Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

1001 reflexões sobre o carro de madeira

20 de fevereiro de 2008 4


Tá, não chegou a 1001 (passou longe, até), mas a matéria sobre o carro de madeira que publicamos no canal de Ambiente na semana passada realmente botou os internautas para refletir. Os comentários bombaram na matéria, com idéias sobre o uso, os cuidados e tudo mais envolvendo a invenção.

Vale lembrar que o assunto é sério. A madeira provém de remanejo e tudo mais. Mas os internautas partiram para o lado cômico da coisa, e uma graça é sempre bem-vinda.

O campeão absoluto de sugestões foi o leitor Luis Pareto (a Paula, que é quem em geral libera os comentários aqui, chegou a cansar de liberar os dele); mas vários outros criativos internautas deixaram sua impressão. Por isso, resolvi colocar aqui uma compilação de algumas dessas valorosas idéias.

Quem quiser saber quem foi que disse o quê, acesse lá a matéria e entre nos comentários, porque eu não vou ficar escrevendo o nome de todo mundo aqui. Mas se o negócio for colocar a sua reflexão sobre a caranga feita de pau, clique nos comentários aí embaixo do post e deixe o seu. Prometo que o que não for %22bagacerice%22 vai ser liberado.

Aí vai a nata (na minha imparcial opinião) do que foi dito:

%22O grande risco é que este carro seja atacado pelo pica-pau%22

%22Quem estiver dirigindo rápido com este veículo vai poder dizer literalmente: Tô descendo a lenha!!!!%22

%22Quantos paus custará este carro??%22

%22Bater TRÊS vezes na madeira do capô será considerado uma SUPERSTIÇÃO de quem o fez ou uma maneira de fazer um grau????%22

%22E se, por ventura, num churrasco faltar lenha ou carvão e a galera já estiver alucinada do trago???%22

%22Vou mandar um casal de cupim para ele, quero ver até quando o carro agüenta!%22

%22O combustível dele será seiva bruta?%22

%22Ao invés de cera para dar brilho, o que se passa neste carro? Jimo cupim???%22

Postado por André Crespani

Comentários

comentários

Comentários (4)

  • Heini Frederico diz: 21 de fevereiro de 2008

    A maioria brincou com coisa séria. Mas a segurança é que mais preocupa, assisti a documentário sobre vagões de trem feitos em madeira e num acidente uns embutiam nos outros como se fossem de papel, imagina um carro ecológicamente incorreto. Seria uma auto-carroça? Idéia perogosa.

  • Wellington Ribeiro diz: 20 de fevereiro de 2008

    E quando estragar , é só levar no marceneiro…:-)

  • Luis Pareto diz: 20 de fevereiro de 2008

    Tchê, é tanta notícia ruim que lemos, é tanta palhaçada que rola por este Brasil afora, tanta putaria nesta política brasileira que, as vezes, RIR é o melhor remédio. Grande abraço!

  • Alvaro Bueno diz: 21 de fevereiro de 2008

    E a mais óbvia de todas: “Pé na tábua!”

Envie seu Comentário