Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Dona de loja de Bombinhas segue suspeitas e cobra por peças furtadas

23 de fevereiro de 2016 0
Foto: Reprodução / Facebook

Foto: Reprodução / Facebook

Após descobrir um furto, a proprietária de uma loja de biquínis e roupas íntimas em Bombinhas seguiu as suspeitas do crime para cobrar a dívida. Gabriela Lunelli percebeu o sumiço de três peças de biquínis através das câmeras de monitoramento da loja e quando viu as falsas clientes passarem em frente ao seu estabelecimento resolver segui-las.

— Nem pensei duas vezes quando vi elas passando em frente à loja. Fechei as portas e fui atrás — lembra.

O furto na loja, que fica no Centro de Bombinhas, ocorreu na segunda-feira pela manhã. Conforme Gabriela, três argentinas entraram no estabelecimento e começaram a olhar as mercadorias. Enquanto ela mostrava algumas peças, as suspeitas furtavam os produtos.

A dona da loja percebeu o crime somente quando foi olhar as imagens das câmeras de monitoramento. Gabriela divulgou as imagens no Facebook e um dos vídeos teve mais de 19 mil visualizações.

No dia seguinte, quando as mulheres passaram pelo local novamente, a empresária resolveu segui-las para cobrar a dívida. Chegando à pousada onde as suspeitas estavam hospedadas, Gabriela questionou-as sobre o furto. Ela explica que no início as mulheres disseram não estar entendendo do que se tratava, mas depois tentaram devolver as peças.

— Como os biquínis já estavam usados eu não aceitei. Cobrei os R$ 350 dos produtos. Uma delas subiu no quarto e depois voltou com o dinheiro — afirma.

Gabriela relata que registrou uma ocorrência na Polícia Civil, mas quando os policiais foram até o local as argentinas já haviam saído. A repercussão no Facebook, no entanto, rendeu até pedido de desculpas dos argentinos:

— O vídeo foi compartilhado em um grupo de viagens e alguns argentinos vieram me pedir desculpas em nome do país — conta.

Comente e compartilhe

comentários

Envie seu Comentário