Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Sônia Hess de Souza: pensamentos e atitudes de uma das executivas mais poderosas do país

14 de dezembro de 2013 0

Sonia

Aqui trecho da entrevista que fiz em 2007 com a presidente da Dudalina, a catarinense Sônia Hess de Souza, uma das mulheres mais comentadas no Brasil neste final de semana, por conta da venda da famosa indústria de camisas. A essência da executiva é a mesma!

Quando você nasceu a Dudalina já era uma empresa forte?

Não, eu nasci em 1955, a empresa em 1957, era uma empresa muito pequena, lá em Luís Alves. Minha mãe (Adelina Hess de Souza), começou com tecidos que sobravam da venda do pai (Francisco), ele era poeta, minha mãe era a empreendedora, demorou um pouco para ela crescer.

O maior desafio em comandar a maior indústria exportadora de camisas do Brasil?

Tem que ter uma super equipe. O grande diferencial são as pessoas.

Acorda a que horas?

Normalmente às 5h30, 5h45, faço ioga, tomo banho, vou pra fábrica, normalmente acendo a luz do escritório. Quando não faço ioga chego ao trabalho às 6h30.

Como você consegue fazer tanta coisa, tem receita para administrar também o tempo?

Tem que ter receita. Hoje em dia a internet é um facilitador e ao mesmo tempo complicador porque você fica ligado o dia inteiro. Meu marido está fazendo um empreendimento em Campinas, aos domingos ele vai pra lá, e eu venho para Blumenau, a gente se vê de segunda a sábado. Gosto de cozinhar, receber e sair com os amigos. Tudo que eu faço é com muito amor, talvez a diferença seja isso.

Sônia Hess fechando 2013 com um dos maiores negócios do ano no país

Sônia Hess fechando 2013 com um dos maiores negócios do ano no país

Eu li que você tem a capacidade de sonhar “sonhos prontos”, como é isso?

Se eu tenho um desafio, eu imagino ele pronto, não sofro pra fazer, procuro os caminhos mais fáceis, as pessoas que vão participar disso. Eu imagino uma coisa e já vejo aquilo pronto.

Uma dica para mulheres de negócios:

Pensem como homens e ajam como mulheres. O homem é muito racional, muito objetivo, nós sempre somos mais intuitivas, a gente consegue pensar mil coisas ao mesmo tempo. E usamos o coração.

Lema de vida:

Eu acho que é ser feliz, mas também tornar as pessoas que trabalham e convivem comigo felizes, todas as pessoas.

Comments

comments

Envie seu Comentário