Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Fabricante gaúcha recolhe lotes de queijo parmesão ralado

09 de setembro de 2016 20

queijo 2
Publicada no Diário Oficial da União resolução da Agência Nacional de Vigilância Sanitária proibindo distribuição e venda de lotes de queijo parmesão ralado de fabricante gaúcho. O alimento é produzido pela Parmíssimo Alimentos, com fábrica em Viamão.

Segundo a Anvisa, a empresa encaminhou no dia 23 de agosto comunicado para recolhimento voluntário destes lotes. No documento, a Parmíssimo informou “impossibilidade de garantir a total qualidade e inocuidade de determinados lotes do produto QUEIJO PARMESÃO RALADO marca PARMÍSSIMO”.

Lotes informados:

08/02/16, 09/02/16, 15/03/16, 16/03/16, 17/03/16, 20/04/16, 22/04/16,
23/04/16, 25/04/16, 26/04/16, 18/05/16, 19/05/16, 20/05/16, 17/06/16,
18/06/16, 20/06/16, 15/07/16, 16/07/16, 18/07/16, 05/08/16, 06/08/16
e 08/08/16, data de validade: 8 meses, do produto QUEIJO PARMESÃO
RALADO, marca PARMÍSSIMO, em pacotes de 50g, 100g,
500g e 5000g, fabricado pela empresa PARMÍSSIMO ALIMENTOS
LTDA, CNPJ: 93.647.881/0001-18, situada à Estrada Candido Pinheiro
Barcelos, 1055 – Distrito Industrial Alvorada, Viamão /RS.

Abaixo, o comunicado no site da empresa. Não detalha o motivo do recolhimento, mas informa telefone para contato e devolução.

Entramos em contato com a fábrica, mas informam que só o engenheiro de alimentos poderia dizer qual o problema no produto e o profissional ainda não estaria na empresa.

 

Imagem: Reprodução site.

Imagem: Reprodução site.

 

Leia mais sobre alimentos recolhidos:

Proibida venda de lote de geleia produzida no Rio Grande do Sul com larva, fungo e pelo de roedor

Proibida venda de lotes de cinco marcas de molho e extrato de tomate com pelo de roedor acima do limite

Proibido lote de extrato de tomate Heinz com pelo de roedor

===

Siga o @ladonatureba no Twitter.

Comentários (20)

  • Gustavo diz: 9 de setembro de 2016

    E dos mais caros ainda… porcaria.
    Casca de queijo ralada.

  • andré diz: 9 de setembro de 2016

    Há um erro na informação da página da empresa: o mencionado pacote de 5000kg (ou 5 toneladas) é na verdade o pacote de 5kg ou 5000g.

  • Régis diz: 9 de setembro de 2016

    E ainda cobram 84,90 o kg dessa porcaria refugo de queijo…

  • Ali diz: 9 de setembro de 2016

    Eles cobram caro justamente para avisar quando algo dá errado, vcs tem preguiça de pensar? Ô ignorância.
    Os outros fabricantes podem literalmente c@g@r se algo de errado e ninguém fala nada, justamente por causa deste tipo de comentário. Vcs merecem o que comem.
    Não era consumidor dessa marca por causa do preço, mas acabaram de ganhar um cliente com esta atitude.

  • HC diz: 9 de setembro de 2016

    só avisou porque a casa caiu!

  • Juliana de Paula diz: 9 de setembro de 2016

    De uns meses para cá todos os pacotes que comprávamos vinha com bolor e mofo. Um horror!

  • Diego Mendes diz: 9 de setembro de 2016

    Ali é a unica pessoa inteligente aqui kkkk
    Juliana, bolor ou mofo é culpa do supermercado.

  • Marcelo Oliveira diz: 9 de setembro de 2016

    Eles tem o DEVER de informar qual o problema, inadimissível

  • Eduardo Petry diz: 9 de setembro de 2016

    Paguei R$16,00 o kg do parmesão ralado em Rio Branco, na divisa com Jaguarão. Viva os free shops… kkkkkk

  • Kika diz: 9 de setembro de 2016

    Comprei um pacote desse queijo, não lembro a quantidade. Aparentemente, estava normal, mas quando coloquei na comida e tentei comer não consegui.
    Não sabia qual era o problema, achei que não estava diretamente relacionado ao queijo. Um ou dois dias depois, entretanto, quando novamente tentei usar, o produto que havia sobrado no pacote já estava mofado – embora armazenado em local adequado.
    Acho interessante o alerta da empresa, contudo, acredito que o motivo da devolução deveria ser informado.

  • Luis Cesar Bonin diz: 9 de setembro de 2016

    E as demais marcas fabricadas pelas empresa ?
    A marca PARMÉZZO, fabricadas por eles, e um produto com mistura de outros vários tipos de queijo. Duvido que não utilizem também os lotes com problemas.
    Mas não aparecem como problemáticos.
    Liguei e o atendente não sabia explicar.

    PROBLEMA GERAL NOS PRODUTOS E NÃO TÃO SOMENTE AO INFORMADO…. E MUITO MAL INFORMADO….TEMOS O DIREITO DE SABER QUAL O PROBLEMA E EM QUAIS PRODUTOS.

  • Queijo diz: 9 de setembro de 2016

    É um ótimo queijo o que a Parmíssimo oferece, problemas acontecem em qualquer lugar. Basta ter um produto para que ele possa apresentar problemas, atualmente a internet é usada de forma errônea, as pessoas não perdem a oportunidade de ser acéfalos. Estão cansados de comer salsicha e reclamam da primeira coisa que aparece na mídia. Povo mais alienado!

  • ROGÉRIO diz: 9 de setembro de 2016

    Tive oportunidade de visitar a fábrica deles, parece um laboratório de tão limpo, se fosse outra empresa nem avisaria os consumidores, sou fã da Parmíssimo, além de ser o melhor queijo do mercado… anos luz na frente dos outros…

  • Fabio Belau diz: 9 de setembro de 2016

    Sim, sim…demorou, comprei 2 vezes com mesmo problema, 1 vez reclamei mas na outra desisti, parei de comorar, estes lotes de queijo tem gosto de plástico ou algum produto químico ….nunca mais compro !!!

  • Gustavo diz: 9 de setembro de 2016

    Ali: obrigado por iluminar este espaço com tamanha sabedoria.

    E queijo: que fixação é essa? Estamos falando de queijo, não de salsicha. Freud explica.

  • João Francisco diz: 9 de setembro de 2016

    Empresa que oferece seus produtos com alta qualidade e comprometimento social, sou cliente e vou continuar!

  • Queijo diz: 9 de setembro de 2016

    Pow Gustavo, depois dizem que gaúcho é viado e não é à toa!

    Salsicha te lembrou algo?

    Cada um gera sua própria imaginação. Cuidado quando comer salsicha, até porquê ela vai entra pela tua boca! #ficadica

  • Bagual Véio diz: 9 de setembro de 2016

    São verdadeiras pérolas da burrice nos comentários criticando a empresa que detectou um problema e está agindo em favor do consumidor se dispondo a recolher o produto irregular. Pra quem não leu (ou teve preguiça de ler) a notícia, a empresa encaminhou à ANVISA comunicado de recolhimento voluntário, então não tem essa de “só avisou por que casa caiu”. Se mais empresas aqui no Brasil tivessem esta mesma conduta certamente VOCÊ que está reclamando não comeria tanta porcaria ou ao menos comeria sem ser enganado afinal gosto é gosto.

  • Bagual Véio diz: 9 de setembro de 2016

    São verdadeiras pérolas nos comentários criticando a empresa que detectou um problema e está agindo em favor do consumidor se dispondo a recolher o produto irregular. Pra quem não leu (ou teve preguiça de ler) a notícia, a empresa encaminhou à ANVISA comunicado de recolhimento voluntário, então não tem essa de “só avisou por que casa caiu”. Se mais empresas aqui no Brasil tivessem esta mesma conduta certamente VOCÊ que está reclamando não comeria tanta porcaria ou ao menos comeria sem ser enganado afinal gosto é gosto.

  • Leonardo rocha diz: 9 de setembro de 2016

    Duvido que esta pessoa que esta respondendo as opinioes dos leitores seja em nome da marca… duvido tambem que crusou por alguma educaçao #mobrau. Queijo parmesão so se for por peça.. ralado em pacotes é fria…

Envie seu Comentário