Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Posts com a tag "Diário Gaúcho"

Não é tarefa fácil

11 de dezembro de 2014 14

Com o pires na mão, convicto da necessidade de diminuir a folha, o Grêmio liberou o esforçado Pará para o Flamengo, anunciou que não vai renovar com o experiente Zé Roberto e abriu mão do meteórico Alán Ruiz e do velocista Dudu. E ainda tem um enorme abacaxi para descascar: se livrar do atacante Kleber.

Fora dos planos do técnico Luiz Felipe Scolari, o Gladiador, ainda com dois anos de contrato pela frente, virou moeda de troca no Humaitá, mas parece não despertar, no momento, o interesse de nenhum clube brasileiro.

Paciência

Só depois da eleição.
Tão logo o Inter garantiu a vaga direta na Libertadores, boa parte da torcida, como acontece no começo de todas as temporadas, passou a se preocupar com a saída de jogadores e a chegada de reforços. Com o que tem, como se viu em 2014, a chance é mínima na competição sul-americana.

Mas a espera ainda vai se arrastar, no mínimo, até segunda-feira, quando o novo presidente deve definir a situação do treinador, anunciar a estrutura do futebol do clube e, a partir daí, botar o bloco na rua atrás de jogadores para deixar o Colorado mais qualificado.

Centroavante

Esquentou o clima.
Após uma temporada desanimadora com a camisa do Santos, que pagou um dinheirão para solucionar seus problemas ofensivos, o atacante Leandro Damião começou a ser visto como jogador comum e foi oferecido ao bicampeão Cruzeiro, que já sentiu a impossibilidade de manter Marcelo Moreno.

Caso a negociação seja confirmada, o que parece bem viável pela vontade das partes envolvidas, a Raposa segue com um homem de referência. Já o Santos diminui a folha, e o centroavante ganha nova chance para provar que apenas passou por uma fase negativa na carreira.

Água de Salsicha

Ficou só na vontade. Dias atrás, após a classificação do Vasco para a Série A, o técnico Joel Santana encheu os pulmões e avisou que queria continuar no cargo, comer o filé depois de roer o osso.

Apesar da identificação com o Vascão, o profissional foi descartado pelo presidente Eurico Miranda. Joel entrou na fila dos desempregados e deixou claro que ainda não pensa em aposentadoria.

Na Panela

Tem tudo para ficar pior. Ao contrário dos últimos anos, o Fluminense terá que se virar mais do que nunca para arrumar dinheiro e contratar jogadores, tudo o que não se preocupava até então.

Sem a parceria da Unimed, que acabou ontem, o clube carioca terá enormes dificuldades para continuar na turma que sempre desponta como candidato a títulos. Terá que tomar muitos cuidados para evitar o pior.

Perguntinha
O Grêmio está pensando bem para 2015?

Bookmark and Share

Guerrinha: Só falta a assinatura

10 de dezembro de 2014 14

Visto como a melhor solução para comandar o vestiário do Inter em 2015 pelos candidatos Marcelo Medeiros e Vitorio Píffero, Abel Braga certamente será convocado, tão logo seja conhecido o novo presidente, para comparecer ao Beira-Rio. O técnico acertará o salário e assinará um novo contrato de trabalho. Claro que o futebol é dinâmico, que as coisas mudam do dia para a noite, mas parece que tudo se encaminha para um desfecho que dividirá a opinião da torcida. E que vai motivar um crescimento das chapas alternativas no pleito que renovará 150 nomes no Conselho Deliberativo.

Assustador
É bem arriscado.Até as paredes sabem que o Grêmio precisa reforçar o cofre, pagar contas e negociar jogadores neste período de férias. Agora, esse negócio de apostar na base, aproveitar o Gauchão para testar um time, pode dar prejuízo no fritar dos ovos e obrigar uma nova mudança antes do Brasileirão de 2015. Certamente o projeto do presidente Romildo Bolzan Jr. tem o aval de Luiz Felipe Scolari. O técnico aproveitou muitos meninos desde que voltou ao clube. A melhor saída, no entanto, é formar um time, um grupo capaz de segurar o rojão nos primeiros seis meses e sofrer poucas alterações para a hora da encrenca.

Bonitão
Vai de vento em popa.Quem tem planos de assistir os jogos do São Paulo de Rio Grande no Gauchão, vai encontrar o Estádio Aldo Dapuzzo com nova cara: um gramado de muito boa qualidade e bonitão. Pronto para servir ao dono da casa como arma para somar pontos e fazer uma bela campanha. As obras, graças ao esforço nada pequeno dos dirigentes e da comunidade, estão caminhando com pressa, esmero e dedicação. Como foi prometido pelos homens do clube, meses atrás, quando o local não apresentava condições para a prática de bom futebol e deixava a desejar em termos de espetáculo.

Tá na panela
Foi um belo tiro. Com muita velocidade, o São Paulo conversou, apresentou proposta e fechou com o lateral-esquerdo Carlinhos, livre após o fim de contrato com o Fluminense. Aumentou, assim, a qualidade para disputar a Libertadores de 2015. Apesar de não ter tido um ano maravilhoso, por culpa das muitas lesões, essa é daquelas contratações acima da média, sonhada pela maioria dos clubes. Um jogador que chega, farda, sai jogando e dá boa resposta.

Tomando água de salsicha
Nem poderia ser diferente. Um dia após o empate contra o Atlético-PR, que valeu presença na elite em 2015, a direção do Palmeiras fez o que tinha de fazer: começou a promover uma faxina no clube para evitar riscos futuros.
Como já se imaginava, um dos primeiros a receber o cartão vermelho foi o técnico Dorival Júnior, que dirigiu o Verdão em 20 jogos, com seis vitórias, cinco empates, nove derrotas e se atrapalhou na dificuldade.

Perguntinha
Quantas contratações o Inter precisa para 2015?

Bookmark and Share

É forte a fumaça

09 de dezembro de 2014 29

Desde domingo, quando o Grêmio encerrou sua participação no Brasileirão, crescem os rumores de que o meia Douglas, que passou com sucesso pelo clube e depois trabalhou no Corinthians e Vasco, será anunciado como o primeiro reforço para 2015.

Caso a negociação seja confirmada, o técnico Luiz Felipe Scolari ganha um tipo de jogador que não teve durante o ano inteiro, mas que chegará sob a desconfiança de boa parte da torcida e precisará provar que continua com a mesma qualidade que mostrou na sua primeira passagem pelo Tricolor.

Volante

Chegou a hora do ajuste.
No próximo sábado, após a eleição que vai apontar o novo dono da cadeira presidencial no Beira-Rio, o eleito terá que começar a botar a mão na massa para minimizar as carências do Inter visando à próxima temporada, que começa logo ali, após a virada do calendário.

E uma das prioridades da direção que será escolhida pelos associados é a contratação de um volante para a primeira função do meio. Um jogador para facilitar a vida dos zagueiros e dos laterais, para contribuir na saída de jogo, diferentemente de Willians, que marca bem, mas não guarda posição e exagera no erro na hora de se livrar da bola.

Recorde

Segue o casamento.
Após muita conversa, acertos e desacertos, como sempre acontece na hora de uma negociação, o Brasil-Pel e o técnico Rogério Zimmermann, um dos principais responsáveis pelo sucesso do clube em 2014, chegaram ao tão esperado acordo para a continuidade do trabalho.
Com um calendário cheio pela frente _ Gauchão, Copa do Brasil e Série C do Brasileirão _, a renovação com o comandante significa muitas esperanças para a fanática torcida do Xavante. E também um recorde: o treinador mandará no vestiário pela quarta temporada consecutiva.

Tá Na Panela

Vai mudar o campeão. Um dia após receber a taça, festejar o bi do Brasileirão, a direção do Cruzeiro botou o bloco na rua: anunciou a contratação do lateral Fabiano, da Chapecoense, e as dispensas de Marlone, Samudio e Borges. É fácil adivinhar que, mesmo feliz pela conquista, a Raposa pensa em ficar ainda mais forte para fazer uma Libertadores bem melhor do que fez em 2014.

Dorme no Gelo

Após 38 rodadas, 380 jogos, a coluna também escolheu seus melhores do Brasileirão. Ficou assim: Marcelo Grohe (Grêmio); Fabiano (Chapecoense), Leonardo Silva (Atlético-MG), Anderson Martins (Corinthians) e Renê (Sport); Souza (São Paulo), Lucas Silva (Cruzeiro), Ricardo Goulart (Cruzeiro) e Éverton Ribeiro (Cruzeiro); Diego Tardelli (Atlético-MG) e Fred (Fluminense).

Perguntinha
Quem foi o pior jogador do Brasileirão?

Bookmark and Share

É a hora da verdade

06 de dezembro de 2014 26

Neste sábado, no Orlando Scarpelli, o Inter, sem alguns titulares importantes, faz a sua despedida do Brasileirão. O time de Abel enfrenta o tranquilo Figueirense, num jogo que vale a confirmação da vaga direta na Libertadores.

Parada complicada, um enorme caroço, mas a verdade é que o Colorado não tem mais escolha, precisa nestes últimos 90 minutos fazer a sua parte e fechar a competição com um prêmio que não é o maior, mas não é pequeno.

Despedida

Vale bom público.
Neste domingo, na Arena, o Grêmio, que até a rodada passada deu esperanças de chegar entre os quatro melhores, faz o seu último jogo do ano. Mesmo cheio de reservas e em ritmo de férias, o time carioca quer fechar a temporada com sucesso.

Apesar de não alterar a vida de nenhum dos dois, de ter virado um amistoso de luxo, o confronto entre o time de Luiz Felipe Scolari e a equipe de Vanderlei Luxemburgo é daqueles que podem dar uma boa pista do que vai acontecer nos dois lados após a virada do calendário.

Vai faltar calmantes

Quem gosta de emoções fortes, certamente vai dedicar o domingo para assistir ao confronto mais decisivo, aquele que vai decidir a vida de três participantes, todos querendo fugir do trágico rebaixamento: Palmeiras x Atlético-PR.

Tudo passa pelo Verdão, que depende de uma vitória simples para salvar o ano e empurrar os baianos Vitória e Bahia para o abismo. Porém, isso só vai acontecer se o time do técnico Dorival Júnior fizer o que não fez na maioria da competição.

Piada

Dono de um faro invejável, Marlon adorava frequentar restaurantes gaúchos. Certo dia, ele entrou em uma churrascaria, e disparou ao garçom:

- Pode trazer qualquer coisa que eu adivinho o que é!

- Como assim? – questionou o atendente.

- Simples! Você traz o que quiser da cozinha, eu fecho os olhos e lhe digo o que é! – anunciou.

Na mesma hora, o garçom contou a novidade para o assador e voltou com um pedaço de maminha.

- Vamos ver se você adivinha mesmo! O que é isso que estou passando pelo seu nariz? – perguntou.

O Marlon deu uma rápida cheirada e lascou.

- Maminha!!!

Ainda desconfiado, o garçom voltou com um pedaço de lagarto no garfo:

- E agora, o que é isso?

Em poucos segundos após rápida cheirada, Marlon emendou:

- Lagarto!!!

Na mesma hora, o garçom foi ao encontro de Walmir, o chefe da cozinha, e contou o que estava acontecendo. Veterano na profissão, o cozinheiro resolveu participar do teste.

- Espera aí! Vou passar o garfo na minha parte íntima e vamos ver se ele acerta! – anunciou.

O garçom pegou o garfo, correu até a mesa, passou duas vezes na frente do nariz do Marlon e perguntou.

- E agora?

Com os olhos fechados, sorriso irônico, o cliente reagiu.

- Rapaz, como esse mundo é pequeno! O Walmir trabalha aqui????

Bookmark and Share

É simples a receita para o Inter

05 de dezembro de 2014 11

Longe de casa, com alguns desfalques importantes, a melhor estratégia que o Inter pode adotar, amanhã, contra o Figueirense, é priorizar a marcação e só depois pensar em chegar ao gol do adversário.

Contra um adversário que nada tem a perder, que certamente vai atuar motivado pelo interessado Corinthians, o time de Abel Braga não pode abrir mão da paciência, de um sistema defensivo sem erros, de um meio-campo com capacidade para chegar na frente e de um ataque pronto para aproveitar as poucas chances.

Grana

Vale uma boa grana.
Neste último jogo do ano, domingo na Arena, o Grêmio tem a chance de somar três pontos, tentar ultrapassar Fluminense e Atlético-MG e garantir uma premiação de R$ 2,1 milhões, que sempre ajuda para pagar salários, 13º e férias dos boleiros.
Além do dinheiro, a despedida do Brasileirão também será importante para que o técnico Luiz Felipe Scolari possa observar alguns meninos da base, que nos últimos dias trabalharam duro e mereceram elogios de quem viu os treinos.

Salvador

Pintou a esperança.
Na hora de a onça beber água, dentro da sua nova casa, o Palmeiras ganha um reforço nada pequeno, capaz de fazer a diferença, como aconteceu na maioria das vezes em que o time saiu de campo comemorando os três pontos: o chileno Valdívia.
Mesmo sem estar na ponta dos cascos, ainda temeroso da volta de uma lesão que o deixou na enfermaria nestes últimos tempos, o Mago treinou e colocou-se à disposição do técnico Dorival Junior para a decisão. Passou a ser visto como salvador da pátria pelos fanáticos e esperançosos palmeirenses.

Dorme No Gelo

Problema resolvido. No mesmo dia, quase na mesma hora, os mineiros Cruzeiro e Atlético, que acabaram o ano com bom futebol, anunciaram as renovações de contratos com os técnicos Marcelo Oliveira e Levir Culpi. Uma medida acertada, esperada, aprovada pela grande maioria dos torcedores dos dois clubes. Isso significa a continuidade do trabalho e a esperança de dias ainda melhores para o futebol mineiro.

Na Panela

Apertou a gravata. Após 37 rodadas, bolinha capenga, os baianos Vitória e Bahia, cada vez mais perto do inferno da Segundona, elegeram o culpado para seus fracassos: a tabela do Brasileirão. Esse é o chamado choro do aluno que frequentou a escola o ano inteiro, não teve capacidade para estudar, passou longe da notas exigidas e empurrou o problema para o professor.

Perguntinha
Qual será o futuro de Kleber Gladiador?

Bookmark and Share

Virou vestibular

04 de dezembro de 2014 14

Agora na condição de turista, o Grêmio, muito mais com a cabeça nas férias, enfrentará o Flamengo, outro turista. No jogo da Arena, domingo, o técnico Luiz Felipe Scolari terá a última chance para botar os olhos nos cascudos, nos meninos, e começar a definir quem fica e quem sai do clube em 2015.

Evidentemente que o objetivo é somar três pontos, garantir uma boa posição na tabela, mas o maior interesse da comissão técnica e dos dirigentes é de dar um primeiro e importante passo para tentar mudar as coisas no Humaitá.

Exigência

Cresceu a exigência.
Após o sorteio que definiu os jogos da pré e o chaveamento da fase de grupos da Libertadores, ficou ainda mais claro que o Inter entra em campo sábado, no Orlando Scarpelli na obrigação de vencer o Figueirense ou, no mínimo, de conseguir o mesmo resultado do rival Corinthians.

Se confirmar a atual colocação que ocupa na tabela, o Colorado, além de escapar dos dois jogos eliminatórios, terá pela frente adversários menos complicados, com mais chance de seguir adiante na competição. Mesmo que precise fazer viagens mais desgastantes.

Berro

Estourou o balão.
Cansado de ser apontado como o único culpado pelos fracassos, o atacante Fred, muito perto de conquistar o título de goleador do Brasileirão, botou a boca no trombone após a goleada do Fluminense sobre o Corinthians, quando revelou estar 20 meses sem receber a grana referente aos direitos de imagem.

Além desta incrível revelação, o dono da camisa 9, visivelmente incomodado com os rumores de que a situação vai ficar ainda mais complicada em 2015, deixou em aberto que pode trocar de endereço nos próximos dias. A notícia provocou correria no Cruzeiro e pode acabar em casamento.

Dorme No Gelo

Não dá para reclamar. Verdade que tudo se decide no campo, que o futebol está nivelado, mas o Cruzeiro foi quem mais teve motivos para comemorar o sorteio da fase de grupos da Libertadores. Em condições normais, a Raposa conquistará a classificação sem maiores dificuldades, com a chance de acumular um expressivo número de pontos e encaminhar vantagem para os complicados mata-matas.

Água de Salscicha

Virou fim de festa. Satisfeito com os 53 pontos, com a oitava posição na tabela, o Atlético-PR vai fechar o Brasileirão, domingo contra o Palmeiras, com cabeça corpo e alma nas férias. A falta de interesse no jogo que vai determinar se o Verdão segue ou não na elite do futebol brasileiro é tanta que a direção do Furacão abriu mão dos ingressos que tinha direito, alegando preocupação com a segurança de seus torcedores.

Perguntinha
Quem é o favorito da Libertadores de 2015?

Bookmark and Share

Guerrinha: Melhorou a situação

03 de dezembro de 2014 15

Em uma rodada em que necessita fazer, no mínimo, o mesmo resultado do Corinthians, para decidir se entra direto ou não na Libertadores, o Inter ganha um precioso reforço para compensar as ausências dos titulares Fabrício e D’Alessandro: o atacante Nilmar, que mesmo fora da melhor forma física e técnica, é capaz de fazer a diferença. Nestes últimos treinos da semana, o técnico Abel Braga poderá avaliar as condições do jogador, definir pela escalação desde o início ou deixá-lo como opção para a parte final, sábado, no Orlando Scarpelli.

Perda
Mais um que não fica.

Sem os seis milhões de euros pedidos pelo Dínamo de Kiev, o Grêmio já convive com outra baixa no elenco para a temporada de 2015: o atacante Dudu, velocista, autor de poucos gols, mas titular do técnico Luiz Felipe Scolari. Ele caiu nas graças de boa parte da torcida e gostaria de seguir trabalhando no Tricolor. Agora, a direção, que deseja baixar a folha salarial a partir da virada do calendário, examina o mercado e  tenta encontrar outro jogador com características parecidas. Se não conseguir atingir o objetivo, buscará a solução na base, como aconteceu muitas e muitas vezes durante o ano.

Divisão
Merece aplausos de pé.

Além de ter feito o possível e o impossível para tentar salvar o Botafogo do pior, o técnico Vagner Mancini, que nos últimos seis meses recebeu apenas 25% dos seus salários, teve uma atitude fora de campo que jamais será esquecida no clube: dividiu a grana entre os humildes funcionários do vestiário. Aconteça o que acontecer, permaneça ou não no Fogão, o comandante dos jogadores virou o grande bombeiro na vida dos roupeiros, massagistas, motoristas e seguranças, pessoas que conseguiram botar comida na mesa graças ao gesto humanitário de um profissional que também viveu dificuldades na vida.

Selo na panela
Vai dar pano para manga. Metidos na briga pela degola, Vitória e Bahia devem estar arrancando os cabelos com a informação de que o Atlético-PR, turista no Brasileirão, pode encarar o Palmeiras com um time cheio de reservas. Se não houver mudança de rota nos planos do Furacão, se a equipe paulista conseguir a vitória, os dois baianos vão berrar como cabritos embarcados.

Selo dorme no gelo
Já era esperado. Após desequilibrar vários jogos para o Atlético-MG, das convocações para a Seleção, o atacante Diego Tardelli virou objeto de desejo dos compradores e admite que balançou com a proposta que recebeu. ,Ídolo da torcida, referência técnica do time do técnico Levir Culpi, o jogador avisou que vai conversar com os familiares nos próximos dias, pesar os prós, os contras, e tomar a decisão se fica ou não no Galo em 2015.

Perguntinha
Quantos baianos vão cair?

Bookmark and Share

Não foi só opção técnica

02 de dezembro de 2014 16

Após a derrota para o Bahia, que custou a eliminação do Grêmio na briga pela vaga na Libertadores, o técnico Luiz Felipe Scolari apareceu na entrevista coletiva, respondeu todas as perguntas e revelou que deixou o argentino Alán Ruiz fora da delegação pelo fato de não ter gostado do comportamento do jogador durante a semana.

Claro que o comandante não se estendeu sobre o fato, mas a dispensa do gringo até do último jogo, domingo contra o Flamengo, deixa a quase certeza de que não foi pouca coisa, pois motivou uma decisão forte.

Superação

Caiu no colo.
Diferentemente do que imaginava antes do início da penúltima rodada, o Inter chega no último jogo, domingo em Chapecó, contra o turista Figueirense, com a chance de carimbar a vaga direta na Libertadores.
É a última decisão do ano para a turma do técnico Abel Braga, que não pode contar com os suspensos Fabrício e D’Alessandro. O time gaúcho não pode deixar escapar a chance que caiu do céu com o fracasso do Corinthians no Maracanã.

Providências

Começou o novo ano.
Feliz da vida com o título da Copa do Brasil e com a vaga direta na Libertadores, o Atlético-MG, apesar de ainda ter um jogo para cumprir no Brasileirão, virou a página. A equipe mineira passou a pensar, desde ontem, na renovação do técnico Levir Culpi e na contratação de reforços.
Pelo andar da carruagem, o novo presidente do Galo, Daniel Nepomuceno, que assume na quinta-feira, baterá o martelo com o chefe do vestiário e pode anunciar o atacante Emerson Sheik, fora dos planos do Corinthians. Seria um belo reforço para a grande maioria dos clubes brasileiros.

Na Panela

Segue o baile. Ao contrário do que planejava meses atrás, o goleiro Rogério Ceni, motivado pela classificação do São Paulo para a Libertadores, atendeu o pedido do técnico Muricy Ramalho e renovou contrato até o fim de 2015. Na virada do ano, com o início da competição mais charmosa da América, vamos todos saber se a decisão de seguir dentro de campo foi ou não foi a melhor opção do futuro presidente do tricolor do Morumbi.

Dorme no Gelo

Promessa é dívida. Aliviado por ter ajudado a salvar o Coritiba do pior, o meia Alex, ídolo da torcida, faz, domingo, no Couto Pereira, contra o quase rebaixado Bahia, a sua despedida dos gramados. Pelos excelentes serviços prestados, pela afinidade com o Coxa, é fácil adivinhar que, mesmo se tratando de um amistoso para os paranaenses, a torcida vai aparecer em grande número para agradecer ao seu camisa 10.

Perguntinha
Quantos reforços o Inter precisa?

Bookmark and Share

Guerrinha: Chegou a hora da verdade.

29 de novembro de 2014 28

Neste sábado, início da noite, com um Beira-Rio quase lotado, pintado de vermelho, o Inter faz o seu último jogo como mandante contra o ameaçado Palmeiras. O time de Abel tem a chance de conseguir a terceira consecutiva e garantir, matematicamente, a sonhada vaga na Libertadores. Na prática, a turma do técnico Abel Braga terá uma verdadeira final, um jogo que exige mobilização, marcação forte do início ao fim e respeito ao assustado adversário, ingredientes indispensáveis para quem não quer, de jeito nenhum, deixar escapar um prêmio que quase sempre esteve nas suas mãos.

Vitória
Só a vitória interessa. Neste domingo, no final da rodada, já sabendo dos indispensáveis resultados paralelos, o Grêmio fez o seu último jogo como visitante neste Brasileirão contra o quase rebaixado Bahia, na Arena Fonte Nova. Aconteça o que acontecer, o time do técnico Luiz Felipe Scolari, que na prática fez uma campanha bem acima do que muitos imaginavam, tem a obrigação de fazer o resultado e provar que está no caminho certo. Assim, dará mais esperanças ao seu torcedor para a temporada que começa logo ali.

Definição
Quem vai mudar de endereço? Neste sábado, após muita indefinição, finalmente vamos conhecer o último classificado da sempre competitiva Segundona. São cinco os candidatos a completar o pódio ao lado de Joinville, Ponte Preta e Vasco.

São eles: Boa Esporte-MG, Atlético-GO, Avaí, América-MG e, mais remotamente, Ceará. O Boa tem um pequeno favoritismo pois está em vantagem nos critérios e encara o já rebaixado Icasa-CE num estádio que certamente vai ter muito pouca gente para perturbar.

A caçada…
Um gaúcho, um carioca e um paulista estavam dentro de um avião que sofreu uma pane e caiu. Apenas os três sobreviveram. Perdidos na mata, começaram a sentir fome. O paulista e o carioca decidiram testar o companheiro de empreitada.

- Gaúcho, você que é acostumado com a lida de campo, poderia buscar algo para comermos _ sugeriu um deles.
Apesar de sempre ter vivido na cidade, o gaúcho, para não ficar mal na parada, emendou na hora:

- Tchê, vocês me dão meia-hora que vou trazer algo.
Em seguida, saiu mato a fora, louco de medo, mas seguiu em frente. Lá pelas tantas, quando chega na frente de uma moita, o gaúcho se depara com uma onça. Sentindo que estava perto de virar comida para o animal, botou o pé na estrada de volta. Ao se aproximar da carcaça do avião, que abrigava os outros dois companheiros, o gaúcho tropeçou. A onça, sem tempo para parar, cai dentro do avião. Na mesma hora, o gaúcho grita para o paulista e para o carioca.

- Tchê, vão carneando essa, que daqui a pouco trago mais uma!!!

Bookmark and Share

Guerrinha: O Milagre

28 de novembro de 2014 20

Ficou bem complicado.

Na hora de a onça beber água, em que tinha a obrigação de pontuar, o Grêmio beijou a lona contra o Cruzeiro e repetiu a dose contra o Corinthians. Atrasou-se na tabela e ficou na dependência de um milagre para alcançar a vaga na Libertadores.

Sem depender apenas dos seus próprios resultados, o time do técnico Luiz Felipe Scolari vai entrar em campo, domingo, na Arena Fonte Nova, para enfrentar o quase rebaixado Bahia já sabendo se tem chance de seguir sonhando ou se vai apenas cumprir tabela.

Rugido
Vai rugir o Beira-Rio.

Pelo que aconteceu nos primeiros dias da semana, o torcedor colorado entendeu que o jogo de amanhã contra o Palmeiras é uma final de Copa, daqueles em que é preciso adiar todos os compromissos.

Não é necessário dizer que, neste último jogo oficial da temporada, a casa vermelha receberá público recorde. A torcida estará com a garganta afiada, pronta para empurrar um time que anda tendo dificuldades e que, desta vez, está simplesmente proibido de vacilar.

Melhor
Ficou em boas mãos.

Inteiro fisicamente, o Atlético-MG jogou mais do que o Cruzeiro, criou as melhores chances e derrotou o maior rival outra vez. O Galo faturou a sonhada Copa do Brasil pela primeira vez e garantiu a vaga na Libertadores de 2015.

Uma bela vitória, um título mais do que merecido de quem conseguiu viradas inacreditáveis durante a campanha. Superou alguns obstáculos bem complicados, Corinthians, Flamengo e o próprio Cruzeiro, entrou nos trilhos após a chegada do técnico Levir Culpi e chegou ao fim da temporada exibindo o melhor futebol entre todos os brasileiros.

Selo na panela
Acendeu o alerta. Com o adeus do São Paulo na Sul-Americana, somado ao fracasso na Libertadores, fica claro que o futebol brasileiro está precisando ser reinventado para sonhar com títulos internacionais. Verdade que o futebol está nivelado, que acabou esse negócio de jogo jogado, mas a grande verdade é que não conseguimos, depois de bom tempo, nem chegar às finais das duas importantes competições.

Selo água de salsicha
Fica fácil de adivinhar. Livre do perigo, turista assumido, o Flamengo vai enfrentar o Vitória, amanhã, na Arena da Amazônia, num jogo em que pode ser decisivo para todos os que estão tentando fugir da degola.

Pelos interesses dos ameaçados Coritiba e Palmeiras, a turma do técnico Vanderlei Luxemburgo, mesmo que ninguém admita publicamente, vai atuar sob o incentivo de prêmio extra.

Perguntinha
Quando o tribunal vai punir o Corinthians?

Bookmark and Share