e Renda Geraldo Althoff e o Coordenador de Juventude do estado Guilherme Pontes se responsabilizaram junto à Comissão Organizadora Nacional e a Secretaria Nacional de Juventude, em pagar as passagens dos 39 delegados que nosso estado tem direito na conferência nacional. E após 13 dias da realização da conferência estadual, faltando apenas 3 dias para a realização da conferência nacional, somos informados que não haverá passagens e que a promessa de Althoff e Guilherme Pontes será descumprida.
Isso demonstra o descaso do atual governo com a implementação de políticas públicas de juventude, que hoje são urgentes. Isso somado ao fato de que o referido coordenador de juventude até hoje não nos enviou as moções aprovadas na conferência estadual, bem como todos os seus documentos conclusivos, apesar de ser cobrado diariamente, demonstrando o total despreparo de tal gestor público. É de se indignar e se angustiar com a tamanha falta de responsabilidade e comprometimento do Governo catarinense para com a sua Juventude. Ocorre que a 3 Conferência Nacional de Juventude que tem o escopo de criar subsídios para o Plano Nacional de Juventude não contará com a presença da Juventude Catarinense. A Conferência ocorre entre os dias 16 a 19 de dezembro, entretanto estamos no dia 13 de dezembro sem nenhuma informação ou posicionamento do Sr. Guilherme Pontes, que é o servidor estadual responsável por tal organização.
Em vista disso, viemos requerer a emissão de nossas passagens, para podermos representar o nosso amado estado de Santa Catarina na 3ª Conferência Nacional de Juventude. Caso essas passagens não serem impressas, seremos o único estado do pais que não terá representação na 3ª Conferência Nacional de Juventude, pois TODOS os outros estados irão ocupar suas vagas que tem por direito. Nós delegados e delegadas vemos isso como um descaso, pois SC é o 5° estado mais rico do país, fazendo com que a argumentação de que o estado não tem dinheiro caia por terra, já que outros estados, como o Maranhão por exemplo, emitiram as passagens para seus delegados e delegadas com antecedência. Novamente reforçamos o pedido da emissão das referidas passagens frente ao exposto e com total urgência, visto que a conferência iniciará em apenas 3 dias”.

Atenciosamente,
Delegadas e delegados catarinense da
3ª Conferência Nacional de Juventude

Comente e compartilhe

comentários

Comentários (3)

  • Maristela Freitas diz: 14 de dezembro de 2015

    E aí Senhor Governador, queremos a totalidade das passagens garantidas! Todos e todas os delegados e delegada eleitos na etapa estadual tem esse direito.

  • Marcos Aurelio Pereira diz: 14 de dezembro de 2015

    Olá, sou Juventude, sou de Santa Catarina, sou Delegado para Nacional, isso é um desrespeito com nossa juventude, desorganização proposital? Interesses partidários? Dês da etapa Estadual estamos nos desgastando para que tenha um processo justo e transparente essa conferencia, mas quando se trata de juventude é mais forte né, pois a juventude não tem medo de gritar o que esta errado, não tem medo de acusar o ladrão. chega de gestão as cegas…QUEREMOS GESTÃO DE JUVENTUDE, TRANSPARENTE E FLUENTE!

  • Jonathan Velho Burigo diz: 14 de dezembro de 2015

    Essa é a falta de respeito e responsabilidade tanto com a Juventude de nosso estado quanto com as políticas públicas voltadas as mesmas.

    E dai fica a Pergunta cade as Passagens?
    E não venham me dizer que não tem como bancar. Pois se não tinha como bancar não tivesse garantido e nem feito as trapalhadas que fizeram com o processo da Conferencia Estadual.

Envie seu Comentário