Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Proposta de domínio próprio para sites pornográficos volta a ser discutida

11 de março de 2010 4
The following two tabs change content below.

Guilherme Neves

Jornalista, fã de gadgets e traquinanas tecnológicas em geral. Linux user convicto, mas não xiita.


Desde 2000, ela já foi rejeitada três vezes. Agora, está se preparando para a quarta. A agência de vigilância global da Internet está reabrindo a discussão sobre a possibilidade de criação do domínio .xxx para sites de conteúdos pornográficos.

Entre as vantagens, está a possibilidade de os pais usarem o sistema para ajudar a bloquear o acesso a sites do tipo – navegadores poderiam ser configurados para barrar qualquer site que termina com os três Xs automaticamente.

As desvantagens: o sistema é voluntário (nada garante que os sites pornôs não usem outras terminações); além disso, religiosos e grupos anti-pornografia temem que os novos domínios deem legitimidade aos sites adultos.

Vai adiantar? A julgar pelas desvantagens: me parece que não.

O sex.com, por exemplo, está prestes a ser o domínio mais caro da história. Os lances no leilão do site começam no próximo dia 18, a partir de US$ 1 milhão. O .com é o domínio da internet mais comum. Se você pensam em alguma coisa, o site deve ser algumacoisa.com.

Tentativas de categorizar pelo domínio (.edu, .org, .gov) são válidas, e até já fazem parte do costume dos internautas, penso – a gente sabe que um site do governo termina por .gov.br, por exemplo. Mas são domínios já em uso há algum tempo. Agora, do nada, criar um XXX, sei não.

Quem não quer acessar pornografia, vai continuar não acessando. Quem quer, vai dar um jeito, independente do fim da URL.

Comentários

comentários

Comentários (4)

  • kau *-* diz: 11 de março de 2010

    bem mudar o domínio não vai adiantar mesmo….. O que me deixa mais preocupada eh que ultimamente em qualquer discussão aparecem grupos anti-xyz e “religiosos” como se fossem donos da verdade absoluta. respeito todas as crenças e opiniões desde que respeitem a minha postura também, se não causo transtorno e não prejudico ninguém.
    Fica a dica, como dizem por aí.

  • Guilherme Giuliani diz: 11 de março de 2010

    Acho importantíssimo a criação de domínios próprios para sites de conteúdo adulto, facilitaria o gerenciamento de redes por parte dos administradores, desde que se regulamente medidas para que estes sites não sejam hospedados com outros nomes de domínios, o que em termos tecnológicos é fácil, mas não vamos esquecer onde estamos, pelo menos no BraZZZZilll isso nunca vai acontecer, ou não vai acontecer tão breve. Obrigado pelo espeaço e pela democracia.

  • Rogério Rosa diz: 12 de março de 2010

    Eu vejo o perigo dos sites usarem isso para pegarem nomes de portais famosos e induzirem o internauta a clicar sem saber, em sites pornôs.
    Imagine o caus que seria, por exemplo, “wikipedia.xxx”, e com as técnicas de SEO de hoje eles facilmente colocariam o domínio do lado do verdadeiro wikipedia nos primeiros lugares dos buscadores!

  • Uso do domínio .xxx é aprovado para sites de conteúdo pornográfico | Infosfera diz: 21 de março de 2011

    [...] >>>Leia também: Proposta de domínio próprio para sites pornográficos volta a ser discut… [...]

Envie seu Comentário