Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros
Capa ZH ZH Blogs Assine agora

Posts com a tag "itália"

Encontros vão tirar dúvidas sobre intercâmbio no Ensino Médio

20 de outubro de 2012 0

Como eu faço com as notas da escola? vai me atrapalhar no vestibular? posso ir para um país cuja língua ainda não domino? posso estudar no exterior por mais de um ano? e se eu não me der bem com a família? são algumas das dúvidas que aparecem para quem está pensando em fazer intercâmbio durante o ensino médio, conhecido como programa de High School.  Esta é uma das modalidades mais conhecidas e queridas pelos jovens pois se passa pelo menos seis meses em países como Estados Unidos, Austrália, Alemanha, Canadá, França e muitos outros para frequentar a escola e conviver com uma família.

Para dar uma mãozinha para quem quer fazer isso e não sabe nem por onde começar vai ocorrer em Porto Alegre uma série de encontros. Os Get Together  da STB serão realizados em todas as unidades da empresa e vão contar com orientadores explicando mais e tirando dúvidas gratuitamente. Para participar é só chegar. Confira o cronograma:

Serviço:
Data: 24/10
Unidade Bela Vista (Anita Garibaldi 1515).
Horário: às 16h

Data: 25/10
Unidade Moinhos de Vento (Quintino Bocaiuva, 267)
Horário:  às 16h

Data: 26/10
Unidade Zona Sul (Wenceslau Escobar, 3112)
Horário: às 16h

Evento vai oferecer "test drive" de alemão, francês, espanhol ou italiano

03 de outubro de 2012 0

Quer aprender uma nova língua mas ainda não decidiu qual? Então não perca esta oportunidade. Para comemorar o dia das Línguas Europeias (que foi no dia 26/09), o Instituto Goethe, a Aliança Francesa, o Instituto Cervantes e a ACIRS  de Porto Alegre vão oferecer aulas gratuitas de alemão, francês, espanhol e italiano. O evento ocorre no dia 5 de outubro às 19h.

Para participar e fazer um “test drive” das diferentes línguas, é só se inscrever por e-mail informapalegre@cervantes.es ou pelo telefone (51) 3079-2400.  As aulas serão ministradas por professores das instituições participantes no Instituto Cervantes de Porto Alegre (João Caetano, 285).

Caxias do Sul recebe evento para tirar dúvidas sobre intercâmbio

24 de setembro de 2012 0

Para apresentar e tirar dúvidas sobre os diversos tipos de intercâmbio disponibilizados pela Central do Intercâmbio, a empresa promove, dia 29 de setembro, no Blue Tree Towers, sua 1ª Mostra de Intercâmbio, em Caxias do Sul. Durante o evento, consultores estarão prontos para conversar e esclarecer dúvidas sobre cursos no exterior, estágios, programas como Mochilão, Intercâmbio Teen, High School, Universidade, Au Pair e trabalhos no exterior.

Além disso, representantes de renomadas instituições internacionais estarão disponíveis para esclarecer dúvidas sobre os programas e mostrar como viajar, seja a trabalho, estudo ou lazer, pode ser viável para todos os bolsos.  A entrada é gratuita.

Confira a programação:

11h: Carreira internacional em hotelaria e gastronomia _ Tatiana Maru Hellwig (Swiss Education Group);
11h30: Curso de Idiomas na Inglaterra _ Myla McPhail (St Giles);
12h: Conheça os programas de graduação e pós para negócios na Espanha, Suíça e Alemanha _ Simone Moura (European University);
12h30: Saiba mais sobre Trabalho Voluntário na África do Sul _ Earl Smith (Volunteer Southern Africa);
13h: Sua Experiência na África – Jorge Baron (Good Hope Studies);
14h: Potter mistura viagem, estudo e internet – Luciano Potter (Rádio Atlântida – programa Pretinho Básico);
15h30: Conheça os principais vistos de estudos e turismo _ Monika Adans Sperotto (TOP VISTOS);
16h: Trabalho Voluntário na Cidade do Cabo – África do Sul – Toby Dixon (You2Africa);
16h30: Aprenda outro idioma em destinos exóticos _ Barbara Lopes (Sprachcaffe Languages Plus);
17h: High School nos Estados Unidos – Andrea Spickermann (Educatius);
17h30: Que tal estudar inglês num campus universitário americano? Eddy Leite (ELS);
18h: Cursos de Espanhol e Estágios na Argentina e no Chile _ Jesica Pereyra (COINED);
18h30: Saiba as oportunidades que a CI tem para você – André Simonetti (Gerente de Produto High School).

1ª Mostra CI Caxias
Data: sábado, 29 de setembro
Local: Blue Tree Towers. Rua Pinheiro Machado, 2.867
Horário: das 10h às 19h
Informações: (54) 3039-3622, 3228-1283 www.ci.com.br


Alguns bons motivos para visitar feiras de intercâmbio!

12 de setembro de 2012 0

ACapital recebe feiras de intercâmbio pelo menos duas vezes por ano. Quem ainda tem dúvidas de qual modalidade
ou país escolher pode aproveitar uma dessas oportunidades para ficar por dentro de tudo em um dia só.A estudante de Estância Velha Débora Stein foi na sua primeira exposição em março deste ano e passou uma tarde inteira na Expo Estude no Exterior, que agora virou Eduexpo.

A jovem, que sonha em ser comissária de bordo, aproveitou a oportunidade para conversar com agentes de escolas de diferentes países e guardou o nome de várias agências da Capital.

– Passei o dia inteiro lá. Peguei todos os panfletos e revistas que pude e li tudo em casa. Olhando os sites das agências que mais gostei, descobri uma promoção. Participei e ganhei! – comemora.


A estudante de 16 anos, que nunca viajou de avião, está dando entrada no seu primeiro passaporte para realizar o sonho de fazer intercâmbio nos Estados Unidos. No início de 2013, ela embarca com tudo pago para a Califórnia
para fazer um curso de um mês.

Já o estudante de arquitetura Rogério Cézar Filho, de 25 anos, usou uma dessas feiras para bater o martelo sobre o destino de seu intercâmbio. Em dúvida entre Austrália, Canadá, Irlanda e Grã-Bretanha, ele acabou indo parar em Dublin para um curso de inglês de seis meses e viajou pela Europa por outros cinco.

– Na feira, descobri que o país oferecia o visto pelo tempo do curso e mais o mesmo tempo para que eu pudesse fazer turismo. Então, não tive dúvidas na hora de escolher – afirma.

Se você se interessou, a próxima oportunidade de se decidir ou até mudar de ideia ocorre das 14h às 19h na Associação Leopoldina Juvenil (Rua Marquês do Herval, 280), no dia 16 de  setembro.A Eduexpo terá instituições de ensino do mundo inteiro que oferecem desde cursos de idioma, graduação, pós, MBA, extensão, Ensino Médio, estágios até cursos de férias e trabalho remunerado.As inscrições são gratuitas e devem ser feitas no site www.edufindme.com/expo/br

Além de Porto Alegre, a mesma feira ainda passa por Rio de Janeiro, São Paulo, Campinas, Curitiba e Belo Horizonte. Confira as datas no site.


Percalços linguísticos com a família hospedeira em Malta

11 de junho de 2012 3

Talita com Jenny e André

A família que hospeda um estudante no exterior é peça chave no tipo de experiência que se vai ter. Quando a gente se dá bem com eles, a vida fica muito mais fácil e a adaptação não demora nadinha para acontecer. A Talita Orsolini, de 26 anos, está em Malta e deu bastante sorte com seus pais “emprestados”.

A relações públicas está por lá desde fevereiro e a relação com Jenny e Andre vai deixar saudade e algumas confusões linguísticas divertidas para contar. Confira o relato dela:

“Todas as pessoas que conheço e vivem com Hostfamilies por aqui dizem que tive sorte com a que “aluguei” e confesso concordar, pois eles são maravilhosos. Literalmente se colocam como família, preservando nossa privacidade e diferenças culturais. Estão sempre dispostos a nos ajudar. Também nos convidam para assistir filmes, corrigem nosso inglês e fazem questão de tomar o café da manhã e jantar conosco para não nos sentirmos muito sozinhos e conversarmos no idioma. Jenny e André, meus pais postiços aqui em Malta, são adoráveis e essa convivência tem ajudado a não sentir muita saudade da família. Sem contar que a comida da minha  hostmother é maravilhosa: temos entrada, prato principal e sobremesa. Melhor do que nos restaurantes. Sim, nunca imaginei comer tão bem na Europa.

Normalmente somos cinco estudantes na casa. Quando cheguei havia uma japonesa, um suíço e um espanhol. Nos cursos aqui é muito comum mães de famílias asiáticas tirarem uns meses de férias para um período de seis meses estudando inglês. Mas mesmo diante desse contexto curioso sobre as mulheres asiáticas, as diversidades culturais e inúmeras outras peculiaridades, visto estar em um país com forte influência árabe. Ainda me sinto o assunto mais exótico das pessoas com quem convivo. É surpreendente a expressão de encanto e as inúmeras perguntas que fazem quando digo ser brasileira. Porém, o que realmente me deixa surpresa é a curiosidade deles para entender a política brasileira, porque o Brasil tem tanta pobreza e o que é a pobreza como são as favelas.

Malta e sua paisagem exuberante

O idioma já me proporcionou umas situações engraçadas por aqui, em especial algumas confusões com a pronúncia. Um dia estávamos conversando sobre lixo na janta. E fui fazer um comentário sobre as novas lixeiras de Porto Alegre. Errei a pronúncia da palavra e disse sem querer  disse que estava me drogando. A família e os alunos que entendem melhor inglês pararam de jantar, me olharam e disseram:  “Tem certeza que você quis dizer isso?” e eu disse “SIM, na minha cidade isso é muito comum. Aqui não?” Então, eles disseram: “Você tem certeza que sabe o que disse?” E começaram a fazer mímicas para eu entender que havia dito que estava me drogando. Que gafe.

Também aconteceu um outro momento em que estava indo pra aula e derrubei no meu quarto óleo para corpo. Quando desci para pedir um pano disse que havia “vomitado” óleo por todo meu quarto. Jenny e André se apavoraram e, enquanto eu limpava tudo, ouvi uma movimentação nas escadas.  De repente, os dois bateram na minha porta, arrumados para me levar ao hospital. Pois vomitar óleo era algo muito sério!

Eu não me dei conta que ao invés de “dropped” falei “throw up”. Havia estudado phrasal verbs antes de descer para o café da manhã. Eles estavam com uma expressão muito preocupada e eu não conseguia entender porque essa história de vomitar óleo. Até que pedi para entrarem no meu quarto, para olharem o que eu havia derrubado e por mímicas mostrei o que havia acontecido.”

_______________________
Se você tiver alguma história com sua família hospedeira e quiser compartilhar com a gente é só entrar em contato pelo bruna.amaral@zerohora.com.br ;)


Intercâmbio para os pais na Itália

29 de maio de 2012 1

Foi-se a época em que intercâmbio era coisa só de adolescente. Muita gente está aproveitando a estabilidade financeira e maturidade para viajar e aperfeiçoar idiomas. Dentro da modalidade de intercâmbio 50+, a Central de Intercâmbio oferece um voltado para quem quer estudar italiano em Florença e conhecer os pontos turísticos e culturais de uma das regiões mais charmosas da Itália. Com duração de 12 dias, a viagem está prevista para o dia 10 de setembro de 2012.

As aulas serão dadas na Escola Linguaviva, em Florença, no turno da manhã. Ao todo serão quatro  lições de 45 minutos e por oito dias. Na parte da tarde, os intercambistas farão cursos de culinária e visitarão pontos turísticos. Além disso, excursões de dias inteiros por Siena, San Gimignano, Chianti (região das vinícolas com degustação de vinhos) e à Cinque Terre.

O programa Intercâmbio 50+ da CI  ocorre sempre na baixa temporada no exterior. Não há restrições aos participantes interessados. Além da Itália, outros destinos disponíveis são Argentina, Espanha, França, Inglaterra e Malta.  A acomodação pode ser em casa de família, ideal para uma imersão na cultura local, em hotel ou flat perto da escola. Para mais informações, é só ligar (51) 3346-4654 ou acesse www.ci.com.br.

Como ganhar uma bolsa de estudos?

26 de maio de 2012 17


Não existe pergunta que eu mais escute nessa vida do que “como eu faço para ganhar uma bolsa de estudos?”  
A resposta é sempre a mesma: se inscrevendo para uma. Na verdade, o segredo não é se inscrever para uma, mas sim se inscrever para várias. Então vão aqui umas dicas práticas para quem quer muito uma oportunidade de sair do país com tudo pago e não sabe nem por onde começar.

1) Você tem internet, USE:
Existe um catatau de fundações, universidades, programas e concursos que oferecem bolsas de estudo para todos os cantos do mundo. Da maior parte deles, quase ninguém sabe. Então, é hora de parar de perder tempo só fuçando no Facebook e começa a vasculhar a internet atrás de oportunidades.  Sempre que eu encontro alguma coisa bacana posto aqui no site ou coloco na coluna do jornal. E além do intercambiando, a rede está cheia de outros sites e blogs que alertam para programas dos quais talvez a gente nunca vá ouvir falar se não for atrás deles. Você alguma vez já experimentou perder algumas horas vasculhando os resultados de uma simples busca “nome do país” + bolsa de estudos? Não? Tá esperando o que, então?

2)”Eu já me inscrevi, mas não ganhei”
Não, eu não tenho amigos importantes e muito menos sou o ser mais sortudo ou inteligente do planeta. Se eu ganhei algumas bolsas de estudo na vida foi, mais que qualquer coisa, porque eu me inscrevi  para uma quantidade enorme de oportunidades. Se você realmente quer estudar de graça em algum lugar, não pode ter preguiça ou desistir no primeiro não. Preencher formulários, escrever cartas de motivação e juntar documentos é uma chatice, mas sem isso você não vai a lugar algum. E outra, quanto mais a gente vai tentando, mais experiência vai conseguindo e mais fácil vai ficando o processo todo.

3) Invista na carta de motivação
Não precisa ser um gênio da literatura para escrever uma boa carta de motivação, mas tenha em mente que normalmente ela é a única maneira do um avaliador conhecer você. Então, capriche e não tenha medo de deixá-los com a impressão de que não existe ninguém no mundo que quer ou mereça mais aquela vaga do que você. Não precisa exagerar, não precisa mentir, não precisa entrar num tom desesperado. Mas você quer a bolsa e quer muito. Deixe isso bem claro. E né, acho que nem precisa dizer, né: cuide com erros de ortografia, não seja informal demais e passe para algum amigo ler e pergunte: você escolheria essa pessoa? Sempre ajuda.

4)Lembre-se: você não é o examinador
Não se inscrever em uma oportunidade porque você não se considera fluente em inglês (ou seja lá que língua) é um absurdo. Óbvio que se o regulamento pede alguém com conhecimentos sólidos e você não sabe esboçar nem um “the book is on the table”, a coisa tá feia mesmo, mas a gente geralmente tende a se achar pior nos idiomas do que realmente é. E outra, ser “fluente” é uma coisa relativa, se você entende tudo, escreve e, ainda assim, tem uma vergonha mortal de falar. Bem, pra mim dá pra dizer que você é fluente, só tem vergonha de falar. E isso a gente só perde quando vai pro exterior, mesmo. Antes de sair com essa desculpa esfarrapada, lembre-se: você não é o examinador. Inscreva-se e veja no que dá. A gente nunca sabe.

5) Inscreva-se e PONTO
Nunca jamais alguém vai bater na sua porta perguntando “oi, quer uma bolsa de estudos?”. Se isso já aconteceu com alguém, assim, do nada, me contem. Nenhuma dica no mundo é mais valiosa que simplesmente perder o tempo de juntar uns documentos e de fazer uma redação para se inscrever num programa que oferece bolsa de estudos. Você nunca tem como saber se vai concorrer com mais três ou três mil. É só tentar. Dá trabalho, mas é o jeito. Afinal de contas, além de uns minutos, o que você vai perder mesmo?


e boa sorte, né. Um tantinho dela nunca faz mal :)

Dois meses em Malta para melhorar o inglês

18 de janeiro de 2012 3

A universitária Kátia Azambuja, de 24 anos, usou as férias de verão para aprimorar o inglês. Lembram de um post sobre Malta? O arquipélago bonito de doer que fica no Mar Mediterrâneo? Pois é, foi por lá – bem longe do frio do inverno europeu nessa época do ano -  que ela passou dois meses morando com gente de diversas nacionalidades e estudando inglês na universidade.

Se só aquele post sobre o país já tinha dado vontade de conhecer o país, então pode ter certeza que o relato da Kátia, que voltou na semana passada, só vai aumentar a vontade. Confere aí:

“Fiquei em  Malta estudando inglês por pouco menos de dois meses. O país riquíssimo em história e belas paisagens.  No entanto muito pequeno, para nós brasileiros onde tudo é grande, é estranho se acostumar. As cidades são como bairros de Porto Alegre, começam e terminam e a gente nem nota que mudou. Malta, a maior ilha do arquipélago, tem 316 km² ( Floripa tem 433 km²) e 410 mil habitantes.

Os malteses são muito simpáticos e gostam de ajudar, já me perdi várias vezes entre os becos e ruelas ,ou pegando ônibus errado e sempre consegui ajuda e a informação correta com facilidade.

Morei em uma casa com mais cinco pessoas: uma francesa, uma belga, um italiano, um francês e uma espanhola. É muito boa a interação entre a gente, e um aprendizado também, porque o idioma “oficial” da casa é o inglês, mesmo alguns de nós sabendo falar espanhol e francês. Bom também, é que a casa é pertinho da Universidade de Malta, onde são minhas aulas, uns 10 minutos de uma tranqüila caminhada.

Em Malta, mesmo no inverno, as temperaturas são mais amenas

Minhas aulas eram todas as manhãs, então tinha as tardes livres para conhecer melhor a ilha. Malta tem atrações para todos os gostos: várias praias, museus, igrejas e templos tão antigos quanto os da Grécia. No inverno faz um tempo ameno, na média de 17°C.

Uma coisa muito importante quando for passear por aqui: cuidar para não ser atropelada, pois é mão inglesa e os carros andam pela esquerda.”

Bate-papo grátis pra treinar o italiano

27 de outubro de 2011 9


Já dei a dica aqui algumas vezes sobre a “Sexta Cultural” da ACIRS – Língua e Cultura Italiana aqui de Porto Alegre. Nesta sexta, dia 28, vai ter outra conversa descontraída bem interessante por lá. O professor da entidade, o italiano Alessandro Andreini, vai ministrar a palestra Aspetti Culturali: Brasile e Italia.

Andreini vai abordar as diferenças e as semelhanças que percebeu entre os dois países desde sua vinda definitiva da Itália para o Brasil, em outubro de 2004, quando passou a morar em Porto Alegre. Bem bacana para ter uma ideia de como a gente se sente morando em outro país.

Para participar é só chegar na ACIRS Unidade Bom Fim (Av. Osvaldo Aranha, 744). O evento é todo em italiano, ótimo para praticar a língua e ir acostumando o ouvido.  Não precisa retirar senha nem nada é  gratuito e aberto ao público. Informações: (51) 3212-5535.

Os eventos da Venerdì Culturale são sempre  às 19h.

Florença, um dos destinos mais inspiradores da Itália

03 de outubro de 2011 4

Nada como começar a semana com belas imagens. Conhece Florença, na Itália? Pois é, o destino é um dos preferidos de quem quer aprender italiano e com razão. A cidade é belíssima! Dá uma olhadinha neste lindo compilado de imagens do pôr do sol visito de diversos pontos de Florença:

Sunset in Florence from Gunther Machu on Vimeo.

Dica para aprender um pouco de italiano de graça

14 de setembro de 2011 2

Até hoje, choro de rir quando lembro da história contada por um amigão que estava na Itália com os pais: o pai dele estava tentando comprar uma passagem de trem e a máquina resolveu não fazer o que ele queria. Não deu outra, ao ver uma pessoa impaciente esperando para comprar seu bilhete, ele vira, olha pra cara do sujeito, fecha os dedos, balança a mão, carrega no sotaque “italiano” e diz bem alto: “no funcciona”.  A criatura olha para o pai do meu amigo e diz: “brasileiro, né?”.

Para quem está com viagem para Itália já marcada ou simplesmente tem interesse em conhecer um pouco da língua para evitar essas situações cômicas (:D), fica essa dica valiosa:  na próxima sexta, dia 16 de setembro, a Acirs – Lingua e Cultura Italiana promove  aula com expressões italianas básicas para viajantes (palavras e frases).  É um bom começo para quem nunca teve a opotunidade de ter contato com a língua.

Não é necessário nenhum conhecimento do idioma. O encontro acontece a partir das 19h na Acirs unidade Bom Fim (Av. Osvaldo Aranha, 744, Porto Alegre). A aula é gratuita e aberta à comunidade. É só chegar, não é preciso retirar senhas.

O evento faz parte do ‘Venerdì Culturale’, projeto que tem como objetivo promover a cultura da Itália através de encontros gratuitos e abertos à comunidade em geral, todas as sextas-feiras.

Informações: www.acirs.org.br, ou (51) 3212. 5535

Curso dá dicas para viagens de pesquisa em moda

19 de julho de 2011 0


Conhecer os maiores polos de moda do mundo sem sair da sua cidade. Esse é o objetivo do curso Pesquisa de Viagem, realizado pela Universidade Feevale. Direcionado a alunos de Moda, Design e Comunicação, o workshop apresentará aos participantes as cidades de Madri, Barcelona, Munique, Londres, Paris, Milão, Firenze, Bolonha, Roma e Hong Kong, dando dicas para as viagens de pesquisa, feiras e locais mais importantes do universo da moda.

As aulas, que ocorrem de 25 a 28 de julho, serão ministradas por Juan Fernando Almada Quiazaro, consultor técnico de estilismo nacional e internacional. Quiazaro é diretor de moda da Associação Brasileira de Estilistas de Calçados e Afins, na qual já atuou como presidente. Membro do conselho da Fenac, ele também leciona no curso de Estilismo de Calçados e Moda e Estilismo em Bolsas na Escola Carrasco.

O curso acontecerá de segunda a quinta-feira, das 19h às 22h, no Campus II da Feevale  Novo Hamburgo). As inscrições podem ser feitas até o dia 23 de julho pelo site ou no Atendimento Feevale dos campi I (Av. Mauricio Cardoso, 510, Novo Hamburgo) e II. Mais informações pelo telefone (51) 3586-8822.

Oportunidade para estudar Italiano em Roma

26 de maio de 2011 2

Já pensou passar um mês estudando italiano em Roma? A Acirs (Associação Cultural Italiana do Rio Grande do Sul) e a CI (Central de Intercâmbio) promovem o Concurso Cultural ‘Studiare a Roma’. Três alunos de italiano matriculados neste semestre serão contemplados com uma bolsa de estudo (parcial ou integral) de um mês na Escola DILIT, de Roma.

Para concorrer é preciso responder: ‘Por que você merece estudar italiano na terra dos grandes imperadores?’ As respostas devem ser escritas em português e ter, no máximo, 300 caracteres. Será aceita somente uma resposta por participante até as 23h59 do dia 31 de maio. Podem concorrer todos os alunos inscritos em qualquer um dos cursos promovidos pela ACIRS, no ano de 2011, com no mínimo 18 anos completos. Regulamento na íntegra no site.


Quer ganhar um curso de moda na Itália?

24 de maio de 2011 2

Essa é para os estudantes de moda, artes, design ou publicidade! Quer criar e assinar a grife que vai vestir os consultores de uma empresa em todo o Brasil e ainda ganhar um curso na Itália por isso? A CI lançou o concurso “Você faz a moda CI. Os participantes poderão se inscrever até 15 de junho.


Os inscritos terão toda a liberdade para criar um uniforme para o staff CI: calça, camiseta e blusa, em versões femininas e masculinas. Para participar, tem que ter mais de 18 anos, estar matriculado num curso técnico, de graduação ou de pós-graduação e se inscrever pelo site.

O vencedor ganha um curso de verão, na área de moda, no Instituto Marangoni, na Itália, com todas as despesas pagas! Passagens, hospedagem e o curso completo de graça! O prêmio terá validade de um ano, a partir de julho de 2011.

A equipe da CI, junto com um especialista de moda, escolherá no dia 24 de junho os três finalistas. O grande vencedor será anunciado no dia 23 de julho, em um evento em São Paulo.


Toda a beleza das cores de Veneza

23 de maio de 2011 4

Veneza, na Itália, tem toda uma aura de mistério com suas pontes, canais e ilhas. Parece que, se você se perder por lá, vai levar muito tempo até achar o caminho de novo.  Também, né, são 177 canais, 400 pontes e 118 ilhas. Bem complicadinho para quem não está acostumado.

A cidade ainda é famosa por grandes eventos internacionais, como o Festival de Cinema e a Bienal de Artes. Além disso, lá ainda há fabricação artesanal de vidro, um Carnaval bem diferente do nosso, vários casinos e uma série de passeios românticos. Não é por nada que a cidade virou Patrimônio da Humanidade pela UNESCO.

Veneza é um festival de cores e sensações. Dá uma uma olhadinha nesse vídeo aí para ter uma ideia do que eu estou falando:


Around Venezia from Icam on Vimeo.