Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Exame da Fatma descarta vazamento de esgoto em Perequê

19 de janeiro de 2016 9
foto: Lucas Correia, Agência RBS

foto: Lucas Correia, Agência RBS

 

A análise do material recolhido pela Fatma no Rio Perequê e nas praias de Porto Belo e Itapema indica que não houve alteração dos índices de coliformes fecais — o que significa que a mancha não foi provocada por derramamento de esgoto. A balneabilidade no local continua a mesma das últimas semanas — a área da foz do Perequê é tradicionalmente considerada imprópria para banho.

A avaliação do material recolhido junto à Estação de Tratamento de Esgoto da Conasa-Águas de Itapema revelou que, ali, o número de coliformes fecais é menor do que na água do mar.

Os dados, porém, são inconclusivos sobre a causa da mancha. Técnicos sobrevoaram a região, até a nascente do Perequê, e não identificaram o que deixa a coloração mais escura no trajeto até o mar. A princípio, a hipótese de que lagoas de despejo de material de limpa-fossas tenha provocado o problema também foi descartada pelo órgão ambiental.

Marlon Daniel da Silva, responsável técnico da Fatma, disse que as avaliações vão continuar sendo feitas pela Fatma.

— Persiste a coloração, que ainda não sabemos o que seja — afirmou.

Por enquanto, não deve haver novas análises laboratoriais. O órgão ambiental avaliou os arredores do rio, e concluiu que não há empresas que pudessem despejar produtos químicos na água.

Comente e compartilhe

comentários

Comentários (9)

  • Cláudio diz: 19 de janeiro de 2016

    É impressionante como as imagens aéreas não são ampliadas para o interior do rio perequê. Sera que existe alguma área particular que não deve ser vista pela sociedade?

  • Roberto I Fischer diz: 19 de janeiro de 2016

    Meu pai morou no Pereque por mais de 20 anos, e passamos mais de 50 anos o verão nesta praia e este rio em época de pouca chuva ou de maré baixa sempre teve essa agua escura, como se tivesse iodo na agua e nunca deixamos de tomar banho e nunca nos causou mal. A agua dos mangues sempre são escuras. Lembro do outro rio que tem no lado do costão do Pereque, quando tinha muito mangue e que hoje o homem o destruiu. Quem sabe não seja um aviso da natureza.

  • Valdemar Voigt diz: 19 de janeiro de 2016

    vão conversar um cego!

  • Jorge Ferreira diz: 19 de janeiro de 2016

    As praias de Santa Catarina estão uma VERGONHA!!!!!!!
    E ainda querem cobrar diárias absurdas como se fossem praias do Nordeste.

  • Carlos Andrade diz: 20 de janeiro de 2016

    Tem outros tipos de sujeiras que não aparecem, Corrupção, Sonegação de Impostos, ZELOTES!

  • Ademir Sprung diz: 20 de janeiro de 2016

    Eu creio que a RBS também deveria mostrar o estado das Praias em Penha, principalmente a Praia Alegre pois temos dois Rios que desenbocam ao lado da Praia e ninguém faz nada!!!

  • Geovane Marcial diz: 20 de janeiro de 2016

    Apenas um palpite: iodo!

  • iSI diz: 20 de janeiro de 2016

    Inacreditável ler e ver matérias tão sem conteúdo. É claro que tem que haver explicação! Ah, tá, então é normal ter cocô por ali!!!! Vergonha. Órgãos ambientais, prefeituras, etc, façam valer suas atribuições e parem de enrolar a sociedade.

    Outra coisa, gostaria de ver matéria bem esclarecedora sobre como funciona este negócio de lagoas de dejetos. Aqueles depósitos de cocô não fedem para aquela população que mora ali ao redor? Não cria mosca e outros bichos? De quem é aquilo????

    Está tudo muito obscuro, dá a impressão que estão protegendo empresas e pessoas duvidosas.

  • Nene diz: 20 de janeiro de 2016

    Apenas um palpite: Coca cola!

Envie seu Comentário