clicRBS
Nova busca - outros
21 out16:40

Para elas, a Marejada começa domingo

A 25ª edição da Marejada termina no domingo. Para os foliões, para os itajaienses, para toda a organização, o sentimento de que a festa está chegando ao fim é inevitável. Mas há seis pessoas que não vêem a hora de chegar o domingo para que a Marejada comece. São as seis candidatas a rainha da próxima edição da festa. Para três delas, que serão eleitas rainha e princesas, o domingo marca o início da 26ª edição da Marejada.

As seis itajaienses que almejam a coroa e a faixa encaram a possibilidade de ser Rainha da Marejada como uma oportunidade de representar e divulgar a cidade em que nasceram.  Cada uma tem motivos para se orgulhar de Itajaí e de sua cultura. Na noite de domingo, um corpo de jurados escolherá quais realizarão o sonho de mostrar ao resto do mundo Itajaí e a Marejada.

Amanda Gastaldi é a caçula entre as candidatas, tem 16 anos. Teve que pedir autorização dos pais para poder participar do concurso.  Neta de pescadores, a moradora do Bairro São João e estudante do Terceirão do Fayal, diz que ser rainha da festa sempre foi um grande sonho.

- Quero representar nossa cidade e mostrar nossa cultura a todos os catarinenses -, disse a candidata.

Moradora do Bairro Cidade Nova, Bruna Jéssica Piske, também tem relação na família uma forte relação com a pesca.

- Meu avô era mestre de barco, trabalhava na indústria da pesca -, explicou.

A candidata de 20 anos estuda Negócios Imobiliários na Uniasselvi, em Balneário Camboriú, e diz que tem muita vontade de representar Itajaí e homenagear o povo itajaiense e, especialmente, os pescadores como seu avô.

Graziele Martins da Silva, 21 anos, moradora do Bairro Cidade Nova, diz que tem Itajaí no sangue.

- Eu sou muito peixeira, marcilista, itajaiense daquelas que não perde uma Marejada -, diz.

Corretora de imóveis, estudante de Direito na Univali, e jogadora de futebol nas horas vagas, Graziele acredita que vai poder representar bem a festa porque conhece a Marejada desde criança.

- Eu até brincava no parquinho! -, confessa, rindo.

Moradora do bairro Cordeiros, Jéssica Sgaria, 21 anos, acredita que Itajaí tem diversas manifestações culturais que podem ser levadas ao resto do país para divulgar e atrair turistas à Marejada. Ela aposta muito na gastronomia como um bom atrativo.

- A comida típica, a sardinha assada e os pratos a base de bacalhau são a grande atração da nossa festa -, explica.

Estudante de design de interiores, a candidata também é apreciadora de peixes e frutos do mar.

- Adoro bacalhau e camarão! -, comenta.

Mônica Ferreira Nicolau já tem experiência em concursos semelhantes ao de domingo. Participou do Garota Verão e do concurso para a escolha da Rainha da Marejada em 2008. Aos 23 anos, ela tenta pela segunda vez realizar o sonho de representar a festa portuguesa e do pescado.

- Sou muito dedicada em tudo o que faço e acho muito legal representar a cidade no Brasil e até fora do país -, explicou a estudante de Comércio Exterior.

Tayse Rita de Brito, 18 anos, é uma candidata mais ligada ao esporte. Moradora do Bairro São Judas, ela pretende ingressar na faculdade de Educação Física em breve e continuar praticando seu esporte favorito: o boxe chinês.  Foi a admiração pelas rainhas das edições anteriores da festa que fez a boxeadora se inscrever no concurso deste ano.

- Sempre tive vontade de participar, tenho muita admiração pelas rainhas da festa e pela cultura portuguesa -, disse a candidata.

A escolha da nova rainha e das duas princesas para a 26ª edição da Marejada começa às 20h de domingo, com o desfile no Palco Vila dos Sabores. Após a coroação, a rainha eleita receberá uma Honda Biz, modelo 2012, e as duas princesas serão premiadas com um notebook cada.

Vida de Rainha

A Rainha da 25ª Marejada, Thamiris Correa, viajou quase o Brasil todo participando de feiras e eventos de turismo e foi assim que atraiu um grande número de turistas para esta edição da festa.

- Fomos muito bem recebidas por onde passamos. A Marejada tem um grande reconhecimento fora do Estado, pois resgata a cultura do nosso povo. Mas a viagem mais marcante foi a bordo do Transatlântico que levou o nome da festa -, disse.


O ClicRBS Itajaí fez uma enquete no Facebook para saber a sua opinião:

Quem você acha que deve ser a próxima Rainha da Marejada?

Por

Um Comentário »

  • Rafael Dietrich disse:

    Grazi estamos torcendo por você!

Comentários