Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Nokia e Microsoft selam aliança para conquistar mercado de smartphones

11 de fevereiro de 2011 1

Em conferência realizada nesta sexta-feira, 11, a Nokia, maior fabricante de celulares do mundo, e a Microsoft uniram forças para reforçar a presença de ambas no mercado de smartphones e tentar conter o rápido avanço da Google e da Apple.

- Nokia e Microsoft vão unir forças para criar um ecossistema móvel sem concorrentes, com escala global. Agora, é uma corrida com três cavalos no páreo – afirmou o CEO da Nokia, Stephen Elop.

Segundo a companhia finlandesa, a adoção do software Windows Phone 7, da Microsoft, como principal sistema operacional, deixando de lado o MeeGo, sua plataforma própria, vai acelerar o lançamento de novos produtos, além de recuperar a fatia perdida no mercado de celulares para as concorrentes. A Nokia também pretende investir no Bing para o uso de ferramentas e serviços.

Entre as novidades listadas no comunicado oficial disponível nos sites da Microsoft e da Nokia, está a integração da loja de aplicativos e conteúdos da Nokia ao Microsoft Marketplace, facilitando o acesso dos usuários de ambas.

A fabricante finlandesa vem perdendo participação no mercado de smartphones diante do iPhone e de equipamentos com base a plataforma Android. Prova disso é a queda de 41%, registrada em 2008, para 31%, no último trimestre de 2010. A Microsoft, por sua vez, detém apenas 2% do mercado com o Windows Phone. Apesar do reconhecimento de que se trata de uma tecnologia de ponta, a plataforma ainda não conseguiu atrair os olhos do consumidor.

Logo após o anúncio da parceria estratégica com a Microsoft, as ações da Nokia despencaram 10% da Bolsa de Helsinque. À primeira vista, a Microsoft parece sair ganhando com esta parceria, mas, ao mesmo tempo, pode indicar que a estratégia da Nokia para dispositivos móveis falhou.

Assista a conferência, em inglês, no vídeo abaixo:

Comentários

comentários

Comentários (1)

  • Apple vai criar iPhone menor e mais barato? | Infosfera diz: 12 de fevereiro de 2011

    [...] o percentual de 32,9%, enquanto a Apple alcançou 16% e agora enfrentará outro desafio com o anúncio da união entre Nokia e Microsoft, feito na [...]

Envie seu Comentário