Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Mulheres mais que poderosas

29 de outubro de 2007 0

Björk encanta no Tim Festival/Daigo Oliva/G1
Sem dúvida, o brilho da edição do Tim Festival 2007 foi todo do sexo feminino. Claro, não vamos desmerecer os queridinhos do Artic Monkeys, The Killers e companhia. Os meninos mandaram bem e mostraram suas qualidades. Mas ao falar em encantamento, em deixar o público literalmente em transe, temos sim é que falar do sexo oposto!

Björk é algo! Deixa o público hipnotizado e abusa ao explorar e aguçar nossos sentidos para sua obra. A pequena islandesa entrou no palco, ontem à noite, no Anhembi, em São Paulo, acompanhada de uma equipe de sopros que tocavam um marcha. Repleto de cores e performances, o show de Björk apresentou seu novo trabalho, intitulado Volta, e também antigas canções de sua carreira como Jóga, Hunter e Pagan Poetry. Sem comentários, ela é simplesmente demais!

Outra beldade que abalou as estruturas do Tim foi a super Juliette Lewis. O The Licks fez a cozinha para o espetáculo da atriz e também cantora. Juliette encarnou uma verdadeira personagem ao subir ao palco. Um show cheio de energia, que intimou o público a cantar junto do início ao fim. Juliette é tudo de bom!

Uma artista de ponta com grandes idéias e que leva no sangue sua cultura. Assim é Cibelle Cavalli. A moça ainda não é tão conhecida por aqui, mas a brasileirinha vem dando show nos palcos do mundo, e já é uma estrela consagrada nos Estados Unidos e Europa. É uma verdadeira camaleoa, ao misturar imagens, cores e sonoridades. Admiradora confessa de Tom Jobim, Cibelle já realizou trabalhos com Seu Jorge, David Byrne e Devendra Banhart. É mole? Ainda vamos ouvir muito essa garota!

Não adianta, o Tim Festival 2007 foi totalmente delas!

Confira as fotos do Tim festival 2007

Postado por Raquel Carneiro

Envie seu Comentário