Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Ministério Público Federal vai investigar mancha no Perequê

19 de janeiro de 2016 0
Foto: Lucas Correia

Foto: Lucas Correia

 

O procurador do Ministério Público Federal em Itajaí (MPF), Rafael Miron, vai instaurar um inquérito para apurar responsabilidades em relação à mancha que desde domingo atinge a foz do Rio Perequê e o mar, em Porto Belo.

Nesta terça, poucos banhistas arriscaram ir à Praia do Perequê, uma das mais movimentadas da região da Costa Esmeralda. Na segunda-feira os bombeiros recomendaram que os veranistas não entrassem na água.

Desde segunda-feira a Fatma e órgãos ambientais dos municípios de Itapema e Porto Belo avaliam a situação. A primeira suspeita recaiu sobre despejo de esgoto, mas avaliações na estação de tratamento, mantida pela empresa Conasa, afastaram a possibilidade.

A prefeitura de Itapema informou em nota que, após um sobrevoo, identificou cinco lagoas em Porto Belo como as possíveis responsáveis pela contaminação. Na manhã desta terça, técnicos da Fatma também estiveram no local.

A expectativa é pela divulgação do resultado das análises feitas pelo órgão ambiental estadual, que deve sair no fim da tarde.

Comente e compartilhe

comentários

Envie seu Comentário