Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Posts de fevereiro 2009

ERRATA

27 de fevereiro de 2009 0

   Valeu André,

pensei numa e escrevi sobre a outra. A Lima é nossa gaúcha, atriz. A Abreu sim é uma das backing vocals de Evandro Mesquita nos áureos tempos da Blitz. Foi um lapso. Agradeço o comentário!

Postado por Jader Rocha, POA

MAIS BIOGRAFIA BLITZ

27 de fevereiro de 2009 1

   Agradecendo desde já a participação da Ana Seerig, de Caxias do Sul, aqui no blog, eis a ficha técnica da biografia da Blitz pra quem quiser:

Título: As Aventuras da Blitz

Autor: Rodrigo Rodrigues, jornalista e amigo de alguns dos integrantes da banda.

Editora: Ediouro, 308 páginas

Preço: R$ 54,90

 O livro traz cerca de 200 fotos que ilustram toda a trajetória do grupo. Valeu Ana, bom divertimento e boa leitura!

Postado por Jader Rocha, POA

BIOGRAFIAS

26 de fevereiro de 2009 2

   Na minha prateleira constam diversos autores, muitos gêneros e biografias, várias por sinal. É um dos meus temas favoritos pra leitura. Tenho, por exemplo, uma das tantas sobre John Lennon, Madonna, Ayrton Senna, Sílvio Santos, Muhamad Ali e Titãs.

   Cada qual com sua particularidade. Histórias reais de superação, envolvimentos errados, derrotas, vitórias, sucesso, fracassos pessoais e profissionais. Gosto da ideia de acompanhar a trajetória de quem está ou esteve em evidência algum dia.

   Em função disso, saudei a reportagemd e hoje de Zero Hora, Segundo Caderno, que mostra o lançamento de uma biografia, bem pensada por sinal, de uma das bandas de maior influência do rock brasileiro: a Blitz. Capitaneada por Evandro Mesquita e com Fernanda Lima de backing vocal, fez mudar os conceitos do gênero no país. Abriu as portas pra outros grupos. Valeu-se de uma linguagem extremamente marcante e de fácil memorização, pra cair no gosto popular. Não raro, era vista em performances no Cassino do Chacrinha, nos ginásios e estádios, país afora.

   Vou ter que ir buscar mais essa pra coleção, vou sim!

Postado por Jader Rocha, POA

CONCERT FOR GROUP

25 de fevereiro de 2009 0

rock e música clássica juntos e com qualidade!

   Em função do corre-corre do Gauchão, viagens, transmissões e programas, fiquei devendo o post sobre uma das grandes bandas de rock do mundo, originária dos anos 60 e que no mês que vem, aliás, na próxima semana, vai estar desembarcando aqui na nossa capital.

   Falo do Deep Purple e de um dos melhores discos da banda, na opinião deste que vos escreve. Na semana passada consegui ouví-lo na íntegra. O Concert for Group and Orchestra. Gravado em 69 com a participação da Royal Philarmonic Orchestra, acompanhada do maestro Sir Malcolm Arnold. O disco, além de uma obra de arte, na mistura das guitarras pesadas com a música clássica, também apresenta outra curiosidade. São raros os vocais. Concert for Group, é também, o primeiro álbum lançado com a formação clássica do Purple: Blackmore, Gillan, Glover, Lord e Paice. Raridade e qualidade. Juntos, onde cada segundo deve ser bem aproveitado. Faz bem aos ouvidos!

Postado por Jader Rocha, POA

PRA TUDO COMEÇAR DEPOIS DO CARNAVAL!

25 de fevereiro de 2009 0

   Salve gente!

   Depois de ter narrado os jogos da dupla GreNal no final de semana tirei dois dias de folga, segunda e terça e me bandiei com a família pro litoral norte. Abarrotado, congestionado, como quase que em todas as situações assim. Feriadões levam milhares, milhões de pessoas às praias, ao interior. Ávidas por descanso, festa, folia, descanso da cidade grande, mesmo que por um período pequeno.

   Comigo não foi diferente. A Porto Alegre, abafada e sufocante do sábado, lembrava uma cidade pacata do interior. Nada de caos na Farrapos, na Sertório, na Padre Cacique, no Centro. Vagas de mais, carros de menos.

  Como pra muitos o ano só inicia após as festas de Momo, pois bem, sejam bemvindos a 2009!

Postado por Jader Rocha, POA

RUMO A ZONA SUL

19 de fevereiro de 2009 2

   A tarde embarco pra Pelotas. Lá vou narrar o jogo do Brasil pelo PFC, no Bento Freitas.
   Volto a zonal sul do Estado depois de quase um ano. Estive por lá em 2008, também por ocasião de um jogo do Xavante. Era contra o Juventude pelo Gauchão do ano passado. Pelotas é uma cidade acolhedora, carismática e o próprio estádio do Brasil, é um atrativo a parte.
   Amanhã, aqui no blog, falo a respeito de um disco antológico e que ouvi nesta semana. Uma dica: é de uma das bandas precursoras do rock pesado, progressivo e agressivo do final dos anos 60. Ah, eles vêm a Porto Alegre no próximo mês!

Postado por Jader Rocha, POA

O ESPORTE E O SAMBA

18 de fevereiro de 2009 1

   Poucas coisas casam tão bem neste país como  samba, carnaval e esporte, futebol, especificamente.

   Ontem a noite tive a prova real. Fazia, pelo menos, mais de cinco anos que eu não entrava numa quadra de escola de samba, aqui em Porto Alegre, na época de preparação pros desfiles. Mais por falta de tempo, outros compromissos. Depois do TVCOM ESPORTES, me dirigi, junto com a equipe do RBS ESPORTE, Alice, Caco, editor do programa, mais o cinegrafista Clóvis Maciel e o nosso “motora”, o Paulo, pra quadra da Império da Zona Norte, atual campeã do carnaval porto-alegrense. Lá, gravamos o RBS ESPORTE, especial da festa de Momo, que vai ao ar neste sábado, nove da manhã.

   Foi uma bela experiência. Pudemos comprovar o quanto é valioso pro povo carnavalesco, estar na quadra da sua escola, dedicando tempo no auxílio pra que tudo esteja pronto pro desfile no Porto Seco. Cada um dos funcionários, da comunidade da zona norte, o cidadão comum, trabalhador e batalhador, vive intensamente a magia dessa simbiose.

   Pra completar, a noite de ontem reservava a apresentação de mais duas escolas dentro da quadra da própria Império. Além da anfitriã, estavam por lá, também a Imperatriz Dona Leopoldina e a União da Vila do IAPI. Integração, portas abertas pra todas as torcidas, todas as cores. Bem como deve ser. Sem preconceitos, sem esquisitices. Pelo contrário. Democráticos, como só o carnaval e o esporte sabem ser!

Postado por Jader Rocha, POA

OLHO VIVO!!

17 de fevereiro de 2009 1

  Em tempos de carnaval, calor, praia, Porto Alegre, Rio de Janeiro, Salvador, Marquês do Sapucaí, Porto Seco, Trio Elétrico, vale um alerta deste blogueiro. Me lembrei de uma situação inusitada vivida por mim na última vez em que estive na capital baiana, no final do ano passado. Peguei um táxi, em frente ao hotel em que estava hospedado, na Praia da Pituba. O destino era o Barradão, estádio do Vitória. Lá narrei o jogo do Grêmio pelo Campeonato Brasileiro. O calor era insuportável, ultrapassava os 35 graus. A sensação térmica, no entanto, superava os 40, frouxo!

   Entrei no táxi e prontamente o motorista, um sujeito na casa do 60 anos, fechou os vidros, ligou o ar-condicionado e rumou pro estádio. Fez uma gentileza e, ao mesmo tempo, cumpriu com sua obrigação, qual seja, oferecer conforto aos passageiros.

   Qual não foi minha surpresa quando ao chegar no meu destino, fui surpreendido por um valor que este motorista acresceu ao da corrida, cobrando pela taxa do ar que ele havia ligado! Sinceramente, não vi nada, em nenhum lugar do carro, algo que especificasse que tal taxa deveria ser cobrada. Não fui eu quem pediu pra ele ligar o ar-condicionado. Fez por conta própria! Fiquei muito bravo, mas paguei. Não seria por 4, 5 reais que iria me indispor.

   É um alerta pra quem vai à capital baiana. Carnaval, cidade repleta de turistas…olho vivo! 

Postado por Jader Rocha, POA

DOS QUADRINHOS PRAS TELAS

13 de fevereiro de 2009 0

efeitos especiais garantem a produção!

   Alguns dos maiores personagens, super-heróis, dos quadrinhos quando ganharam versões no cinema, tiveram boa resposta do público. Assim foi com Batman, filmado primeiramente em 89, com Michael Keaton no papel principal. Antes, havia sido com Superman, papel que consagrou Christopher Reeve no papel-título. Homem-Aranha, já nos anos 2000 e com Tobey Maguire na pele do fotógrafo Peter Parker, também foi rodado e com boa aceitação.

   Sempre fui de ler as revistas em quadrinhos dos super-heróis. No cinema, assisti a quase todos os filmes deste três que citei. Ontem, na volta de Erechim, vimos no DVD do micro ônibus ao Motoqueiro Fantasma. Nicolas Cage, dá vida ao motoqueiro JB, que se envolve com o capeta e tem seu destino marcado.

   A produção é sensacional no quesito efeitos especiais. Os inimigos de Cage, demônios que se transformam, a própria metamorfose vivida pelo protagonista, quando vira o esqueleto em chamas, a motocicleta, o chicote de corrente em brasa. Capricho bem ao estilo hollywoodiano.

   Pena que a história em si seja fraca, irreal. Mas estamos falando de super-heróis. Pra uma Sessão da Tarde, “atirado” no sofá, fica bem!

Postado por Jader Rocha, POA

COISAS(BOAS) DO INTERIOR!

13 de fevereiro de 2009 0

   Nós que nos deparamos diariamente com os problemas corriqueiros de uma cidade com o porte de Porto Alegre, quando vamos ao interior, observamos situações inimagináveis, fora do comum, pros padrões atuais. São casos que nos fazem refletir, mesmo com toda a globalização, as modernas ferramentas de comunicação, os diferentes hábitos adquiridos com a evolução da humanidade.

   Por exemplo: no final da tarde de quarta-feira, em Erechim, me preparava pra ir pro estádio Colosso da Lagoa. No hall do hotel, decidimos, eu e alguns dos colegas de viagem e transmissão, ir a uma padaria, localizada próxima de onde estávamos hospedados. Fomos a pé, tranquilamente.

   Qual não foi minha surpresa ao me deparar com a padaria, completamente lotada. E não eram apenas clientes em busca do pão quente, do queijo, do presunto. Um hábito, saudável diga-se de passagem, é o de se sentar nas cadeiras das diversas mesas espalhadas pelo local e tomar um belo café com leite, cheiroso e caseiro com um sanduíche de cacetinho, o pão francês, com margarina, queijo e presunto. Um lanche descompromissado, leve e com muita conversa. Sem pressa, sem preocupação.

   O interior ainda nos reserva isso. O peso de uma cidade grande, ao menos no que vi, anda a léguas de distância.

Postado por Jader Rocha, POA