Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Bill Gates cria nova empresa para catalisar idéias

23 de outubro de 2008 0

Gates tem uma nova empresa em suas mãos huahuahuahuahua

BgC3 LLC é o nome da nova empresa de Bill Gates, co-fundador e ex-CEO da gigante da informática Microsoft. Sem um papel declarado a público, a empresa é tida como mistério e alvo de especulações na mídia especializada. O termo mais comum para descrever o objetivo da bgC3 é “think-tank”, ou catalisador de idéias.

Gates deixou a direção da MS no início deste ano, deixando clara sua intenção de dedicar-se mais à filantropia, através da Bill & Melinda Gates Foundation. Há alguns meses, instalou-se um novo escritório para o milionário, próximo do lago Washington, nos Estados Unidos.

Segundo o Wall Street Journal (WSJ), trata-se de uma instituição que regularizou a estrutura de pessoal que trabalha junto com Gates.

Já o ex-repórter do Seattle Post-Intelligencer, Todd Bishop, apostou num objetivo maior em seu blog, TechFlash. Para o jornalista, Bill Gates está à frente de uma consultoria cujo objetivo é desenvolver idéias.

Apesar da semelhança com a lucrativa criatividade do mercado de TI, não se trataria de uma entidade comercial.

“Por enquanto o escritório cumpre uma função mais básica: Gates não pode deixar o material da Fundação na Microsoft, e vice-versa”, escreve Roberth A. Gut, do WSJ.

O catalisador de idéias está mais para clube filosófico do que para star-up de TI, é verdade, mas quem sabe não pinta um novo produto ou solução revolucionária, quiçá filantrópica e gratuita?

Acho que não. Bishop escreve:

“Em documentos de registro legal, a bgC3 é descrita como consultoria sob uma marca que corresponde às áreas de serviço científico e tecnológico, pesquisa e análise industrial e design e desenvolvimento de hardware e software para computadores”.

Não é de se admirar que o co-fundador de uma das maiores empresas do mercado não queria sossegar o facho. E não sossegar o bolso também não causará espanto.

Postado por Guilherme Neves

Comentários

comentários

Envie seu Comentário