Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

[Opinião] Google e Microsoft no mesmo passo dos smartphones

14 de julho de 2010 3
The following two tabs change content below.

O Google admitiu o fim do smartphone Nexus One, anunciado como “superphone” há pouco mais de seis meses. Segundo a empresa, o projeto deu tão certo que não precisa de continuação. Versão que não cola. Sem atualização de hardware, não há gadget que resista.

A Microsoft desistiu do smartphone Kin. Embora mais novo que o Nexus One, o Kin teve uma segunda versão – já que Kin One e Kin Two foram lançados de uma tacada só pela empresa. O smartphone foi prometido para o público jovem, com facilitador do acesso a redes sociais. Não durou três meses.

As semelhanças dos dois casos não param aí. Google e Microsoft andam para o mesmo lado no mercado de mobile. Aliviam na concorrência em hardware para concentrar seus esforços em software. O Android, que teria sido o motivo de lançamento do Nexus One, já vem tendo bons resultados em outros aparelhos. O Windows Phone 7, nova versão do Windows Mobile, integra a equipe do falecido Kin e deve chegar ainda nesse ano.

Alheia a tudo isso, a Apple observa de longe, com seu iPhone 4 recém-lançado e já somando quase dois milhões de unidades vendidas.

Da coluna impressa no caderno ZH Digital, da Zero Hora

Comentários

comentários

Comentários (3)

  • Marcelo Martins diz: 14 de julho de 2010

    Acho que existe um equivoco na opinião. O fracasso do Projeto Kin, não tem relação nenhuma com o Nexus One.

    Primeiro, o Kin vendeu pouco mais de 500 unidades. Imagine, um projeto inteiro vender 500 unidades em 3 meses. O hardware do Kin era fraco, o software era pior ainda. Vendido como smartphone social, não tinha como enviar mensagens instantâneas. Isso é um fracasso absoluto.

    O Nexus One, é sim um super smartphone. Ele tem 1Gb de processador, a tela dele é a melhor tela de um aparelho que já vi na vida, o Android dele é o mais atual. O Google vendeu MILHÕES de Nexus One, e eu, sem sair de Porto Alegre, já mexi em um.

    O que deu errado no Nexus One? Ele não vendeu 50 milhões como iPhone, ele não é desejado como o iPhone, mas ele continua sendo um super smartphone. O Nexus One é do mesmo nivel, senão melhor do que qualquer smartphone no mercado brasileiro. Não existe fracasso no projeto Nexus One.

    A falha mesmo do Google foi a forma de comercialização. Eles visaram o mercado americano apenas, e tentaram vender pela internet. Não deu certo, mas poderia ter dado. A forma de comercialização foi o erro que levou o Nexus One a não ser tão conhecido como por exemplo o Motorola Milestone.

    Então, não dá pra comparar um aparelho fraco que vendeu 500 unidades com um excelente aparelho que já vendeu milhões, e continuará vendendo bem por muito tempo.

  • Marcio Rodrigo diz: 14 de julho de 2010

    O mercado de telefonia móvel no mundo fica a cada dia mais avançado, com novidades diárias. Existem diversas pesquisas em andamento sobre essa área, como a realizada pela professora Elaine Ferneley, no Reino Unido.

  • camilo lopes diz: 15 de julho de 2010

    realmente boa abordagem do colega. Eu tb acredito nisso e acho o nexus one muito melhor que o iphone, mas o Eric parece nao ser bom de marketing, ao contrario do Jobs, que em um lancamento ataca os 4 cantos do mundo. Faltou criar o desejo nos consumidores, mas aquele desejo de “eu preciso ter um nexus one”. Conheco gente que nem sabe usar direito o iphone, mas comprou devido a midia e talz.
    Nao sei se o google fez essa parte comercial por ele mesmo, mas se foi, acho que contratar uma agencia especializada nessa area seria muito melhor, a apple faz isso se nao estou equivocado. Fora, o relacionamento q o Jobs transmite para o publico alvo dele, toda hora ele aparece em um lugar falando dos produtos, e os caras do google kd? O dono do defunto tem que pegar na cabeça.
    flw!!

Envie seu Comentário