Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Posts do dia 18 janeiro 2016

"Característica física da mancha não condiz com esgoto", afirma gerente da Fatma

18 de janeiro de 2016 0

O gerente regional da Fatma em Itajaí, Arno Gesser Filho, disse no fim da tarde desta segunda-feira que, de acordo com análises preliminares, a aparência da mancha que cobre o Rio Perequê e invadiu o mar em Porto Belo não condiz com características de esgoto sanitário.

Técnicos avaliaram a coloração da água que deixa a Estação de Tratamento de Esgoto (ETE) da empresa Conasa – Águas de Itapema e concluíram que o material não está na mesma coloração do que invade as águas.

Segundo Gesser Filho, trata-se de uma análise visual, e uma afirmação mais contundente só será possível após a avaliação das amostras retiradas da água do mar e do Rio Perequê _ o que deve ser divulgado no fim da tarde desta terça-feira.

_ A princípio não se trata de esgoto, a característica física não condiz _ afirma.

De acordo com o gerente regional, é possível que a mancha tenha sido causada por proliferação de algas (que precisaria ter os motivos estudados) ou decomposição de matéria orgânica como raízes das árvores que ficam às margens do rio.

Fatma notifica Conasa para esclarecer mancha no Perequê

18 de janeiro de 2016 2

 

A Diretoria de Fiscalização da Fatma notificou a Companhia Nacional de Saneamento (Conasa – Águas de Itapema) para que apresente esclarecimentos sobre a mancha que apareceu no domingo no Rio Perequê, em Porto Belo.

Embora ainda não haja uma conclusão sobre a causa da mancha, o órgão ambiental quer saber se houve algum incidente nos últimos dias.

Em nota à imprensa, a Conasa afirmou que a estação de tratamento de esgoto “opera na mais absoluta normalidade, obedecendo a todos os parâmetros de qualidade exigidos na legislação” e que o “efluente tratado não tem qualquer relação com o despejo irregular de esgoto identificado na praia do Perequê “.

Declarou, ainda, que “afirmações apressadas” buscaram “responsabilizá-la de maneira irresponsável”, e que “é de domínio público que já foram identificadas diversas fontes de lançamento irregular de efluentes”.

O repórter fotográfico Lucas Correia, do Sol Diário, sobrevoou no início da tarde a área onde está a mancha. As fotos mostram que ela continua avançando sobre o mar em Porto Belo. Além do Rio Perequê, a Lagoa do Perequê também está manchada _ o que pode indicar outra fonte de poluição.

Durante a tarde bombeiros e fiscais da Fatma fizeram coletas de água no Rio Perequê, antes e depois da Estação de Tratamento de Esgoto (ETE) operada pela Conasa. Também foram retiradas amostras da água do mar nas praias de Perequê e Itapema, para avaliar possíveis alterações à balneabilidade.

A gerência regional da Fatma vai solicitar ao Batalhão Aéreo da Polícia Militar apoio para um sobrevoo.

Relatório

A análise das amostras coletadas pela Fatma leva 24 horas. Os técnicos avaliam o número de coliformes fecais, que indicam a presença de matéria orgânica em excesso na água. É o que vai confirmar se se trata de esgoto, e se há implicações à balneabilidade.

Nesta segunda-feira, os bombeiros recomendaram que os banhistas se afastassem da água do mar no trecho atingido pela mancha.

Cidade administrativa em Navegantes

18 de janeiro de 2016 1
Foto: Divulgação

Foto: Divulgação

Uma audiência pública vai apresentar a moradores de Navegantes o estudo de impacto ambiental do empreendimento Cidade Administrativa Smart City New Bank. A proposta é de uma “cidade” sustentável dentro do município, com serviços próprios. O conceito é similar a cidades administrativas europeias, com uma espécie de “condomínio” projetado, com espaço para órgãos públicos.

O relatório de impacto ambiental foi uma exigência da Fatma. O empreendimento pretende ocupar uma área de 321,6 hectares entre a SC-414 e a BR-470.

Conexão verão

18 de janeiro de 2016 0
Foto: Diego Souza / Divulgação

Foto: Diego Souza / Divulgação

O projeto Conexão Verão, da RBS TV, movimentou as areias da Praia Central de Balneário Camboriú no fim de semana. O sábado de sol levou uma multidão para a praia, e as atividades seguiram até o fim da tarde. No dia 30 de janeiro será a vez de Balneário Piçarras receber a programação.

Na restinga

18 de janeiro de 2016 1

De nada têm adiantado as placas que proíbem caminhar por cima da restinga na Praia Brava. Volta e meia, algum turista corta o caminho por ali mesmo. A vegetação é protegida por lei, importantíssima para a manutenção das dunas à beira do mar. Falta informação e bom senso.

Sem doações

18 de janeiro de 2016 0

Algumas cidades no Estado negam coletar sangue de doadores que tenham passado por Itajaí, Balneário Camboriú e Itapema, alegando o alto número de casos de dengue. A coordenação do Hemosc em Blumenau informou que as coletas chegaram a ser interrompidas por aqui também no fim de novembro. O órgão anunciou esta semana que voltará a captar sangue na Univali, em Itajaí, a partir do dia 25 de janeiro.

Haja paciência

18 de janeiro de 2016 0

Veranistas continuam enfrentando filas para pagar o pedágio em Bombinhas, devido à parada dos veículos estrangeiros. Na última semana, teve leitor que enfrentou mais de uma hora e meia de trânsito no meio da noite.

Deinfra vai retomar obras da SC-414, entre Luís Alves e Navegantes

18 de janeiro de 2016 0

O presidente do Deinfra, Wanderlei Agostini, garantiu ao secretário executivo de Desenvolvimento Regional de Itajaí, Aquiles da Costa, que as obras de recuperação da SC-414, que liga a BR-470 a Luís Alves e passa por oito bairros de Navegantes, será retomada.

A empresa que venceu a licitação abandonou os trabalhos no ano passado. Agora, o Deinfra vai convocar a segunda colocada para assumir o serviço. Além de asfalto, o contrato prevê melhorias na sinalização da via.

Carnê online

18 de janeiro de 2016 0

A prefeitura de Itajaí não terá pontos da entrega dos carnês de IPTU este ano. Os carnês serão enviados para casa, ou podem ser baixados pela internet no site da prefeitura. O primeiro vencimento do carnê será no dia 15 de fevereiro. Para quem pagar em cota única, o desconto de 15%.

Relatório da CPI da Codetran está em fase final

18 de janeiro de 2016 0
Foto: Davi Spuldaro, Divulgação

Foto: Davi Spuldaro, Divulgação

O vereador Fernando Pegorini (PP), relator da CPI da Codetran, passou as últimas duas semanas produzindo o relatório das investigações. A previsão é de que o documento seja concluído ainda esta semana e possa ser lido em plenário no início de fevereiro.

Pegorini confrontou as mais de 8 mil páginas de documentos do Ministério Público e da Justiça com os depoimentos e dados recebidos pela CPI. O vereador, que terá a responsabilidade de indicar uma possível punição aos envolvidos, ainda mantém em sigilo suas observações. O relatório terá que passar pelo crivo dos membros da comissão antes de ser votado pelos demais vereadores.

Para o parlamentar, a situação é delicada. Um dos principais alvos da investigação foi o ex-vereador Zé Ferreira (PP), colega de partido de Pegorini, que perdeu o cargo no fim do ano passado. Dependendo do parecer da Câmara na CPI, Zé pode tornar-se inelegível.

Embora não tenha interferência sobre as escolhas do relator, o vereador Thiago Morastoni, presidente da CPI, aposta em modificações no processo de fiscalização de contratos da prefeitura como uma das principais observações a serem entregues pela comissão ao município. Assim como mudanças nas regras para andamento de CPIs no Legislativo, para evitar entraves como a demora no envio de documentos por parte da prefeitura.