Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Posts na categoria "Piada"

Tudo pode acontecer no Gre-Nal 399

08 de fevereiro de 2014 3

Tudo pode acontecer. Neste domingo, na Arena, acontece o primeiro Gre-Nal de 2014, ao que tudo indica com os dois
times utilizando força máxima, correndo em busca dos três pontos que não interferem muita coisa na tabela. Mas o clássico serve como combustível para a continuidade de um trabalho que está só no seu começo.

Como quase sempre acontece, mais uma vez teremos um Gre-Nal sem favoritos, que permite otimismo dos dois lados.
Qualquer resultado será considerado normal, desde que nenhum deles seja alvo de um pancada, daquelas que quase sempre acabam desarrumando a casa.

A solução…

Apaixonado pelo campo, Ernildo decidiu ganhar a vida com a criação de porcos. Bom negociante, em menos de um ano ele adquiriu quase três centenas de suínos, que lotaram os espaços do campo e chamaram a atenção dos responsáveis pela inspeção dos animais.

Num belo dia, enquanto observava os bichos, Ernildo foi surpreendido com a chegada de dois homens, que se apresentaram como inspetores.

– Bom dia! O senhor é o proprietário dos porcos? – questionou um dos inspetores.
– São meus, sim! – respondeu Ernildo.

Com planilha e caneta na mão, o homem tratou de resolver o assunto com rapidez:

– Quantos animais ocupam o campo?
– Tenho 300 porcos!
– Como eles estão sendo alimentados? – insistiu o inspetor.
– Adoto a lavagem!
– Nada disso! Eles precisam comer ração e beber água tratada! O senhor está multado em R$ 10 mil! – avisou o examinador.

Seis meses depois, os dois homens voltaram, encontraram Ernildo e não perderam tempo:
– Quantos porcos ocupam o seu campo?
– Tenho 400 porcos! – anunciou o fazendeiro.
– Como eles estão sendo alimentados?
– Ração e água tratada!
– Nada disso! Eles precisam é de lavagem! O senhor está multado em R$ 10 mil! – anunciou o inspetor.

Mais seis meses, e os examinadores voltaram e foram direto ao assunto.
– Quantos porcos ocupam o seu campo? – perguntou um deles.
– Tenho 500 porcos! – avisou o proprietário.
– Como eles estão sendo alimentados?
– Juro que não sei! De uns tempos para cá resolvi dar a cada um deles vale refeição…

Paz

Não custa bater na tecla. Tomara que o Gre-Nal deste domingo seja apenas mais um jogo importante na vida de
todos os que estarão dentro de campo, acima de tudo daqueles que ocupam as arquibancadas. E que tenhamos um
espetáculo sem brigas, sem confusões, que tanto reprovamos nos últimos tempos.

Aconteça o que acontecer no gramado da Arena, a melhor coisa que pode acontecer é a paz, por aqui não precisamos de violência para chamar a atenção de ninguém e que as coisas devem e precisam ser decididas pelos jogadores.

Bookmark and Share

Chip

02 de novembro de 2013 4

É hora de trocar o chip.

Até as paredes sabem que a única chance de título reside na Copa do Brasil, mas neste domingo, na Arena, o Grêmio encara o Bahia. A obrigação é voltar a pensar no Brasileirão, depositar três pontos na conta para tentar recuperar a segunda posição e, por via das dúvidas, alinhavar a vaga direta na Libertadores.

Mesmo que não seja uma tarefa fácil, a turma de Renato Portaluppi precisa concentrar as forças para recuperar a confiança abalada pelos dois últimos tropeços e atingir o ponto certo para decidir a sua vida no meio da semana, contra o Atlético-PR.

 

O dinheiro amassado…

Sexta-feira, final da noite, clima romântico, Valdevino estava sentado no sofá da sala e foi surpreendido pela presença da Noemi. A companheira, 23 aninhos, fogosa, cobiçada em todo o bairro, se aproximou, olhou nos olhos do homem e não perdeu tempo.

- Amor, você já viu R$ 50 amassado? – questionou.

- Não! – respondeu Valdevino.

Sem nenhuma cerimônia, com um sorriso sexy, a bela morena desabotoa os primeiros botões da blusa, coloca a mão dentro do sutiã e tira uma nota de R$ 50, toda amassada. Para manter o clima, Valdevino pegou a nota, sorriu, em sinal de aprovação.

Após um breve silêncio provocado por um beijo amoroso, Noemi levantou do sofá, olhou nos olhos ansiosos do Valdevino e mandou bala:

- Amor, você já viu uma nota de R$ 100 toda amassada?

- Não, nunca vi! – devolveu o companheiro, curioso.

Ela dá outro sorriso sexy, levanta a saia sedutoramente, enfia a mão na calcinha apertada e tira uma nota de R$ 100, toda amassada. Cada vez mais excitado, Valdevino pegou a nota na mão, começou a respirar mais rápido e sorriu, em sinal de aprovação.

Segundos depois, com o clima cada vez mais quente, Noemi enfiou os olhos nos de Valdevino e não perdeu tempo:

- Amor, você já viu R$ 100 mil todo amassado?

- Não, isso nunca vi em toda a minha vida! – emendou o curioso companheiro.

Noemi, com um sorriso cada vez mais sexy, não perdeu tempo.

- Então dá uma olhadinha lá na garagem!

 

Futuro

Segue o vestibular.

Domingo, em Curitiba, o Inter, que apenas cumpre tabela no Brasileirão, reencontra o Atlético-PR, seu algoz na Copa do Brasil, provavelmente sem alguns dos titulares. É um jogo que serve para definir o futuro de muita gente do grupo.

Além das avaliações, da direção, da torcida, o time de Clemer apresenta uma novidade há muito esperada, com a escalação de Scocco na sua verdadeira posição. Assim, poderemos firmar uma melhor opinião a respeito do gringo, que até agora jogou longe do seu habitat.

Bookmark and Share

Jogão

05 de outubro de 2013 4

Vale mais do que parece.

Neste sábado, no Maracanã, o vice-líder Grêmio, animado, com gordura, enfrenta o Botafogo, terceiro na tabela, num jogo que vai definir quem segue na esperança de alcançar o provável campeão Cruzeiro e quem coloca uma mão, mais quatro dedos, na vaga direta para a Libertadores.

Mesmo longe de casa, contra um adversário que vai arriscar tudo para reagir na competição, o time de Renato Portaluppi tem capacidade para fazer um grande jogo, buscar um bom resultado e dar um passo quase definitivo atrás do prêmio que está ao seu alcance.

O jacaré…

Um velho senhor tinha um bonito lago na sua enorme propriedade. Depois de algum tempo sem ir ao local, decidiu, naquele dia, dar uma olhada geral para ver se estava tudo em ordem.

Pegou um balde, para colher frutas das árvores localizadas pelo caminho e, ao se aproximar do lago, ouviu vozes femininas, animadas e divertidas. De longe, botou os olhos na água e viu um grupo de jovens mulheres tomando banho, completamente nuas…

Se aproximou do grupo, foi notado e todas elas fugiram para a parte mais funda do lago. Na maior calma do mundo, o proprietário do local seguiu na beira do lago, olhar fixo nas mulheres e ouviu o grito de uma delas.

- Não sairemos daqui enquanto o senhor não abandonar o local! – anunciou.

Experiente, acostumado a lidar com o público mais jovem, o velho resolveu liquidar a questão.

- Calma, meninas! Eu não vim aqui para vê-las nadando ou saindo nuas do lago! – comunicou.

A oradora da turma, cada vez mais nervosa, não se conteve.

- Então o que o senhor está fazendo aqui? – questionou.

- Eu só vim dar comida para o jacaré…

Reação

É proibido adiar.

Neste domingo, na volta ao Centenário, o Inter, que demitiu Dunga e a comissão técnica, sem confiança, longe do melhor futebol, encara o Fluminense, em fase de recuperação, com a inadiável obrigação dos três pontos para voltar a respirar melhor.

Pelo que se viu ultimamente, um jogo dos mais complicados para a turma do interino Clemer, daqueles que vai exigir concentração, superação dos jogadores, de empurrão dos habitantes das arquibancadas, tudo para o Colorado acabar com o jejum e subir degraus na tabela.

Bookmark and Share

Jogão

14 de setembro de 2013 5

Segue o baile. 

Neste domingo, na Arena, o Grêmio, terceiro na tabela, na luta pelo título, recebe o Atlético-MG, cheio de cascudos, qualificado, campeão da Libertadores, atrasado no Brasileirão, num jogo que merece ter casa lotada, empurrão das arquibancadas e pode valer uma aproximação ao dono da liderança.

Sem Kleber, provavelmente com Vargas, o time do técnico Renato Portaluppi entra em campo cheio do moral, com muita chance de fazer um grande atuação, ultrapassar outro degrau nada pequeno, depositar mais três pontos na conta e deixar o seu povo ainda mais animado do que já está.

 

O paninho…

Sem algo mais interessante para fazer, Antão resolveu somar pontos com Marilene, sua mulher. Após o jantar, ele convidou a companheira para um passeio no shopping e foi prontamente atendido. Durante o passeio, Marilene colocou os olhos num lindo biquíni, seu sonho de consumo e não perdeu tempo.

- Antão, você não quer me presentear com um biquíni? – questionou.

Na mesma hora, com a cara de poucos amigos, o maridão mandou bala:

- Com esse corpo de máquina de lavar? Nem pensar!

Mesmo com o clima mais pesado entre os dois, o passeio prosseguiu e, quando passou em frente a uma outra loja, a Marilene voltou ao ataque:

- Antão, olha só que vestido lindo esse vermelho!

Sem muita paciência, o marido botou os olhos rapidamente na peça e não fez nenhum comentário. E Marilene insistiu:

- Amor, você não quer me presentear com esse vestido?

- Com esse corpo de máquina de lavar? Nem pensar! – respondeu o maridão.

Minutos depois, os dois voltaram para casa, deitaram e Antão não se conteve:

- E ai benzinho? Vamos colocar essa máquina de lavar para funcionar?

Depois de um breve silêncio, irritada com as atitudes do marido no shopping, Marilene se encheu de coragem e não deixou por menos:

- Para lavar esse pedacinho de pano? Nem pensar! Se quiser, lave-o na mão…

 

Inteligência

É hora da onça beber água.

Desgastado, atrapalhado pela falta de vitórias, o Inter, quinto colocado na tabela, volta a campo neste domingo, no Heriberto Hulse, contra o irregular Criciúma, quando vai ter que achar um jeito de defender melhor do que tem feito, única forma de voltar a vencer e tentar se aproximar do G4.

Longe de casa, contra um rival que vai arriscar muito, o time do técnico Dunga não pode abrir mão da inteligência, saber segurar a pressão inicial do Tigre, valorizar a bola, colocar em prática a sua maior qualidade, se quiser um belo resultado e devolver o otimismo para todos que vestem vermelho.

Bookmark and Share

Desafio

24 de agosto de 2013 3

É mais um desafio. Neste sábado, em Brasília, o Grêmio, terceiro colocado, dono de uma sequência interessante neste Brasileirão, enfrenta o irregular Flamengo, atrasado na classificação, num jogo em que será ainda mais exigido, que vai ter que defender e atacar melhor do que fez na Vila Belmiro.

Antes de a bola rolar, baseado apenas na teoria, não é difícil adivinhar que o time do técnico Renato Portaluppi tem todas as chances, apesar da manutenção de três zagueiros e três volantes, de fazer um grande jogo, somar os três pontos e, com sorte, encostar de vez nos primeiros da classificação.

 

Equipamento

Josnir e Fernanda, que passam a maior parte do ano na correria, resolveram curtir férias num hotel fazenda. Ele é um apaixonado pela pesca e ela não perde a chance de botar os olhos nos livros. Logo no primeiro dia de folga, Josnir voltou para o hotel cansado após várias horas de pescaria, e resolveu tirar uma soneca.

Apesar de não conhecer bem o lago, Fernando decidiu pegar o barco que o marido ocupou e fazer a sua leitura no meio do lago. Após navegar por alguns minutos, a mulher ancorou a embarcação, começou a ler e foi surpreendida com a chegada de um tenente da guarda ambiental, que perguntou:

- O que a senhora está fazendo?

- Lendo um livro – respondeu Fernanda.

- A senhora está em uma área em que a pesca é proibida – avisou o guarda.

- Sinto muito, tenente, mas não estou pescando! Estou lendo – avisou a mulher.

- Mas a senhora tem todo o equipamento de pesca! E a senhora pode começar a qualquer momento! Se não abandonar o local terei de multá-la e processá-la!

Irritada, Fernanda não resistiu.

- Se o senhor fizer isso terei que acusá-lo de assédio sexual! – ameaçou a mulher.

- Mas eu nem sequer a toquei! – argumentou o tenente.

- Verdade! Mas o senhor tem todo o equipamento! E o senhor pode começar a qualquer momento! – retrucou a Fernanda.

- Tenha um bom dia, senhora!!!!

 

Reação

Não dá para vacilar.

Animado com a volta das vitórias, com a boa atuação, o Inter entra em campo, neste domingo, outra vez no Estádio do Vale, para encarar o Goiás, que faz uma campanha melhor do que se imaginava, com a obrigação de somar três pontos para tentar subir na tabela e mirar prêmio no Brasileirão.

Verdade que não existe jogo jogado, mas a falta de resultados no histórico recente da competição obriga o time do técnico Dunga a fazer valer o fator local, acabar a rodada com o único resultado que lhe interessa para retomar o passo e recuperar a confiança para virar o turno entre os primeiros.

Bookmark and Share

Obrigação

17 de agosto de 2013 6

É proibido adiar. Neste domingo, no Estádio do Vale, o Inter, sem sentir o sabor da vitória nos últimos quatro jogos, enfrenta o Atlético-MG, campeão da Libertadores, cheio de bons jogadores, num jogo em que não pode desperdiçar os três pontos de jeito nenhum.

Até as paredes sabem que a tarefa é complicada, mas chegou a hora do time de Dunga fazer valer o fator local, tratar de melhorar a defesa, seguir com o belo aproveitamento do meio para a frente e terminar a rodada mais perto da ponta da tabela.

A entrevista…

Na entrevista de emprego, Azevedo foi encaminhado a uma sala bonita, ampla, onde encontrou o responsável pela seleção. Sem muita cerimônia, o entrevistador foi logo ao assunto:

– Vou lhe aplicar um teste! A primeira questão é a seguinte: você está numa estrada escura e enxerga dois faróis emparelhados vindo em sua direção! O que você acha que é?

– Um carro! – respondeu Azevedo.

– Um carro é muito vago! Que tipo de carro?

– Não dá para saber, né? – avisou o entrevistado.

– Vou lhe fazer outra pergunta: você está na mesma estrada escura e nota só um farol vindo em sua direção! O que é?

– Uma moto! – emendou Azevedo.

– Sim, mas que tipo de moto?

– Sei lá! Numa estrada escura não dá pra saber!

– Assim você não vai passar! – diz o empregador, que emendou:

– A última pergunta: na mesma estrada escura você enxerga, de novo, só um farol, mas menor e que vem bem mais lento! O que é?

– Uma bicicleta!

– Sim, mas que tipo de bicicleta? – retrucou o funcionário.

– Não sei! – respondeu o irritado candidato.

– Você está reprovado!

Com a paciência no chão, Azevedo não se conteve:

– Posso lhe fazer uma pergunta também?

– Claro! – respondeu o funcionário.

– O senhor está numa rua iluminada, enxerga uma moça com maquiagem carregada, vestidinho vermelho bem curto, girando uma bolsinha! O que é? – perguntou o Azevedo.

– É uma prostituta, claro! – emendou.

– Sim, mas que tipo de prostituta? Sua irmã, sua mulher, sua mãe?????

Sequência

Para manter a sequência. Neste sábado, em São Januário, o Grêmio, eufórico com duas vitórias seguidas, ingresso no G4, encara o Vasco, que aos poucos começa a mostrar sinais de progressos, mas muito longe de ser imbatível, mesmo jogando no seu reduto.

Mais uma vez com alterações na escalação, mas muito provavelmente com três zagueiros, o time do técnico Renato Gaúcho tem condições de repetir a boa atuação na etapa final contra o Cruzeiro, conter o adversário e, com sorte, encostar de vez no dono da ponta da tabela.

Bookmark and Share

Inadiável

27 de julho de 2013 4

Neste domingo, na Arena, o Grêmio, atrasado na tabela, ainda devendo, enfrenta o Fluminense, em crise, muito próximo da zona da desgraça, num jogo em que tem a obrigação de fazer os três pontos para tentar, finalmente, dar uma arrancada neste Brasileirão.

Com um meio-campo novo, sem o suspenso Vargas, o time de Renato Portaluppi vai precisar do apoio do seu povo, da qualidade de Zé Roberto, do talento de Elano, da inspiração de Barcos e Kleber para atingir o objetivo e tentar terminar a rodada nas pegadas dos primeiros colocados.

O desafio…

Um homem chega a um bar e enxerga um vaso, próximo à porta, cheio de dinheiro. Sem a menor cerimônia, aproxima-se do atendente e lasca:

- Por que este vaso está cheio de dinheiro?

- Bem, você paga R$ 10 e, se passar por três testes, então todo o dinheiro do vaso será seu!

- Quais são os testes? – insistiu o visitante.

- Primeiro pague! É a regra! – emendou o outro.

O homem pegou R$ 10, pagou e logo o garçom saciou a curiosidade do cliente.

- No primeiro teste, você tem de beber uma garrafa de tequila apimentada, de uma vez só e sem fazer caretas! O segundo, é arrancar o dente do pitbull do bar, com as mãos! E o terceiro é fazer uma senhora de 90 anos, que nunca teve um orgasmo, sentir esse prazer pela primeira vez!

Depois de quase uma hora, enrolando a língua de tanta birita, o homem perguntou:

- Caadee aaz tequillaah?

O garçom deu a ele a garrafa e ficou na observação. O homem a segurou com as duas mãos e, de uma vez só, sem caretas, mas com lágrimas que banhavam o seu rosto, liquidou com a bebida.

Depois, com dificuldades, levantou-se, olhou para todos no bar com cara de valente e saiu em direção ao pitbull.

Minutos depois, todos escutaram os latidos do cão, os gritos do homem, uma confusão infernal, até que o cão uivou e, de repente, o silêncio, deixando a impressão de que o bêbado havia morrido. Repentinamente, quase caindo, o homem entra no bar, todo arranhado, e manda bala.

- E agora, cadê a velha do dente estragado?

Favorito

Na Arena Pernambuco, neste domingo, o Inter, que faz uma campanha de luxo no reinício do Brasileirão, sem D’Alessandro, mas com o moral nas nuvens, encara o lanterna Náutico, candidato ao rebaixamento, com as honras de favorito e muita chance de embolsar mais três pontos.

Claro que não é nenhum mamão com açúcar, que o Timbu vai jogar a morrer, mas pelo momento que atravessa, pela maior qualidade, o time de Dunga tem todas as chances de suportar a pressão do adversário e terminar a tarde ainda na ponta da tabela.

Bookmark and Share

Favorito

15 de junho de 2013 2

Agora é para valer. No sábado, em Brasília, ainda sob a desconfiança da maioria das torcida, a Seleção começa a sua caminhada na Copa das Confederações, contra o Japão, com a mesma obrigação de sempre: fazer uma vitória e jogar um futebol de boa qualidade.

Verdade que cada jogo é um jogo, que acabou esse negócio de barbada faz muito tempo, mas chegou a hora do time do técnico Luiz Felipe Scolari provar, dentro de campo, que é capaz de segurar o rojão, dar esperança ao povo e mostrar uma bola que está difícil de aparecer.

A toalha…

Menos de seis meses após desembarcar no Brasil, Joaquim, português de meia idade, com o boi na sombra, conheceu Angelina, morena escultural, que sempre correu atrás da sua felicidade financeira. Apaixonado, Joaquim não pensou duas vezes: subiu ao altar com a brasileira.

Quando o casamento estava próximo de completar um ano, Joaquim descobriu que Angelina nunca conseguia chegar ao orgasmo. E os dois correram atrás de ajuda do terapeuta sexual.

Chegaram lá, explicaram a dificuldade e receberam os primeiros socorros:

- Contrate um desses garotos de programa! E enquanto vocês estiverem fazendo amor, peçam-lhe que fique nu, balançando uma toalha sobre vocês, sempre à vista de sua esposa! Isso serve como fantasia, indispensável para tudo voltar ao normal!.

O casal voltou para casa e decidiu seguir o conselho do terapeuta. Contrataram os serviços de um jovem, forte, bonito, que ficou nu, abanando a toalha, enquanto o casal transava.

Mas, por mais que tentassem, o resultado não apareceu, e o casal voltou ao terapeuta:

- Vamos tentar o inverso para ver se o problema é físico. Hoje, deixe o rapaz transar com sua esposa e o senhor fica abanando!

O casal seguiu o conselho: chamou o rapaz, que deitou na cama com a mulher, ficando o marido com a toalha. O garoto de programa agiu. Angelina, cheia de prazer, gritou como nunca e conseguiu múltiplos orgasmos.

Ao lado da cama, com um sorriso de satisfação, Joaquim deu um tapinha nas costas do rapaz:

- Tá vendo, otário? É assim que se abana!

Jogão

Vale uma boa olhada.

Em Recife, domingo, a poderosa Espanha, mesmo em fim de temporada, com algumas ausências, entra em campo como favorita, diante do Uruguai, muito mais focado nas Eliminatórias, mas com capacidade de um bom enfrentamento, num jogo que promete bastante emoção.

Neste confronto, vamos poder ter uma melhor ideia da Fúria, avaliar as chances brasileiras e, acima de tudo, do que nos espera na competição que mais nos interessa: a Copa de 2014.

Bookmark and Share

Caneco

04 de maio de 2013 4

Neste domingo, Inter e Juventude decidem a Taça Farroupilha, que vale o caneco antecipado para o mandante e a chance de adiar a definição do Gauchão para o visitante.
Mesmo longe da sua verdadeira casa, mas com o apoio da maioria, o time do técnico Dunga, dono da melhor campanha, consciente da responsabilidade, joga na condição de favorito e com a faca e o queijo na mão para aumentar a coleção de títulos no Estadual.

A preferência…

Cinco anos depois de ter casado com Maria, Manuel, um português de bom papo e muitos amigos, sentiu que a união estava a perigo. Na primeira chance, procurou um amigo de longa data e, sem nenhuma cerimônia, contou tudo o que estava acontecendo. Após ouví-lo, o amigo, com 35 anos de casamento, falou:
- Essa turbulência, Manuel, é normal em um casamento! Vai passar!
- A coisa está pior a cada dia! Não vejo como melhorar!
- A sua companheira gosta de surpresas? – questionou o amigo.
- Adora! – devolveu Manuel.
- Então, faça o seguinte: vá a um sexshop e compre um presente para ela!
Mais confiante, Manuel entrou na loja, achou a vendedora e falou:
- Quero fazer uma surpresa para a minha mulher! O que sugere?
A moça, então, lhe mostrou várias calcinhas.
- Não entendi!
- São calcinhas comestíveis! A última moda!
- Calcinhas comestíveis?
- Sim, tem sabor morango, tutti-frutti, menta! O senhor quer levar?
- Gostei da ideia, vou levar meia dúzia! Mas vou querer sabor de batata!
- Batata? – interpelou a vendedora.
- Sim! É para combinar com o cheiro de bacalhau da Maria!

Talento

Ao contrário do que se viu contra o Santa Cruz, no meio da semana, no Arruda, o Inter terá, domingo, a volta de D’Alessandro, que fez uma  falta danada e que não tem substituto no elenco atual do Colorado.
Habilidoso, inteligente, conhecedor dos atalhos, motivado, o dono da camisa 10 da equipe de Dunga tem capacidade de sobra para tentar escapar da inevitável marcação e fazer a diferença.

Bookmark and Share

Caneco

09 de março de 2013 3

Chegou a hora da verdade.
Neste domingo, com casa cheia, o surpreendente São Luiz, dono de melhor campanha entre todos, enfrenta o Inter, cheio de jogadores qualificados, na decisão que vale o caneco da Taça Piratini e a classificação para a final do Gauchão.
Mesmo longe de casa, mas com o apoio de boa parte da torcida, o time de Dunga joga com as honras de favorito, com a obrigação de acabar a tarde festejando e provar que, apesar de carências no grupo, está caminhando bem para encarar um ano que não será nada fácil.

A camisola…

Depois de 25 anos de casamento, de acertos e desacertos, Clarice sentiu que o relacionamento com Delvair não era mais o mesmo e que precisava criar algo novo para evitar um final desagradável. No meio do verão, com os filhos na praia, ela abriu o guarda-roupas, começou a mexer e encontrou a mesma camisola que usou na noite de núpcias.

Não pensou duas vezes: separou a peça e decidiu criar o clima para recuperar a união. Após o jantar, Clarice tomou um belo banho, se perfumou, vestiu a camisola, entrou no quarto, deitou na cama e colocou o plano em ação.
- Amooooor! – sussurrou ela.
- Fala, Clarissa! – devolveu Delvair.
- Lembra desta camisola?
O marido deu um tempo na leitura do jornal, olhou para a Clarice e emendou.
- Claro! É a camisola que você usou na nossa lua-de-mel! Por quê?
Satisfeita com a resposta, Clarice prosseguiu firme e convicta de que tudo estava caminhando bem.
- E você lembra o que me disse naquela noite, quando me viu com esta camisola?
- Evidentemente que sim!
- E o que você disse?
- Eu disse: “Você está maravilhosa nesta camisola, Clarice! Quero transar com você até te fazer perder o fôlego!!!
Com o sorriso escancarado, a mulher continuou.
- E, agora querido, depois de tantos anos, o que você tem a dizer?
O Delvair jogou o jornal para bem longe, encarou a esposa de cima a baixo e lascou.
- Missão cumprida!!!

Façanha

É justa a euforia.
Após um início preocupante e a troca de comando, o São Luiz acertou o passo, não perdeu, passou por cima dos degraus na fase do mata, chegou com méritos à decisão deste domingo e tem a oportunidade de conseguir uma façanha que vai fazer parte da história.
Motivado, bem treinado e consciente de que é difícil,
o time do técnico Paulo Porto, ao contrário do que muitos possam imaginar, vai sair para o jogo, tentar se impor dentro da sua casa, o que significa que teremos muita emoção.

Bookmark and Share