Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Feicebuk? Descubra as maneiras estranhas pelas quais os brasileiros buscam o Facebook no Google

19 de junho de 2012 12
The following two tabs change content below.

Incorporar palavras em inglês no vocabulário usual da população brasileira é comum. Mas frequentemente paga-se um preço. Por exemplo, o site “Web Córtex” fez um levantamento sobre as formas curiosas pelas quais o público nacional busca pelo Facebook no Google.

Segundo o site, os dados foram obtidos da pela ferramenta de palavras-chave do buscador. Diversos termos que remetem a sonoridade do nome da rede social “feicibuqui” aparecem com milhares de pesquisas.

Uma variação pequena, “Faceboock“, com um “c” intrometido antes do “k” aparece com 550 mil buscas. O “Feicebuk” do título deste post aparece com 8,1 mil.

Veja todos:

Comentários facilitados: para quem ainda não percebeu, o blog não está mais exigindo cadastro para comentar. Deixe sua opinião!

Twitter: receba as atualizações do blog. Sigam-nos os bons!
@crespani
@bloginfosfera

Comentários

comentários

Comentários (12)

  • Crysthian diz: 19 de junho de 2012

    claro, coisa chata isso de pedir cadastro pra comentar. por isso ninguém comenta porcaria nenhuma. quem posta tem de estar sujeito aos comentários.

  • PALHAÇO diz: 19 de junho de 2012

    Essa é cultura no Brasil, futebol, bunda rebolando, mulher fruta, mas estudo para a população muito pouco.

  • zers diz: 20 de junho de 2012

    feicebrúique

  • shark diz: 20 de junho de 2012

    até tenho alfacebruk, mas acho a maior perca de tempo…por favor meus amigos vamos ler um livro, asssistir a um documentário, visite um amigo, saia de casa vá tomar sol.Não fique em frente a esta telinha que pouco agrega de maneira querendo saber da vidas alheias…
    aqueles que gostam que me desculpe mas deveria se chamar faceburro…

  • David diz: 20 de junho de 2012

    Feiçe Brooklyn!

  • Zummm diz: 20 de junho de 2012

    Temos uma nova forma: “Feceibuk”, como foi escrita pelos redatores desta reportagem no terceiro parágrafo. Esta não consta no quadro que demostra as procuras pelo site. No mínimo uma busca há com esta maneira estranha.

  • Leandro Cosas diz: 20 de junho de 2012

    Olá André,

    Muito obrigado por compartilhar nosso infográfico.

    Grande abraço.

  • Roberto Monteiro diz: 20 de junho de 2012

    Não vejo nada de cultural em saber o idioma inglês. Se um estadunidense ou britânico não souber, é problema, mas brasileiro não saber ou é opcional ou falta de oportunidade. E digo mais: gostar de mulher (ou de homem), de futebol (ou outro esporte) não impede ninguém de estudar. Tem até escola de circo.

  • Chinelo diz: 20 de junho de 2012

    Chinelagem, gente burra mesmo, primatas.

  • Colorado diz: 20 de junho de 2012

    É engraçado mesmo. Mas não tem nada a ver com falta de cultura e blá, blá, blá… Daqui a pouco vão dizer que é culpa do Michel Teló. É assim que é a fonética do português, então nada mais natural.

  • Rogerio diz: 13 de setembro de 2012

    Esse é o retrato do Fakebook! Nós usuários do Orkut agradecemos ao Mark Zuckerberg por nos livrar de tudo isso!

  • Henrique diz: 3 de abril de 2013

    Eu acho na minha opinião, o povo que escreve errado o que pensa, não pensa…
    O povo deveria muito mais estudar, ler livros, sair, ir visitar pessoas necessitadas, pesquisar coisas interessantes, estudar a vida..

    pq perder tempo na internet é idiotice..

Envie seu Comentário