Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Camboriú está em busca de nova matriz econômica

05 de abril de 2016 1
Foto: Divulgação Prefeitura de Camboriú

Foto: Divulgação Prefeitura de Camboriú

 

Camboriú, que completa hoje 132 anos, decidiu se reinventar: está em busca de parceiros no exterior para deixar de lado a vocação para cidade-dormitório e alavancar uma nova matriz econômica.

As conversas com a China estão bastante adiantadas – a prefeita Luzia Coppi (PSDB) já esteve lá no ano passado e, agora, estagiários do curso de Relações Internacionais da Univali, parceira do município, tentam viabilizar investimentos. As tratativas também incluem outros países, como Japão, França, Itália e Portugal.

Dona de uma área extensa e grandes terrenos (uma raridade à beira do mar), Camboriú tem destacado as vantagens logísticas para ganhar a atenção do outro lado do mundo.

Comente e compartilhe

comentários

Comentários (1)

  • Alessandro Jagelski diz: 6 de abril de 2016

    Camboriú 132 anos, nos últimos seus últimos 20 anos saiu do rural e se tornou uma cidade na sua grandeza Urbana, carente ainda de um comércio forte que gere emprego e desenvolvimento da cidade. Uma preocupação é ter crescido baseada na construção Civil de Balneário Camború e agora com a desaceleração da construção Civil é preciso garantir o crescimento da cidade baseado em uma fonte própria de geração de trabalho e renda, já é sábido que só da construção civil é por um tempo, então é urgente ter empresas fortes, começando pelo comércio local e instalaçao de industrias. Sou Corretor de Imóveis, Moro em Camboriú e sou Corretor de imóveis com escritório próprio em Balneário Camboriú na Alessandro Jagelski Corretor de Imóveis.

Envie seu Comentário