clicRBS
Nova busca - outros
31 ago14:53

Segunda etapa do julgamento do Caso Rafael começa às 14h

O julgamento do policial militar Hermelino Noé Caetano será retomada às 14h desta quarta-feira. A sessão do Caso Rafael foi interrompida pouco antes das 13h para almoço. A última testemunha a ser ouvida pela juíza Sônia Moroso teve de ser dispensada. A dispensa ocorreu às 12h40min. O comerciante Cândido Bernardi, que passava pelo local no momento do crime falou, em depoimento, que viu os dois bandidos correndo. C

Ele contou que Rafael Mendonça se escondeu atrás do Chevette e que três tiros foram disparados. Bernardi não soube informar qual dos tiros acertou Rafael. Afirmou que só percebeu que o estudante havia sido baleado quando viu sangue saindo pela sua boca. Durante o depoimento do comerciante, o vídeo da reconstituição do crime foi apresentado. Por contradições nas versões da cena do crime, a primeira testemunha, o guarda portuário Dalton Andrade, foi chamado novamente ao salão do júri

>>> LEIA TODAS AS INFORMAÇÕES DO CASO RAFAEL

Por Jornal de Santa Catarina

Por

Comentários