Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Sem seis titulares, Claudinei define time do Avaí neste sábado

24 de março de 2017 0
Mesmo treinando com bola, Diego Jardel não será liberado para pega a Chape (Foto: André Palma Ribeiro/Avaí FC)

Mesmo treinando com bola, Diego Jardel não será liberado para pegar a Chape (Foto: André Palma Ribeiro/Avaí FC)

Não foi no treino desta sexta-feira que o técnico Claudinei Oliveira definiu o Avaí para pegar a Chapecoense no domingo, 16h, fora de casa. O treinador ainda espera por jogadores que estão em fase de recuperação para saber com quem poderá contar para este embate. Além disso, ele ainda perdeu o meia Caio Cesar e o atacante Denílson, ambos suspensos pelo terceiro amarelo. Ao todo, da formação titular, seis atletas desfalcam o Leão para esta partida. O time será definido no treino deste sábado que inicia às 8h.

Atacante segue fora

A expectativa de contar com o Romulo para o confronto de domingo era muito grande, mas o atacante não treinou com bola ao longo da semana e desta forma não foi liberado para este confronto. De acordo com o médico do clube, Doutor Luis Fernando Funchal, além de ter sofrido a torção no tornozelo direito, ele sofreu, também, uma lesão ligamentar. De acordo com o médico, existe a chance de ele ser liberado para o jogo com o Joinville na quarta-feira, na Ressacada.

Ainda não

Os jogadores Leandro Silva, Judson, Diego Jardel e Lucas de Sá, treinaram com bola na tarde desta sexta-feira, dando a esperança que poderiam ser liberados para enfrentar a Chapecoense, mas segundo Doutor Funchal, eles foram liberados para ir pegando ritmo, mas que ainda é bom segurar para evitar novas lesões. Estes jogadores devem ficar aptos para enfrentar o Joinville na quarta-feira. Sobre Luan, o volante vem treinando com bola ao longo da semana e técnico Claudinei Oliveira disse na coletiva que se ele for liberado existe a chance de ele começar a partida na equipe titular.

Definição será neste sábado

Com todos estes problemas, o técnico do Avaí, Claudinei Oliveira, só vai confirmar a equipe no treino deste sábado na Ressacada, antes da viagem para Chapecó. Na coletiva, o treinador não descartou a possibilidade de deslocar Alemão para a lateral-direita e colocar Gustavo ou Maurício na zaga. No meio campo, também abriu a chance de iniciar com Lucas Otávio, mesmo elogiando Renato e dizendo que na visão dele, o atleta revelado na base, tem atuado melhor nos jogos fora de casa. O treino  que define o time acontece neste sábado às 8h e logo em seguida a delegação embarca para Chapecó.

Veja a coletiva do técnico Claudinei Oliveira:

Com emoção, Avaí vence Tubarão de virada na Ressacada

23 de março de 2017 0
Marquinhos marca e fica próximo de entrar para história do Leão. (Foto: Jamira Furlani/Avaí FC)

Marquinhos marca e fica próximo de entrar para história do Leão. (Foto: Jamira Furlani/Avaí FC)

O torcedor do Avaí foi para a Ressacada para ver o seu time vencer o Tubarão até com certa tranquilidade, mas saiu do Estádio com o coração na mão, pois o Leão da Ilha precisou virar um placar desfavorável de 2 a 0 para poder comemorar no fim do jogo. O 3 a 2, fez o time do Sul da Ilha chegar a quarta colocação do returno com seis pontos e se manter na ponta da classificação geral com 27. O próximo jogo será no domingo, fora de casa contra a Chapecoense.

Irreconhecível

O futebol apresentado pelo Avaí no primeiro tempo deixou o torcedor preocupado, pois com apenas 15 minutos de jogo, o Tubarão já fazia 2 a 0 com Rafael Ratão fazendo os dois gols. O Avaí tentava se acertar em campo, mas nada funcionava. Um time com muitos erros de passe, falha de posicionamento do sistema defensivo e um time muito ansioso. Esses ingredientes, deixavam a equipe do Sul do Estado mais a vontade, tanto que chegou a fazer o terceiro gol, mas o assistente Ismael Rodrigo de Moura viu impedimento, lance que gerou polêmica. No final do primeiro, o Avaí chegou ao gol. Aos 46, Caio Cesar lançou Capa que jogou a bola para área e o zagueiro Lucas Costa acabou marcando contra. O 2 a 1, deu mais tranquilidade ao Avaí.

Outro time

No segundo tempo, Claudinei Oliveira deixou Renato no vestiário e colocou Lucas Otávio em seu lugar. A equipe ganhou em movimentação, saída de bola e uma melhor proteção a zaga. Apesar disso, a equipe criava muitas jogadas, mas não conseguia marcar. Mas de tanto insistir, o Avaí chegou lá. Aos 34, bola colocada do lado esquerdo e Capa cruzou na medida para Marquinhos fazer de cabeça e empatar a partida.

Mudança para a virada

Logo em seguida, Claudinei colocou o zagueiro Gustavo no lugar de Lourenço e Alemão foi deslocado para a lateral-direita. E deu certo. O time ganhou em movimentação e força por aquele lado e o time passou a pressionar ainda mais. O resultado veio aos 40 minutos. Uma bola enfiada na entrada da área pelo lado esquerdo para Denílson, que carregou para o meio e da meia lua bateu forte no canto esquerdo do goleiro Luis Carlos e fazer o 3 a 2 e definir a partida.

Próximo de entrar para história

O gol feito pelo meia Marquinhos, deixou ele muito próximo de fazer história com a camisa do Avaí. Com o gol desta quarta, o ídolo do Leão chegou aos 56 gols marcados na Ressacada pelo Avaí. Com isso, ele fica a apenas um gol de empatar com Décio Antônio, maior artilheiro do Leão na Ressacada com 57 gols anotados. O capitão avaiano, na comemoração, saiu sinalizando que falta apenas um para empatar, ou seja, muito próximo de entrar para história do clube.

Desfalques

Para o jogo contra a Chapecoense, o técnico Claudinei Oliveira perde dois jogadores pelo terceiro cartão amarelo. O meia Caio Cesar e o atacante Denílson. Com isso, o comandante do time azurra terá que definir os substitutos nos treinos de sexta e sábado, já que nesta quinta acontece apenas um trabalho regenerativo.

Veja a coletiva do técnico Claudinei Oliveira

Com Romulo vetado, Claudinei repete time para pegar o Tubarão

21 de março de 2017 0
Betão e Capa demonstram confiança em mais um resultado positivo (Foto: Janniter de Cordes)

Betão e Capa demonstram confiança em mais um resultado positivo (Foto: Janniter de Cordes)

O atacante Romulo ainda não fica a disposição para o jogo contra o Tubarão nesta quarta-feira, 19h30min, no Estádio da Ressacada. O jogador ainda sente dores no tornozelo direito e não treinou com bola essa semana e por isso não foi liberado para a partida. Desta maneira, o time do Avaí será o mesmo que encarou o Metropolitano no último domingo, na vitória por 4 a 1.

Ausência certa

O técnico Claudinei Oliveira tinha a esperança de contar com o atacante Romulo neste jogo com o Tubarão. O atleta sofreu uma torção no tornozelo direito contra o Criciúma e acabou ficando de fora da partida contra o Metropolitano no último domingo. Com isso, ele ganhou mais um tempo para a sua recuperação, mas não foi o suficiente para ele ficar apto para o compromisso. A expectativa agora é que ele esteja 100% para o enfrentar a Chapecoense no próximo domingo, fora de casa.

Mais uma chance

Com a ausência de Romulo, que ganha uma nova oportunidade na equipe é o atacante Lourenço, que fez sua estréia no último domingo em Blumenau, e aparacendo como novidade na formação titular do Leão. O atleta foi bem no primeiro tempo participando da jogada do primeiro gol e sofrendo a penalidade que originou o segundo gol do Leão. O atleta, revelado na base, foi elogiado pelo técnico do Avaí.

Mesmo time

Time que ganha não mexe, ainda mais quando goleia e faz um grande atuação. Pelo menos foi o que se viu no treino desta terça-feira. Devido ao curto espaço de tempo de um jogo para o outro, Claudinei Oliveira fez um trabalho rápido de posicionamento e com a escalação utilizada no domingo, ou seja, deixando o time definido para o jogo. O Leão entra entra em campo com Kozlinski, Gustavo Santos, Betão, Alemão, Capa; Renato, Caio Cesar, Marquinhos, Júnior Dutra; Denilson e Lourenço. Também foram relacionados; Douglas (G), Claudio Vitor (G), Gustavo (Z), Maurício (Z), Léo Felipe (LD), João Paulo (LE), Lucas Otávio (V), Vinícius Pacheco (M), Devid (A), Iury (A), Toshi (A).

Ouça a coletiva com o zagueiro Betão e com o lateral-esquerdo Capa:

Sem Romulo e Luan, Avaí está pronto para pegar o Metropolitano

18 de março de 2017 0
Último treino do Leão foi realizado na manhã deste sábado (Foto: André Palma Ribeiro/Avaí FC)

Último treino do Leão foi realizado na manhã deste sábado (Foto: André Palma Ribeiro/Avaí FC)

O atacante Romulo está fora do jogo contra o Metropolitano neste domingo, 16h, em Blumenau. O jogador não se recuperou de uma torção no tornozelo direito que sofreu na partida contra o Criciúma. O técnico Claudinei Oliveira demonstrava confiança em contar com o jogador, mas ele não treinou na manhã deste sábado e com isso desfalca o Avaí neste jogo. Quem também não participou da última atividade foi o atacante Denílson. Ele se queixou de dores musculares após o trabalho coletivo de sexta-feira e por isso foi poupado do treinamento, mas não preocupa e está confirmado para o jogo.

No trabalho deste sábado, Claudinei priorizou as jogadas de bola parada, como ele sempre faz no último treino antes de cada jogo. Chamou a atenção a ausência de Romulo, dando indício que ele não seria liberado para este jogo, o que só foi confirmado ao final do treinamento. Com isso, Iury será o titular, pois mais uma vez ele atuou na equipe principal. Também chamou a atenção a ausência de Denílson no treino. Na primeira parte da atividade, ele ficou no Departamento Médico, poupado por dores musculares. Depois, o atacante foi para o campo para conferir as orientações do técnico Claudinei Oliveira no trabalho de bola parada. O jogador foi substituído pelo atacante da base, João Paulo.

Outra expectativa que se tinha, era com relação ao volante Luan. O atleta já está recuperado de uma lesão muscular na coxa direita que ele sofreu contra o Joinville no dia 12 de fevereiro, no Norte do Estado. Esta semana, ele trabalhou com bola na quinta e também na sexta-feira, indicando que pudesse ser, pelo menos, relacionado para o jogo, mas no treino deste sábado ele não participou e ficou de fora da partida. Desta forma, o Avaí entra em campo com Kozlinski, Gustavo Santos, Betão, Alemão, Capa; Renato, Caio Cesar, Marquinhos, Júnior Dutra; Denilson, Iury. No banco ficam Douglas, Gusatvo (Z), Maurício (Z), Léo Felipe (LD), João Paulo (LE), Ferdinando (V), Lucas Otávio (V), Vinícios Pacheco (M), João Paulo (A), Marcelinho (A), Toshi (A).

Claudinei aguarda por Romulo e Luan para definir o Leão

17 de março de 2017 0
Técnico do Leão repetiu escalação do treino de quinta-feira (Foto: Janniter de Cordes)

Técnico do Leão repetiu escalação do treino de quinta-feira (Foto: Janniter de Cordes)

O técnico do Avaí, Claudinei Oliveira, aguarda até este sábado para definir a equipe que encara o Metropolitano, no domingo, 16h, em Blumenau, pela segunda rodada do returno do Estadual. Ele espera pelo volante Luan, recuperado de lesão muscular na coxa e pelo atacante Romulo, que faz tratamento de uma torção no tornozelo direito. Somente neste sábado é que eles terão a resposta definitiva se serão ou não liberados.

Antes da atividade desta sexta-feira, o técnico do Leão passou pela coletiva e disse que precisava aguardar um posicionamento do Departamento Médico sobre o volante Luan e o atacante Romulo. “O Luan a gente vai ver hoje como ele está. Conversei com ele aqui na chegada e ele me falou que está bem, que se sentiu bem, descansou, já que vinha fazendo um trabalho em dois períodos e conseguiu recuperar. Vamos conversar com ele e ver como ele está se sentindo. Na verdade vai depender muito mais dele do que de nós. Vamos ver se ele se sente confiante para jogar ou até mesmo viajar e ficar no banco e entrar no jogo, se necessário, ou se ele se sentirá mais seguro para jogar com o Tubarão na quarta-feira. A gente vai respeitar muito a opinião do Luan”, disse Claudinei. Luan sofreu uma lesão muscular na coxa direita contra o Joinville no dia 12 de fevereiro e de lá para cá passou pelo processo de recuperação. No treino desta sexta, ele participou do treino coletivo, mas na equipe reserva. Na parte final ele foi preservado. Agora, ele espera até este sábado para saber se terá a condição de jogo.

O atacante Romulo, mais uma vez, não foi para o treino com bola. Ele ainda se recupera de uma torção no tornozelo direito e nesta sexta, foi para um trabalho na academia. “A gente conversou com o doutor Sérgio na terça-feira na reapresentação, ele examinou o jogador, e falou que acreditava que ele pudesse ser aproveitado e agora vamos conversar com atleta para saber como ele está. Vamos aguardar até sábado para ver a evolução dele”, disse o técnico avaiano. No coletivo, Iury treinou em seu lugar.

Por falar em coletivo, a equipe que treinou nesta sexta-feira foi a mesma que iniciou a atividade de quinta-feira no CFA. O time inciou com Kozlinski, Gustavo Santos, Betão, Alemão, Capa; Renato, Caio Cesar. Marquinhos, Junior Dutra; Denilson e Iury. Depois, Claudinei colocou o garoto João Paulo, atacante da base, na vaga de Iury e na parte final, Lucas Otávio no lugar de Renato e Marcelinho na vaga de João Paulo. O time será definido no treino deste sábado, que inicia às 10h no Estádio da Ressacada.

Ouça a coletiva do técnico Claudinei Oliveira:

Titular? Júnior Dutra deixa para o técnico Claudinei Oliveira

15 de março de 2017 0
Júnior Dutra deve ser titular contra o Metropolitano (Foto: André Palma Ribeiro/ Avaí FC)

Júnior Dutra deve ser titular contra o Metropolitano (Foto: André Palma Ribeiro/ Avaí FC)

Aos poucos o atacante Júnior Dutra vai ganhando seu espaço no time titular do Avaí. O torcedor já vinha pedindo ele na formação principal na vaga de Diego Jardel, mas o técnico Claudinei Oliveira entendia que ainda não era o momento dele na formação. Hoje, ele está entre os 11 devido a lesão do meia avaiano.

Autor do segundo gol contra o Criciúma, Júnior Dutra deve ser mantido na formação titular para o confronto de domingo contra o o Metropolitano, em Blumenau, às 16h. Ao ser questionado sobre ter assumido a posição, o atacante foi cauteloso e deixou a decisão para o técnico do Leão. “Isso você precisa perguntar para o Claudinei. Eu acredito que mesmo não sendo titular no primeiro turno, fiz bastante jogos, consegui ter meu ritmo de jogo, já que não fiz a pré-temporada e até foi importante para mim. Agora eu estou pronto e o Claudinei sabe das minhas qualidades”, disse Júnior Dutra. O atleta deve ser mantido na equipe, já que Diego Jardel ainda não será liberado do Departamento Médico, onde se recupera de uma lesão muscular na coxa esquerda.

Sobre o atacante Romulo, o atleta segue tratando de uma torção no tornozelo direito, que ele sofreu no jogo contra o Criciúma. A lesão foi detectada após um exame detalhado feito na segunda-feira. Ele segue sendo avaliado pelos médicos do clube e até sábado saberá se poderá jogar ou não no domingo. O primeiro coletivo da semana deve ser realizado na sexta-feira à tarde no Estádio da Ressacada.

Ouça a coletiva do atacante Júnior Dutra:

Pronto para jogar, Lucas Otávio é apresentado na Ressacada

14 de março de 2017 0
Lucas Otávio foi apresentado na manhã desta terça-feira (Foto: Janniter de Cordes)

Lucas Otávio foi apresentado na manhã desta terça-feira (Foto: Janniter de Cordes)

O volante Lucas Otávio foi apresentado oficialmente na manhã desta terça-feira no Auditório do Estádio da Ressacada. O atleta já ficou no banco na partida com o Criciúma, mas não entrou. O jogador é um pedido do técnico Claudinei Oliveira que já trabalhou com ele desde a base do Santos, de onde o atleta chega por empréstimo. Já o meia Vinícius, que vem do Atlético Paranaense, já está em Florianópolis passando pelos exames médicos e depois assinar contrato.

Natural de Bandeirante, interior do Paraná, Lucas Otávio Veiga Lopes, 22 anos, é formado na base do Santos, onde já trabalhou  com o técnico Claudinei Oliveira. “Eu conheço o Claudinei desde meus 15 anos e ele é como um pai pra mim, mas isso não significa nada. Tenho que mostrar em campo meu potencial para poder entrar na equipe”, disse o novo volante do Leão. Segundo ele, está bem fisicamente e pronto para ajudar a equipe neste returno do Estadual. Ao ser questionado sobre sua altura, Lucas Otávio falou sem problemas. “Tenho 1,64 e essa é minha altura. Não vou crescer mais do que isso (risos). Meu pai me disse que por eu ser pequeno, eu precisava compensar de uma outra forma, com força por exemplo, e foi isso que eu procurei fazer”, disse Lucas Otávio.

O meia Vinícius, que estava no Atlético Paranaense, já chegou em Florianópolis. O atleta já iniciou os exames médicos e deve ser finalizado ainda nesta terça-feira. Dando tudo certo, o jogador assina contrato com o Leão da Ilha até o final desta temporada.

Ouça a coletiva do volante Lucas Otávio:

Avaí definido para encarar o Tigre no início do returno

11 de março de 2017 0
Ferdinando perde espaço e vai para o banco de reservas (Foto: André Palma Ribeiro/Avaí FC)

Ferdinando perde espaço e vai para o banco de reservas (Foto: André Palma Ribeiro/Avaí FC)

Sem mistério. O Avaí está pronto para a estréia no returno do Campeonato Catarinense contra o Criciúma neste domingo, 18h30min, no Estádio da Ressacada. A principal novidade na escalação é o meia Caio Cesar que entra na vaga de Ferdinando que vai para o banco de reservas. No treino da tarde deste sábado, no gramado dois do CFA, Claudinei Oliveira fez os últimos ajustes a confirmou a escalação. Na lista dos relacionados, o volante Lucas Otávio é a novidade. O atleta foi contrato nesta semana junto ao Santos e teve seu nome publicado no BID na tarde sexta-feira e ganhou a condição de jogo.

Ainda sem contar com  o lateral-direito Leandro Silva e o meia Diego Jardel lesionados, e sem os volantes Luan e Judson que estão na transição, o técnico do Leão muda o mínimo possível, mesmo assim, ele se sente tranquilo, pois quem entra já sabe como funciona o esquema de jogo e o padrão continua o mesmo. Em relação ao time que foi eliminado da Copa do Brasil pelo Luverdense, que foi o último jogo com os titulares a disposição em campo, são três mudanças. Gustavo Santos entra na vaga de Leandro Silva, Caio Cesar ganha uma oportunidade na vaga de Ferdinando, e Júnior Dutra herda a posição de Diego Jardel. Nas demais, é a equipe que o torcedor do Avaí já tem na ponta da língua. O Leão encara o Tigre com Kozlinski, Gustavo Santos, Betão, Alemão, Capa; Renato, Caio Cesar, Marquinhos, Júnior Dutra; Romulo e Denílson. No banco ficam Douglas (G), Claudio Vitor (G), Gustavo (Z), Maurício (Z), Léo Felipe (LD), João Paulo (LE), Lucas Otávio (V), Ferdinando (V), Vinícius Pacheco (M), Toshi (A), Iury (A), Marcelinho (A).

Como já ganhou o primeiro turno, o Avaí já está garantido na final da competição. Caso o time do Sul da Ilha conquiste também o segundo turno, a equipe azurra será campeã estadual de 2017.

=> Na postagem anterior, você pode assistir a entrevista coletiva do técnico Claudinei Oliveira, que atendeu a imprensa na sexta-feira.

Claudinei encaminha Avaí com Caio Cesar na time titular

10 de março de 2017 0
Lucas Otávio está regularizado e pode ser relacionado (Foto: André Palma Ribeiro/Avaí FC)

Lucas Otávio está regularizado e pode ser relacionado (Foto: André Palma Ribeiro/Avaí FC)

O Avaí está praticamente pronto para encarar o Criciúma pela primeira rodada do returno no domingo, 18h30min, no Estádio da Ressacada. No coletivo desta sexta-feira, a principal novidade na escalação foi a presença de Caio Cesar na formação titular. Com isso, quem está perdendo a vaga é o volante Ferdinando que treinou na formação reserva. O último treino acontece na tarde deste sábado, no local da partida. A outra informação do dia, foi a confirmação do acerto com o volante Lucas Otávio, atleta de 22 anos e que estava na equipe do Santos. O nome dele saiu no BID (Boletim Informativo Diário) da CBF e o atleta está em condição de jogo.

Na coletiva com o técnico do Leão antes do treino, ele já citava a presença de Caio Cesar na equipe e deixou a dúvida no setor de primeiro homem no meio entre Renato e Ferdinando. Mas quando foi para a prática, Renato treinou entre os titulares. Sobre os problemas, para o lugar de Leandro Silva, que se recupera de lesão muscular na coxa direita, Gustavo Santos terá uma nova chance. Já na vaga de Diego Jardel, que se recupera de lesão na coxa esquerda, Júnior Dutra inicia a partida. Com relação a Judson, Luan e Lucas de Sá, os três iniciaram o trabalho de transição. Segundo o técnico avaiano, a esperança é que eles fiquem aptos para a segunda rodada contra o Metropolitano, no outro fim de semana. Sendo assim, o time treinou com Kozlinski, Gustavo Santos, Betão, Alemão, Capa; Renato, Caio Cesar, Marquinhos, Júnior Dutra; Romulo e Denilson. Na parte final do coletivo, Claudinei tirou Renato e colocou Lucas Otávio, indicando que ele deve ser relacionado para o jogo de domingo. O último treino acontece neste sábado, às 16h, na Ressacada.

Veja a coletiva do técnico Claudinei Oliveira:

Meia Vinícius está próximo de acerto com o Avaí

09 de março de 2017 0
Meia, que pertence ao Atlético/PR, não atuou ainda em 2017 (Foto: Globoesporte)

Meia, que pertence ao Atlético/PR, não atuou ainda em 2017 (Foto: Globoesporte)

Pensando na sequência da temporada, a diretoria do Avaí segue no mercado e está próximo de acertar com o meia Vinícius que pertence ao Atlético/PR. Os dirigentes dos dois clubes estão conversando para acertar os detalhes finais e definir o empréstimo até o final da temporada. A contratação do jogador já tem o aval do técnico Claudinei Oliveira.

Sobre esta contratação, a diretoria do Leão da Ilha ainda não se manisfestou, mas pelo que apurei, o que está sendo conversado neste momento é a questão salarial. Hoje, Vinícius tem um salário fora dos padrões da equipe catarinense e por causa disso, os dirigentes do Avaí estão tentando uma composição com o Furacão Paranaense para que o clube pague parte do salário do jogador. Pelo que busquei de informação, o meia ganha mais de R$100 mil por mês. Vinícius tem contrato com o Atlético até o final de 2018, mas não está sendo aproveitado no time da Baixada, por isso tem sido emprestado, como em 2016, quando defendeu o Náutico na Série B do Brasileiro. Entrei em contato com o jogador na tarde desta quinta-feira e ele preferiu não dar entrevista, mas confirmou que está aguardando um definição das duas diretorias para que possa definir seu futuro. De momento, Vinícius segue treinando no CT do Atlético, em Curitiba.

Natural de Curitiba, Vinícius Goes Babosa de Souza, 25 anos, iniciou na base do Paraná Clube. Depois, rodou por clubes como Coritiba, Joinville, Tupi/MG, Londrina, Esportivo, Anápolis, Fluminense e Náutico. Nesta temporada, o meia não atuou em nenhuma partida, por isso ele tem pressa para resolver seu futuro, pois quer jogar o mais rápido possível.