Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Réveillon em casa

02 de janeiro de 2015 0

Após ter perdido minha mãe há apenas 20 dias no Réveillon eu não tinha de onde tirar alegria pra comemorar nada. Mas sempre tem aquela amiga que abre mão de tudo e vem ao encontro da gente.  Pela primeira vez assei o lombinho, queimei, salguei demais, mas acabei acertando. A ceia foi salva mesmo pela cozinheira da Ângela Prazeres e pela própria que providenciou as frutas e outras delícias. Ceia quase franciscana, com mais uma convidada, a russa Olga, e minha Lua como anfitriã também e a saudade da mãe no peito.  As amizades são um tesouro precioso. Convites não faltaram, mas se eu já gostava de reunir amigos em casa na data, agora mesmo…

Ângela Prazeres, chiquérrima na cozinha

Ângela Prazeres, chiquérrima na cozinha

Fotos: juliana Wosgraus

Fotos: juliana Wosgraus

E ela conseguiu me fezer sorrir... Foto: Ângela Prazeres

E ela conseguiu me fazer sorrir… Foto: Ângela Prazeres

Um patuá especial também preparado pela produtora de eventos culturais

Um patuá especial também preparado pela produtora de eventos culturais Foto: Juliana Wosgrraus

Comments

comments

Envie seu Comentário