Pesca

02 mai18:36

Nesta quinta-feira tem Caminhão do Peixe em Balneário Camboriú

O Caminhão do Peixe de Balneário Camboriú atenderá no Centro da cidade nesta quinta-feira. A peixaria móvel estará na Praça da Bíblia, esquina com a Avenida Alvin Bauer, das 7h30min às 12h, podendo se estender caso haja comprador. O atendimento é feito através de  senhas distribuídas por ordem de chegada.

Em parceria com o Ministério da Pesca, a Prefeitura de Balneário Camboriú busca, através do Caminhão do Peixe, ampliar a oferta e aumentar o consumo do produto, incluindo todos no acesso ao pescado barato e de qualidade.


Comente aqui
23 abr15:12

Caminhão do Peixe em Camboriú nesta terça-feira

A Secretaria de Desenvolvimento e Assistência Social de Camboriú comunica que o Caminhão do Peixe estará no Bairro Cedro nesta terça-feira.

A partir das 7h30min, o veículo estará estacionado em frente a Secretaria de Obras, na Rua Capitão Ernesto Nunes.

Confira abaixo onde estará o Caminhão do Peixe nos próximos dias:

26/04/2012 (quinta-feira) – Bairro Tabuleiro
Local: Em frente ao CEI Julita Pereira

28/04/2012 (sábado) – Bairro Santa Regina
Local: Em frente à Panificadora Anjinho

Comente aqui
18 abr15:40

Camarões aparecem mortos na orla da Praia Central de Balneário Camboriú

A empresa responsável pela limpeza da orla da Praia Central, em Balneário Camboriú, recolheu na manhã desta quarta-feira, quase 100 quilos de camarões mortos. Eles foram encontrados à beira mar, entre as ruas 2200 e 1001. A Secretaria Municipal do Meio Ambiente acompanhou o recolhimento dos crustáceos e repassou o caso ao Ibama, que investigará a causa das mortes.

Por aparecerem em ponto isolado, a hipótese é de descarte dos camarões por alguma embarcação.

A pesca do camarão está proibida até o dia 31 de maio. A suspensão da captura ocorre na época em que os crustáceos se reproduzem e tem por objetivo garantir a procriação. O período de defeso começou em março nas regiões Sul e Sudeste do Brasil. Em caso de descumprimento, as autuações podem chegar a R$ 100 mil e os responsáveis respondem a processo judicial por crime ambiental.

BLOG DO LITORAL

Comente aqui
04 abr15:06

Confira a programação do Caminhão do Peixe para a Semana Santa em Itajaí

Com a aproximação da Sexta-feira Santa, as pessoas se preparam para colocar o peixe na mesa, já que é tradição nas famílias o consumo de carne branca nesta época do ano. Desta forma, o Caminhão do Peixe aumenta suas vendas. Nesta terça-feira, o segundo dia de comercialização na semana, foram cerca de 290 quilos de pescado vendidos.

Nos primeiros dois dias da semana de atuação do programa Peixe nos Bairros, as vendas subiram entre 50% e 60%, sendo o filé de pescada e filé de abrótea os mais procurados. Espécies como pescadinha eviscerada, linguado eviscerado, abrótea espalmada, mistura, peixe galo eviscerado, filé de abrótea, peixe espada espalmado e filé de pescado estão disponíveis.

A novidade desta semana fica por conta da chegada da sardinha (congelada) e tainha no Caminhão. Estas são as espécies de peixes mais procuradas pela população. Nesta quarta-feira, o Bairro Cordeiros amanheceu movimentado, com os moradores aguardando a abertura do ponto desde às 7h. O Caminhão do Peixe está estacionado na Rua Sebastião Soares, em frente à Escola Básica Melvin Jones e à Unidade de Saúde do Jardim Esperança.

E para finalizar a semana de comercialização dos pescados, nesta quinta-feira, o ponto de vendas será o Bairro São Judas, na Rua Indaial, no pátio da Igreja São Judas Tadeu. Além de não atuar no feriado nacional de sexta-feira, o programa Peixe nos Bairros não funcionará no sábado (07), pois a empresa que distribui o pescado não estará em atividade.

Além disso, a comunidade pode adquirir pescado no Mercado Público, que devido ao feriado na Sexta-feira Santa, funciona das 7h às 14h, funcionando neste mesmo horário no sábado (07).

Comente aqui
02 abr09:20

Ministro da Pesca está em SC para anunciar embarcações liberadas para safra da tainha

Guto Kuerten, Diário Catarinense

Para preparar a pesca mais tradicional e Santa Catarina com maior facilidade, o Ministério da Pesca, antecipa a apresentação das embarcações industriais liberadas para a captura. Há 43 dias da abertura da temporada da tainha, 60 embarcações cumpriram os critérios de renovação da autorização da pesca complementar para a captura de tainha. 

Das 60, 49 são catarinenses. Um número expressivo já que 70% da produção é vendida em Santa Catarina. Trabalham com auxílio da rede de cerco, nas regiões sudeste e sul do país. Com esta antecipação os profissionais do mar terão um tempo melhor para preparar as embarcações e estarão no rastro dos cardumes antes do que nos anos anteriores. 

— Com certeza neste ano teremos uma maior facilidade para a preparação das embarcações. A maioria já vai estar de olho nos cardumes e quando iniciar a temporada estarão prontos para a captura. Isto não ocorria nas últimas temporadas — lembra o secretário da Pesca de Itajaí, Agnaldo Hilton dos Santos. 

A polêmica ainda é o limite de 5 milhas na costa catarinense e 10 milhas no litoral gaúcho. Os profissionais do mar da pesca industrial, acreditam que poderia passar para três milhas no litoral catarinense. 

— Os cardumes passam por um corredor que na maioria das vezes nem o industrial e nem o artesanal conseguem capturar. Se diminuísse o limite das milhas não afetaria a pesca para a artesanal e ajudaria a industrial. O limite das milhas impede uma maior demanda. 

— O limitador para pesca industrial no país é de 10 milhas, o caso da tainha, é uma exceção em função de características específicas desta espécie, ficando em 5 milhas. Esse limite é estabelecido para que não haja confronto entre a pesca artesanal e a industrial — define o ministro da Pesca Marcelo Crivella, que anuncia oficialmente nesta segunda-feira a nominata das embarcações autorizadas em uma cerimônia na Assembleia Legislativa, às 14h.

Comente aqui
27 mar08:53

Confira a agenda semanal do Caminhão do Peixe em Itajaí

O programa Peixe nos Bairros em Itajaí começa mais uma semana de vendas de pescados diretamente nas comunidades rurais e bairros da zona urbana itajaiense. A novidade desta semana fica por conta da inclusão de mais um ponto de parada do Caminhão do Peixe na área rural, na comunidade do Campeche.

Confira a programação desta semana do Caminhão do Peixe de Itajaí:

Terça-feira - Rua Argílio Cunha, Bairro Cidade Nova, dentro do pátio da Igreja Católica Nossa Senhora de Fátima e em frente ao Açougue do Chevette.

Quarta-feira – Rua Odílio Garcia, Bairro Cordeiros, ao lado da Igreja São Cristóvão.

Quinta-feira – Rua Estefano José Vanoli, Bairro São Vicente, dentro do pátio da Igreja São Vicente de Paulo.

Sexta-feira – Rua Virgílio Cadore, conhecida como Estrada Geral do Campeche, será o local de parada da ‘peixaria móvel’, em frente à Capela São José – na comunidade rural do Campeche..

Sábado – Rua Indaial, Bairro São João, dentro do pátio do Auto Posto Tomio, em frente à Distribuidora Aldri.

O horário de atendimento começa às 8h e continua enquanto houver produtos para comercialização.

Comente aqui
26 mar15:13

Caminhão do Peixe de Balneário Camboriú estaciona no Nova Esperança

Nesta terça-feira, o Caminhão do Peixe de Balneário Camboriú estaciona no Bairro Nova Esperança, em frente ao Centro Educacional Municipal (CEM), na Rua José Alves Cabral, esquina com a Rua Honorato da Silva. A peixaria ambulante vai atender o público das 7h30min às 12h e o atendimento acontece através de senhas distribuídas por ordem de chegada.

Com o projeto Peixe nos Bairros a Prefeitura de Balneário Camboriú busca oferecer a comunidade o acesso facilitado ao pescado barato e de qualidade. O Caminhão do Peixe é um projeto do Ministério da Pesca, realizado no município através da Secretaria de Desenvolvimento e Inclusão Social, em parceria com Sindicato da Pesca de Itajaí (Sindipi).

3 comentários
10 mar12:10

Barco de Itajaí leva multa de R$ 430 mil por pescar espécies em extinção

Patrícia Auth, Jornal de Santa Catarina

Uma embarcação de arrasto foi multada em R$ 430 mil por pesca ilegal. No porão do barco, o Ibama encontrou 86 peixes que integram a lista internacional de extinção. A descoberta do crime ambiental foi na quinta-feira, durante a fiscalização de rotina da Operação Alho e Óleo, que busca coibir a captura de camarão no período de defeso.

Os pescados são das espécies cação anjo e cação viola, localizados nas profundezas das águas brasileiras. O mestre e o responsável pelo barco, que não tiveram os nomes revelados pelo Ibama, chegaram a ser presos. Eles foram liberados após pagamento de fiança e responderão ao processo em liberdade.

Os peixes não puderam ser doados, como o de costume em apreensões. Segundo o Ibama, o gelo usado para a conservação das espécies era impróprio para o consumo.

JORNAL DE SANTA CATARINA

Comente aqui
06 mar08:15

Veja a programação desta semana do Caminhão do Peixe de Itajaí

Filé de abrótea, filé de pescada, gordinho, peixe d’água, linguado, pescadinha, mistura eviscerada e tainha serão os peixes vendidos no Caminhão do Peixe durante esta semana.

Nesta terça-feira, moradores do Bairro Fazenda podem comprar o pescado na Rua Abrão B. Rocha, em frente ao grupo escolar Guilhermina Buchele Müller.

Quarta-feira, a parada da peixaria móvel será na Rua Marcos Antônio Müller, n° 67 em frente ao CEI Profª Márcia Maria Augusto Nunes, no loteamento Santa Regina, Bairro Espinheiros.

Já na quinta-feira (08), a região contemplada é o loteamento Rio Bonito, com o caminhão na Rua Arquiteto Nilson Edson dos Santos próximo à Coordenadoria Regional de Atendimento ao Cidadão (Subprefeitura) do São Vicente.

Na sexta-feira (09), o caminhão se desloca para o loteamento Costa Cavalcante, onde realiza a venda do pescado na Praça Santos Dumont, em frente à Unidade de Saúde.

E aqueles que desejam comer um bom peixe no final de semana, podem comprar seu pescado no Caminhão do Peixe no sábado (10), quando o veículo estaciona no bairro São João, na Rua Indaial, junto ao pátio do Auto Posto Tomio, em frente à Distribuidora Aldri.

O horário de atendimento do caminhão começa às 08 horas e a venda continua enquanto estiver produto para comercialização.

O Programa Peixe nos Bairros, executado com o Caminhão do Peixe, é uma ação coordenada pela Secretaria Municipal de Pesca e Aquicultura que tem por finalidade facilitar o acesso e incentivar a comunidade itajaiense a consumir pescados, como forma de ter uma alimentação mais saudável.

Comente aqui
05 mar16:20

Mapa da pesca esportiva na região

Saiba quais os peixes podem ser encontrados no nosso Litoral e quais iscas e técnicas para capturá-los

Comente aqui