Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Espécie de tubarão que atacou banhista foi alvo de pesca predatória em Santa Catarina

04 de março de 2016 0
Foto: Acervo Museu Oceanográfico Univali

Foto: Acervo Museu Oceanográfico Univali

 

A espécie de tubarão que atacou um banhista em Balneário Camboriú esta semana está ameaçada de extinção – mas já foi bem comum em nossas praias. Fotos históricas, resgatadas pelo pesquisador Jules Soto, mostram que até a década de 1970 a pesca noturna de tubarão mangona era muito difundida por aqui. A captura predatória foi a responsável por dizimar o tubarão.

O Museu Oceanográfico da Univali publicou um vídeo em que o professor fala mais sobre a espécie e o ataque inédito.

Nos registros

O ataque de tubarão em Balneário Camboriú entrará nos registros oficiais internacionais. Vai ser reportado por pesquisadores do Museu Oceanográfico, com direito a apresentação em congressos científicos.

Comente e compartilhe

comentários

Envie seu Comentário