Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Arrasador, Sub-20 do Avaí inicia preparação para a final do estadual

23 de outubro de 2017 0
No jogo de voltada semifinal, o Leão fez 6 a 1 no JEC. (Foto: Alceu Atherino/Avaí FC)

No jogo de volta da semifinal, o Leão fez 6 a 1 no JEC. (Foto: Alceu Atherino/Avaí FC)

O time Sub-20 do Avaí está na final do Estadual da categoria e terá como adversário a Chapecoense, repetindo a decisão dos profissionais desta temporada. O que chama a atenção, é que a garotada do Leão venceu todos os jogos até o momento. Além disso, a equipe tem o melhor ataque, a melhor defesa e ainda um dos artilheiros da competição. Com estes números, os garotos do Leão entram como favoritos para levar o título. O primeiro jogo será neste sábado, em Chapecó, e a volta no dia 4 de novembro na Ressacada. Os dois confrontos programados para às 16h30min.

Grande campanha

O time treinado pelo técnico Fabrício Bento está  com uma campanha arrasadora na competição. Contando com a semifinal, foram nove jogos com nove vitórias, 30 gols marcados e apenas sete sofridos. Além disso, o time tem um dos artilheiros do campeonato. Getúlio, com sete gols, junto com Matheus, do Figueirense, é um dos destaques do Estadual. O técnico destaca o trabalho forte feito por todos do grupo para atingir esta marca e se credenciar ao título do campeonato. “É surpreendente né. Venho trabalhando para isso e os meninos entenderam tudo o que eu estou passando para eles e está surtindo efeito. Agora é tentar nesses dois jogos conseguir esse título”, disse Fabrício Bento. O técnico ainda ressaltou que o mais importante é revelar os garotos para a equipe profissional, mas deixou claro que um título sempre é importante. “É claro que a ideia é revelar atletas para o profissional, mas o gostinho de um título é muito bom”, ressaltou Fabrício. Os dois times já se enfrentaram na competição e foi na sétima rodada, na Ressacada, e o Avaí venceu por 3 a 0. Para o primeiro jogo da final, a equipe está praticamente completa, mas o time só será definido no último treino que será realizado na sexta-feira já no Oeste do Estado. Na final, o saldo de gols é critério de desempate para apontar o campeão da temporada.

Ouça a entrevista do técnico do Sub-20 do Avaí, Fabrício Bento

Leandro Silva sente a coxa e Maicon ganha chance. M10 também entra

21 de outubro de 2017 0
Último treino foi realizado na tarde deste sábado (Foto: Divulgação/Avaí FC)

Último treino foi realizado na tarde deste sábado (Foto: Divulgação/Avaí FC)

O técnico Claudinei Oliveira muda o time do Avaí em duas posições para o jogo contra a Ponte Preta, neste domingo, 19h, em Campinas, pela 30ª rodada da Série A do Brasileiro. Uma será por necessidade e outra por opção. Leandro Silva tomou uma pancada na coxa direita e não treinou neste sábado, mas viajou com a delegação, mas o atleta não deve começar o jogo. Com isso, Maicon treinou entre os titulares e deve começar o jogo. No meio campo, Marquinhos volta ao time titular após a grande atuação de quarta-feira e será o responsável pela criação. Quem não viajou para o interior de São Paulo foi o meia Juan. O atleta sentiu um desconforto no adutor e apesar de ter treinado, o atleta não foi relacionado.

Time pronto

No único treino de posicionamento visando o confronto contra a Macaca, Claudinei Oliveira recebeu a notícia que Leandro Silva precisava ser preservado pela pancada que tomou na coxa e com o acúmulo elevado de “CK”. Com isso, Maicon treinou entre os titulares e foi até o final na formação, indicando que iniciará a partida. O experiente jogador fez seu primeiro jogo com a camisa do Avaí contra o Fluminense, no primeiro turno, no dia 21 de junho, onde foi titular. Naquela partida, o Avaí perdeu por 3 a 0 em casa e Maicon fez um gol contra. A última partida do atleta foi contra a Chapecoense, no dia 27 de agosto, quando entrou no jogo  na vaga de Joel. A outra mudança será no meio campo. Como se imaginava, Marquinhos retorna ao time titular após ter mudado a cara da equipe quando entrou no segundo tempo contra o Botafogo no empate em 1 a 1. A última vez que o “Galego” foi titular, foi no jogo contra o Coritiba, no dia 13 de julho. Com ele no time, Joel inicia no banco de reservas. Sendo assim, o Avaí encara a Ponte Preta com Douglas, Maicon, Betão, Alemão, João Paulo; Judson, Pedro Castro, Marquinhos; Luanzinho, Rômulo, Júnior Dutra; Se não houver nenhuma mudança de última hora, ficam no banco os seguintes atletas; Kozlinski, Aírton, Gustavo, Leandro Silva, Diego Tavares, Capa, Lucas Otávio, Simião, Joel, Willians.

Bom resultado

Na abertura da rodada, um resultado já ajudou o Avaí. O empate entre Vasco e Coritiba em 1 a 1, no Rio de Janeiro, segurou o Coxa que somou apenas um ponto e chegou aos 32. Com a igualdade, o Avaí, para sair do Z-4, precisa vencer a Ponte Preta e torcer para que o Vitória perca seu jogo para o Bahia na Fonte Nova. Se for assim, o Avaí terminaria a rodada na 16ª colocação com 34 pontos.

Tentando esquecer empate em casa, Avaí pode mudar contra a Ponte

20 de outubro de 2017 0
Marquinhos pode ser a principal novidade contra a Ponte (Foto: Marco Fávero/Agência RBS)

Marquinhos pode ser a principal novidade contra a Ponte (Foto: Marco Fávero/Agência RBS)

O grupo do Avaí ainda está tentando digerir o empate contra o Botafogo na última quarta-feira em 1 a 1 na Ressacada. A equipe estava muito próxima de quebrar a sequência sem vitórias na Série A do Brasileiro quando tomou o empate aos 50 minutos da etapa final, complicando ainda mais a luta contra o rebaixamento. Mesmo assim, o grupo não desanima e acredita que pode buscar a recuperação diante da Ponte Preta neste domingo, às 19h, em Campinas.

Galego de volta?

Como o time deu uma resposta positiva no segundo tempo contra o Botafogo com a entrada de Marquinhos, Claudinei Oliveira pode promover o atleta ao time titular, pelo menos foi o indicativo do profissional na coletiva após a partida de quarta-feira. De acordo com ele, o meia se credenciou para esta posição pela atuação contra a equipe da Estrela Solitária. Naquele confronto, o ídolo avaiano entrou na vaga de Joel, e com isso o time ganhou em criação e movimentação. Se confirmar a entrada de Marquinhos para o início do jogo, resta saber se ele fica com a vaga de Joel, que é a tendência, ou se ele pensa em uma outra estratégia para este jogo. O treino que define o time para o confronto, acontece neste sábado, 13h30min, antes da viagem para o interior de São Paulo.

Combinações para sair do Z-4

Apesar do empate contra o Botafogo, dois resultados na conclusão da rodada na quinta-feira, deram a possibilidade do Avaí deixar a zona do rebaixamento nesta rodada. As derrotas de Ponte Preta para o Palmeiras, e a do Vitória para o Atlético/PR. Com isso, o Leão pode sair do Z-4 com uma vitória diante da Ponte, que o Coritiba no máximo empate com o Vasco, fora de casa, no sábado, e que o Vitória seja derrotado pelo Bahia, na Fonte Nova, no domingo. Se isso acontecer, o Avaí terminaria a rodada na 16ª colocação com 34 pontos.

Ouça a entrevista com o zagueiro Betão

Com três mudanças, Avaí está pronto para pegar o Botafogo

17 de outubro de 2017 0
Douglas pede foco para a partida contra o Botafogo (Foto: Janniter de Cordes)

Douglas pede foco para a partida contra o Botafogo (Foto: Janniter de Cordes)

De olho na recuperação na Série A do Campeonato Brasileiro, o Avaí está pronto para encarar o Botafogo nesta quarta-feira, 21h45min, na Ressacada. O time terá três mudanças em relação a formação do jogo contra o Fluminense. Judson e Júnior Dutra voltam de suspensão e Rômulo entra por opção na formação titular. Para sair do Z-4 nesta rodada, o Leão terá que vencer sua partida e torcer para Chapecoense e Ponte Preta perderem seus jogos.

Time pronto

Com o intervalo curto de um jogo para o outro, Claudinei Oliveira definiu o time no treina desta terça-feira no palco da partida. O treinador optou em manter João Paulo na lateral-esquerda e desta forma, Capa permanece no banco. No meio campo, Judson retorna após cumprir suspensão automática na vaga de Lucas Otávio que retorna para a reserva. Ainda neste setor, a mudança que chama atenção. Simião foi sacado do time para a entrada do atacante Rômulo. Com esta alteração, Pedro Castro foi recuado para a segunda função e Luanzinho veio para o meio para ajudar na criação das jogadas. Na frente, Rômulo se junta a Joel e Júnior Dutra, que também volta de suspensão e será titular novamente. Ao longo do treino, Marquinhos entrou no lugar de Pedro Castro e foi até o final da atividade e depois participou de algumas jogadas, mas na parte final do treino, onde Claudinei priorizou a bola parada, Pedro Castro retornou, indicando que será mesmo titular com o ídolo avaiano iniciando no banco. Sendo assim, o Avaí entra em campo com Douglas, Leandro Silva, Betão, Alemão, João Paulo; Judson, Pedro Castro, Luanzinho; Rômulo, Joel, Júnior Dutra. No banco ficam; Kozlinski, Vitor Prada, Aírton, Gustavo, Maicon, Capa, Lucas Otávio, Marquinhos, Simião, Juan, Willians, Maurinho.

Vencer e torcer

Para terminar a rodada fora do Z-4, o Avaí não depende só de suas forças. O time do Sul da Ilha está em 18º lugar com 30 pontos e para terminar a etapa fora da zona do rebaixamento vai precisar vencer o Botafogo e ainda torcedor contra a Chapecoense, que nesta rodada joga fora de casa contra o Atlético/MG, nesta quarta-feira, às 21h, e contra a Ponte Preta, que também joga fora de seus domínios, na quinta-feira, contra o Palmeiras. Se a combinação de resultados der certo, o Avaí ganha duas posições e chega a 16ª colocação com 33 pontos e desta maneira a Chapecoense é que entraria no Z-4 ficando em 17º com 32 e a Ponte, com a mesma pontuação, cairia para a 18ª posição.

Ouça a coletiva do goleiro Douglas

Com mudanças, Avaí busca recuperação diante do Fluminense

15 de outubro de 2017 0
Último treino foi realizado no campo anexo ao Estádio Nílton Santos (Foto: André Palma Ribeiro/Avaí FC)

Último treino foi realizado no campo anexo ao Estádio Nílton Santos (Foto: André Palma Ribeiro/Avaí FC)

O Avaí entra em campo neste domingo, 17h, aqui no Rio de Janeiro, no Maracanã, em busca da recuperação na Série A do Campeonato Brasileiro. Depois de duas derrotas seguidas dentro de casa, o torcedor ficou ainda mais preocupado com o futuro do time na competição, vendo que a permanência na elite está ficando mais complicada. Mas vale lembrar que com uma vitória diante do Tricolor Carioca, o Leão termina a rodada fora do z-4 sem depender dos seus concorrentes diretos. Time para este jogo? As informações você confere aqui no vídeo.

Vitória sobre o Fluminense tira Avaí do Z-4

13 de outubro de 2017 0
Capa caiu de rendimento, mas técnico diz que ele tem crédito (Foto: Frederico Tadeu/AvaíFC)

Capa caiu de rendimento, mas técnico diz que ele tem crédito (Foto: Frederico Tadeu/AvaíFC)

Apesar da derrota para o Vasco por 2 a 1 na última quarta-feira, os resultados paralelos dos adversários na luta contra o rebaixamento ajudaram o Avaí. Com isso, o time do Sul da Ilha depende só de si para terminar a próxima rodada fora do Z-4. Para isso, o Leão terá que vencer o Fluminense no domingo, 17h, no Maracanã.

Só a vitória interessa

O torcedor saiu ainda mais preocupado da Ressacada após o segundo resultado negativo seguido dentro de casa, vendo que a luta para permanecer na Série A ficou ainda mais difícil. Mas se serve como alento, os adversários também perderam e ajudaram o Avaí. As derrotas de Chapecoense, Coritiba, São Paulo, Vitória e os empates de Ponte Preta e Bahia, favoreceram o Leão da Ilha. Neste momento, o Avaí é o 18º colocado com 30 pontos e pode deixar a zona do rebaixamento na próxima rodada com uma vitória sobre o Fluminense, sem precisar das outras combinações. Fazendo os três pontos, a equipe do Sul da Ilha chegaria aos 33 pontos, ultrapassaria o próprio Tricolor Carioca e ainda a Ponte Preta, que já fez o jogo desta rodada, onde no final de semana, perdeu para o Cruzeiro por 2 a 1. Sendo assim, o time de Campinas que soma 32 pontos e não joga, pode terminar a rodada no Z-4. No pior cenário, com uma vitória, o Avaí fecharia a etapa na 16ª colocação com 33 pontos. Mas vale lembrar que esta matemática só vale em caso de vitória. Se o confronto terminar empatado, o Avaí não sai da zona do rebaixamento.

Time com desfalques

Para buscar o resultado positivo contra o Fluminense, o técnico Claudinei Oliveira tem problemas para escalar o time. Ele perdeu quatro atletas para este jogo, sendo dois titulares; Judson e Júnior Dutra, ambos suspensos pelo terceiro amarelo. Ele ainda perdeu Lourenço (3ºamarelo) e Willians (Expulso contra o Vasco). Para definir os substitutos, o técnico fará praticamente um treino e este já no Rio de Janeiro na tarde deste sábado. O que pode fazer o treinador? No lugar de Judson, ele pode colocar Lucas Otávio, que é da posição. Outra possibilidade é recuar Simião e Pedro Castro e colocar Marquinhos na equipe. Na frente, com a ausência de Júnior Dutra, Rômulo pode ter uma oportunidade.

Alemão; "Não houve excesso de confiança"

04 de outubro de 2017 0
Zagueiro quer foco para buscar a reabilitação (Foto: André Palma Ribeiro/Avaí FC)

Zagueiro quer foco para buscar a reabilitação (Foto: André Palma Ribeiro/Avaí FC)

Depois de dois dias de folga, o grupo do Avaí voltou aos trabalhos na tarde desta quarta-feira no Estádio da Ressacada. O foco agora, é buscar a recuperação contra o Vasco na quarta da semana que vem, dentro de casa, já que a derrota para o Atlético/GO por 2 a 0 no último domingo, levou o time do Sul da Ilha de volta para o Z-4. Todos ainda tentam entender o baixo rendimento naquele jogo, mas o zagueiro Alemão fez questão de deixar claro que não houve excesso de confiança diante do lanterna do campeonato.

Jogo atípico

O torcedor foi para a Ressacada para ver o Avaí fazer mais um bom jogo e superar o último colocado da competição, mas desde do início, o Leão da ilha encontrou dificuldades e não conseguiu reagir na partida e perdeu o jogo por 2 a 0. Alemão disse que foi um jogo atípico e que isso não pode e nem vai se repetir e que agora é focar no jogo contra o Vasco para buscar o resultado que tire o time do zona do rebaixamento. Ao ser questionado se houve excesso de confiança, o zagueiro negou; “Acho que não. Excesso de confiança não. Nossa equipe vinha de boas atuações, vinha com o pé no chão. Nossa equipe sabe que é limitada, sabe que não tem um jogador ou outro que vai decidir a partida, pois quem decide a partida é nosso grupo, independente de quem jogue ou não, basta ver o nosso banco de reservas, todo mundo vibrando, pois quem entra sabe o que tem que fazer. Então, excesso de confiança não foi”, relatou Alemão. O zagueiro ainda disse que o jogo de domingo foi um dos piores jogos que a equipe fez no ano, mas que no momento não dá para dizer que está tudo errado, e que agora é corrigir os erros e buscar a vitória contra o Vasco. O Leão da Ilha é o 18º colocado com 30 pontos, ficando a um ponto do 16º , que é o Fluminense.

Garotada eliminada

Pela Copa do Brasil Sub-17, o Avaí foi eliminado na tarde desta quarta-feira. No jogo de volta da primeira fase da competição, os garotos do Leão perderam para o Vasco, no Rio de Janeiro, por 2 a 1. João Pedro e Léo Mello marcaram para o Vasco e Luan Silva para o Avaí. No jogo de ida, os times empataram em 1 a 1 no Estádio da Ressacada. O Vasco segue na competição e vai encarar o Sport/PE, que nesta quarta derrotou o Vila Nova/GO por 2 a 1 e também avançou para as oitavas-de-final do torneio.

Ouça a coletiva do zagueiro Alemão

Direção já abriu conversas para contar com atacante

03 de outubro de 2017 0
Júnior Dutra é o artilheiro do Avaí em 2017 (Foto: André Palma Ribeiro/Avaí FC)

Júnior Dutra é o artilheiro do Avaí em 2017 (Foto: André Palma Ribeiro/Avaí FC)

Antes mesmo da notícia  de que o Corinthians teria o interesse no atacante Júnior Dutra para a temporada 2018, informação que foi publicada pelo Globoesporte, de São Paulo, a diretoria do Avaí já abriu conversas com os representantes do artilheiro do Avaí na temporada. A ideia da direção do Leão da ilha é de contar com o jogador ano que vem, mas precisa acertar a renovação, já que o contrato com o clube termina no final desta temporada.

De olho no atacante

Artilheiro do Avaí na temporada com 13 gols, Júnior Dutra chegou na Ressacada na segunda quinzena de janeiro, depois que ele rescindiu com o Vasco da Gama. Apesar disso, o atleta de 29 anos, não assumiu a titularidade da equipe, já que Denílson e Romulo estavam bem dentro do esquema do técnico Claudinei Oliveira. Aos poucos o jogador foi ganhando espaço, fazendo gols decisivos e caindo nas graças do torcedor e hoje o atleta é unanimidade na equipe. Com esse desempenho, Júnior Dutra assumiu a artilharia da equipe na Série A com seis gols e na temporada também, despertando o interesse de outros clubes, como o Corinthians, por exemplo. De acordo com a publicação do Globoesporte.com, a diretoria vê com bom olhos o atacante para ser o reserva de Jô e até mesmo fazer uma boa sombra para o jogador. A diretoria do time paulista não tem a intenção de fazer grandes investimentos para 2018 e desta forma o atacante do Leão entraria nesse perfil, de um jogador barato, mas com experiência no futebol brasileiro e até mesmo no exterior. Independente disso, a diretoria do Avaí já abriu conversas com os representantes de Júnior Dutra. O Presidente do Avaí, Francisco Battistotti, já teve um papo inicial com os pais do atleta, que são os seus representantes, demonstrando o interesse de contar com ele para a próxima a temporada. Pelo que apurei, as conversas seguem abertas, mas o Avaí não vai fugir do seu planejamento financeiro, ou seja, não dará o passo maior que a perna. Caso o Corinthians faça uma proposta alta pelo o atleta para o ano que vem, dificilmente o Avaí vai conseguir segurar o atacante.

Primeiro a permanência

Pelo lado do atleta, a assessoria do jogador em contato com os pais do atacante, Sueli e Sérgio, seus representantes, informa que neste momento Júnior Dutra está focado em deixar o Avaí na Série A do Brasileiro e que não houve contato de nenhum clube pelo jogador e que o assunto sobre negócios só será tratado após o encerramento do Brasileirão.

Com Douglas liberado, Claudinei repete o time contra o Dragão

30 de setembro de 2017 0
Treino deste sábado foi de baixo de muita chuva (Foto: Janniter de Cordes)

Treino deste sábado foi de baixo de muita chuva (Foto: Janniter de Cordes)

O goleiro Douglas está confirmado para o jogo deste domingo contra o Atlético/GO, 16h, na Ressacada, pela 26ª rodada da Série A do Campeonato Brasileiro. O atleta não participou do coletivo de sexta-feira, já que ele sentia a região lombar, mas neste sábado trabalhou normalmente com os demais atletas sob forte chuva, onde Claudinei Oliveira fez um trabalho técnico-tático com a escalação que o torcedor tem na ponta da língua.

Time pronto

Apesar do técnico Claudinei Oliveira ter dito na coletiva de sexta-feira que Douglas foi apenas preservado, ficou a expectativa se ele iria participar do treino deste sábado. Quando os atletas foram para o campo, quando chovia muito, Douglas apareceu, trazendo tranquilidade para o torcedor do Leão. O goleiro foi para os trabalhos com o preparador André Croda, não sentiu e depois foi para o trabalho com Claudinei Oliveira. Na atividade, o treinador trabalhou primeiro a bola defensiva e na sequência foi para um treino de jogadas ofensivas com o mesmo time que iniciou o confronto contra o Flamengo, confirmando a equipe para este jogo onde o Avaí tem como objetivo de se distanciar do Z-4. A equipe que entra em campo contra o Atlético/GO terá a seguinte formação; Douglas, Leandro Silva, Betão, Alemão, Capa; Judson, Simião, Pedro Castro; Juan, Joel, Júnior Dutra. Também foram relacionados; Kozlinski, Vitor Prada, Aírton, Gustavo, Diego Tavares, João Paulo, Lucas Otávio, Marquinhos, Luanzinho, Willians, Rômulo e Lourenço.

Com dor na lombar, goleiro não participa do treino coletivo

29 de setembro de 2017 0
Marquinhos não escapou das brincadeiras dos companheiros (Foto: Janniter de Cordes)

Marquinhos não escapou das brincadeiras dos companheiros (Foto: Janniter de Cordes)

No primeiro treino coletivo da semana do Avaí, realizado na manhã desta sexta-feira, o goleiro Douglas foi poupado pela comissão técnica. O atleta do Leão sentiu dor na região lombar e por isso fez trabalhos específicos com o preparador de goleiros do clube, André Croda. Apesar disso, o arqueiro não deve ser problema para o jogo contra o Atlético/GO, no domingo, 16h, na Ressacada. Com a ausência de Douglas, que treinou entre os titulares foi o goleiros Vítor, já que Koslinski, com dor nas costas, também foi preservado da atividade. A equipe será confirmada no treino deste sábado, às 10h.

Incômodo 

Na semana passada, antes do jogo contra o Flamengo, Douglas já tinha levado uma pancada na região lombar durante o treino, mas conseguiu se recuperar e foi para o jogo contra o Flamengo. Mas ao longo da partida, o goleiro caiu de mau jeito e voltou a sentir dor no local, o que causou incômodo ao atleta durante o jogo. Nesta semana, Douglas participou de alguns treinos normalmente, mas na quinta-feira não treinou com os demais atletas do grupo, já que ficou trabalhando separado com André Croda. Ainda por causa disso, ele foi preservado do coletivo desta sexta-feira, mas de acordo com o técnico Claudinei Oliveira, no sábado, ele já deve trabalhar normalmente visando o jogo de domingo. Já o goleiro Kozlinski, sentiu uma forte dor nas costas no treino de quarta-feira, e saiu do trabalho. Na quinta passou por exames e o resultado não apontou lesão, mas precisou de um trabalho mais leve e por isso também não ficou apto para o coletivo desta sexta-feira. Com isso, o terceiro goleiro, Vitor Prada, foi quem treinou entre os titulares. Nas demais posições, nenhuma surpresa, ou seja, o mesmo time que iniciou a partida de sábado. A equipe titular treinou aproximadamente 30 minutos com Vitor, Leandro Silva, Betão, Alemão, Capa; Judson, Simião, Pedro Castro; Juan, Joel, Júnior Dutra.

Aniversariantes

Dois nomes importantes do grupo completaram mais um ano de vida nesta sexta-feira. O técnico Claudinei Oliveira, completa 48 anos de idade e na entrevista coletiva disse que estava muito feliz por passar mais um aniversário no comando técnico do Leão da Ilha. O outro profissional de aniversário no clube é o ídolo da torcida. O meia Marquinhos comemora 36 anos de idade e mesmo com toda a liderança no grupo, o Galego não escapou das tradicionais ovadas com farinha que levou dos companheiros. O meia chegou a pegar no pé do comandante do Leão; “O Claudinei, só eu não. Você também tem que levar”, disse em tom de brincadeira o meia. Apesar disso, o treinador passou ileso da brincadeira dos atletas.

Ouça a coletiva do técnico Claudinei Oliveira