Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Cinco resoluções para sua vida digital em 2014

03 de janeiro de 2014 0

Nos primeiros dias do ano é hora de fazer promessas de renovação. E tem gente que diz que vai emagrecer, outros desistir de hábitos ruins e até outros de vão começar a fazer algo saudável. Mas e a vida online?

Confira cinco resoluções para o mundo digital, para se orgulhar no final do ano ou pedir uma prorrogação na próxima virada. Se você também tiver alguma sugestão, fique a vontade para compartilhar nos comentários.

1 . Não fazer “braggie”

102_2143-alt-blog-rihannaEsta é a Rihanna, seguindo os conselhos da Valeska Popozuda, dando um Beijinho no Ombro para espantar o recalque, enquanto faz um #braggie (Foto: Instagram / Arquivo Pessoal).

Postar fotos suas em situações de luxo e ostentação, para “sambar na cara da humanidade”, agora tem um nome: “braggie”. A palavra começou a ser sucesso neste início de 2014 e é definida como “postar imagem em rede social na internet com o objetivo de provocar inveja nos amigos ou nos seguidores” – mas não significa que seja um hábito legal. Ser orgulhoso de conquistas e registrar momentos inesquecíveis é uma coisa, querer ser alvo de recalque com falsa modéstia é outra.

2 . Comer menos com as câmeras

137912661396A prática de compartilhar fotos de comida sem nenhum pudor controle é conhecida como #foodporn (Foto: allcomics.com).

Todos acham que é legal mostrar para o mundo aquilo que está comendo, talvez para não passar pelo inconveniente de não lembrar caso alguém perguntar qual foi sua última refeição. Embora seja tão tentador “comer” com as lentes da câmera, a dica é pensar em um limite para as pessoas não confundirem seu Instagram com um menu de restaurante.

Comece se perguntando: O prato foi servidor em uma ocasião muito especial? É apresentado de uma forma que nunca foi visto antes por olhos humanos? Será que a refeição contêm carne unicórnio? Se a resposta a uma destas três perguntas for “não”, a foto tem grande potencial para ser mais do mesmo.

3 . Verificar as informações antes de compartilhar

noceu-9341Renato Aragão (Didi) foi uma das celebridades mais “mortas” no Brasil em 2013.

Antes de matar qualquer celebridade com um retuíte ou compartilhar qualquer informação, tente achar algumas fontes diferentes e confiáveis que confirmem a bomba – especialmente se o primeiro lugar que você viu a informação for daquele conhecido que ainda compartilha links da Telexfree.

A circulação rápida de informações incorretas em uma situação de crise pode ser assustadora e, em alguns casos, pode mais atrapalhar do que ajudar. Ou seja, antes de causar o pânico, pense no que pode acontecer.

4 . Ser mais positivo

2218047791_a3535324e9_zSe o dia estiver ruim, pense neste gatinho (Foto: Flickr, Vitor Corrêa Fogassa / Divulgação).

As redes sociais estão abertas para receber tudo aquilo que querermos compartilhar. Mas, da mesma forma que a gente não quer ouvir a velhinha que puxa conversa e reclama do seu reumatismo enquanto estamos na fila do banco, é legal pensar duas vezes antes de postar comentários ou atualizações negativas.

Se for algo realmente ruim, que vai mudar a vida de muitas pessoas, até que é compreensível. Mas reclamar todo dia do ônibus lotado, xingar um estilo musical deliberadamente ou expressar seu ódio mortal por coisas “orkutizadas” já é vandalismo virtual: todo mundo sabe que #classemediasofre.

5 . Aumentar a configuração de privacidade dos perfis

burqa11O método acima não é confortável em dias quentes (Foto: 9GAG).

Gerenciar as configurações de privacidade, níveis e permissões em redes sociais é extremamente importante, para que as coisas certas só sejam vistas pelas pessoas certas. Isso vale para aqueles convites inconvenientes de jogos ou spam de aplicativos suspeitos, que você curte sem ler o que ele vai fazer com sua conta – poderíamos colocar um 5.1 aqui: leia o que o aplicativo pede em troca da sua “gratuidade”.

Também é importante cuidar com aquilo que se guarda, para se os aparelhos caírem nas mãos erradas não aumentar a lista de caiu na net.

Texto inspirado em: Social Media Resolutions for 2014

***

Bookmark and Share

Envie seu Comentário