Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Mesários

10 de junho de 2010 0

A convocação para trabalhar como mesário foi feita no mês de junho. A convocação é pessoal e intransferível. Os mesários não são remunerados. Eles recebem vale-alimentação e dois dias de folga no emprego. O descanso só poderá ser cumprido com apresentação de comprovante, emitido pelo chefe do Cartório Eleitoral, ao empregador.

O não-comparecimento, sem justa causa apresentada ao juiz eleitoral até 30 dias após a eleição, sujeita os mesários faltosos às penalidades legais descritas no art. 124 do Código Eleitoral.

Se o mesário que faltar no dia das eleições for servidor público, a pena será de suspensão de até 15 dias e, na eventualidade da mesa receptora deixar de funcionar pelo não-comparecimento dos mesários, as penalidades previstas serão aplicadas em dobro.

Treinamento

Fica a cargo de cada cartório eleitoral a decisão de quais componentes da mesa receberão treinamento. Para saber se você receberá treinamento, o local e as datas, entre em contato com o seu cartório eleitoral.

Para esclarecer outras dúvidas sobre o trabalho do mesário, acesse as informações do TSE.

Envie seu Comentário