Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Escola e universidade foram ponto de partida para ataques contra o Google

19 de fevereiro de 2010 0
The following two tabs change content below.

Guilherme Neves

Jornalista, fã de gadgets e traquinanas tecnológicas em geral. Linux user convicto, mas não xiita.

Lembra dos ataques que criaram um incidente diplomático entre Google e China? Pois especialistas indicam que eles tiveram origem em uma universidade e em uma escola de formação profissional da China. A informação é do jornal norte-americano The New York Times.
             
Os ataques partiram da universidade de elite Xangai Jiaotong e da escola profissionalizante Lanxiang.
             
Porém, o que todo mundo quer saber continua na penumbra: o governo chinês teve participação nos ataques?
               
Em 12 de janeiro deste ano, o Google denunciou que suas operações tinham sido alvo de ataques pela internet, provavelmente procedentes da China, com o objetivo de acessar as caixas de e-mails de ativistas dos direitos humanos no país, além de roubar códigos e segredos comerciais da empresa.
                 
Além do Google, cerca de vinte outras empreses foram afetadas ciberataques, que os investigadores acreditam que começaram em abril do ano passado.
                 
Quem acompanhou um pouco a história da Operação Aurora, como ficaram conhecidos os ataques, lembra que trata-se de uma ação extremamente sofisticada, com um trabalho de inteligência por trás, procurando usuários que seriam o elo fraco das prevenções de segurança, e o jeito mais fácil de chegar até eles.
               
Pior é que não é difícil de acreditar que estudantes consigam fazer isso.

Comentários

comentários

Envie seu Comentário