Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Efeito da poluição: briozoários começam a aparecer na orla da Praia Central de Balneário Camboriú

10 de fevereiro de 2016 8
Foto: Luiz Carlos Souza

Foto: Luiz Carlos Souza

Todos os dias equipes de limpeza da Emasa têm retirado montes de briozoários que chegam à orla da Praia Central em Balneário Camboriú. Esses organismos marinhos aparecem especialmente no verão e causam mau cheiro quando expostos ao sol. Em um dia, a autarquia chegou a retirar 20 caminhões da praia – na terça-feira foram mais 10 caçambas cheias.

Os organismos começaram a aparecer há cerca de 10 dias próximo à Praça Almirante Tamandaré, no Centro. Acredita-se que os briozoários se concentrem perto da Ilha das Cabras, de onde acabam se soltando e chegando à praia.

O oceanógrafo e professor da Univali, Márcio da Silva Tamanaha, afirma que há três principais hipóteses para explicar o aparecimento dos briozoários: o crescimento da quantidade de matéria orgânica nos rios devido ao aumento populacional, a ondulação mais forte que leva os organismos para a areia e a reprodução dos briozoários no período.

– Isso é uma resposta ambiental ao problema crônico do saneamento básico – aponta o especialista.

Para ele, o esgoto que é despejado nos rios sem tratamento tem influência direta no surgimento desses organismos na areia. O diretor da Emasa, Marcelo Achutti, também confirma a relação. De acordo com ele, o principal problema está no rio Camboriú, que recebe esgoto não tratado de outras cidades.

– Pretendo me reunir com o pessoal do Meio Ambiente para verificar o que podemos fazer para minimizar esse problema – explica.

Os briozoários são organismos que vivem em colônias e costumam ser confundidos com algas. A princípio não trazem nenhum tipo de problema aos banhistas, mas é aconselhável não entrar na água nestes locais, já que eles podem vir acompanhados de microalgas e outras espécimes da flora marinha que podem provocar doenças.

Comente e compartilhe

comentários

Comentários (8)

  • Becker diz: 10 de fevereiro de 2016

    25 anos que leio e vejo estes e outros problemas em função da poluição do próprio usuário…Nosso litoral sempre muito pomposo por cima, mas uma desgraça por baixo…Inúmeras edificações sem ligação e tratamento de esgoto, (que foram cedidas por …em troca de favores, votos…)aliás isso sempre foi um problema não só ai mas em todo o País, talvez ainda de tempo de resolver, basta querer. Vem ai eleições, agora vão aparecer milhares de salvadores da pátria com solução para todos os problemas…e assim vive nosso Brasil, cidades…Homem que só pensa em sí próprio, não no coletivo, uma vergonha sem tamanho…Mudar? Muito difícil, talvez se educar as crianças para quem sabe daqui umas 3 ou 4 gerações futuras…Um Abraço.

  • Jackson diz: 10 de fevereiro de 2016

    As arribabas de briozoários se intensificaram em grandes concentrações no início de 2003, possivelmente a partir de uma série de intervenções do homem, como, dragagem da região estuarina ou foz do Rio Camboriú, alargamento praial na região sul e construção do molhe, somados isso ao grande aporte de nutrientes, provenientes do esgotamento sanitário, todas ações do homem no meio sem planejamento adequado,e há pessoas que classificam administradores passados como bons ! Um erro, não justifica outro

  • Felipe diz: 10 de fevereiro de 2016

    Tira umas fotos da Lagoa da Conceição também.

    O negócio lá ta feio…

  • edu diz: 10 de fevereiro de 2016

    30 milhões na passarela inacabada da barra sul, legal seu “piriquito”

  • João Vieira diz: 10 de fevereiro de 2016

    E aqueles edifícios com 40, 50 e mais andares?? A concentração populacional foi acompanhada dos investimentos em tratamento do esgoto correspondente ? Quem segura os especuladores imobiliários?

  • luiz dambros diz: 10 de fevereiro de 2016

    cara. vamos parar com essas desculpas. por exemplo. dizem que o problema é o rio camboriu que vem poluido de outras cidades. tem o canto norte que não tem rio. só um esgoto que vem de dentro da cidade. beijos a todos

  • jean diz: 11 de fevereiro de 2016

    Fácil de resolver, tratamento de esgoto, ninguém sabe que esse o problema, só que não da voto né ?

  • Guia Praias SC diz: 11 de fevereiro de 2016

    É uma vergonha o esgoto a céu aberto no Pontal Norte, é preciso urgente ações como estão fazendo em Florianópolis, colocando corante para verificar as ligações clandestinas, não é só culpa dos outros municípios, e na altura da Praça Tamandaré está sempre imprópria a água, acorda BC!!!!!
    As praias de Santa Catarina precisam ser limpas, isso é o que vai mudar o Turismo no Estado!!!!

Envie seu Comentário