Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

YouTube vai investir US$ 100 milhões para concorrer com televisão tradicional

07 de abril de 2011 3
The following two tabs change content below.

O YouTube está disposto a concorrer com a televisão tradicional pelo interesse do público. Conforme publicou o “Wall Street Journal“, o site de vídeos da Google será reformulado para se posicionar frente ao surgimento das TVs que permitem ao espectador assistir a vídeos online.

O plano é gastar até US$ 100 milhões. Os conteúdos do site serão organizados em canais, sendo que cerca de 20 ou mais desses canais terão programação original, produzida profissionalmente. A Google, inclusive, já estaria tratando com agências de talentos de Hollywood.

O objetivo é fazer com que o usuário aumente seu tempo de permanência no site, além de cooptar anunciantes. Atualmente, o tempo médio de visitação no site é 15 minutos.

Comentários facilitados: para quem ainda não percebeu, o blog não está mais exigindo cadastro para comentar. Deixe sua opinião!

Twitter: receba as atualizações do blog. Sigam-nos os bons!
@crespani
@bloginfosfera

Comentários

comentários

Comentários (3)

  • Igor Simas diz: 7 de abril de 2011

    Gostei do projeto, se for realmente profissional, se abranger o Brasil poderemos ter produções sérias e de qualidade, gerando trabalhos para profissionais do ramo. Pena que no final a globo iria colocar programação dela e continuar a mesma porcaria.

  • Jozimar Roberto diz: 7 de abril de 2011

    É isso aí Igor. Chega desta tv brasileira que é um saco,que não tem nada pra assistir. Quando não estou no youtube estou assistindo canais online;filmes,documentários,jogos Libertadores….outra noticía é não se cadastrar nesse blog como nos outros,fica fácil de comentar. Muito bomm!!!!

  • Roberto Moraes diz: 8 de abril de 2011

    Igor, concordo que a idéia é boa, e que corremos esse risco, mas infelizmente (ou não .. ) nossa cultura assim como nosso governo é reflexo das nossas escolhas, basta que saibamos escolher o tipo de informação que queremos procurar, assim como quem escolhemos para nos governar O ‘voto’ no caso da mídia é a audiência, sem ela, nenhum meio de informação sobrevive ..

Envie seu Comentário