Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

"Melhor dar enlatada do que não dar sardinha para seu filho", esclarece pediatra sobre polêmica

12 de setembro de 2016 1
Foto: stock.xchng / Divulgação.

Foto: stock.xchng / Divulgação.

 

 

Por Giane Guerra

Este post publicado no blog Lado Natureba rendeu uma super polêmica:

Pediatra indica dar sardinha já na introdução alimentar do bebê

Tanto que o pediatra Flávio Melo fez um live no Facebook para esclarecer dúvidas dos leitores. Recomendo fortemente que assistam:

 

 

Mas resumindo:

- Melhor das sardinha em lata do que não dar!

Uma das vantagens: a sardinha é um peixe barato. Uma proteína acessível para famílias com menor poder aquisitivo e que têm dificuldade de comprar outras carnes.

É o peixe mais comprado no País. Quilo encontrado por até R$ 7.

A sardinha é rica em ômega 3 com DHA, uma gordura boa essencial para o desenvolvimento do cérebro do bebê. Uma lata de sardinha tem o equivalente a cerca de quatro cápsulas de ômega 3.

O ideal, é claro, é comprar a sardinha fresca. Mas para quem não consegue, a enlatada é sim uma opção, defende o pediatra. Mesmo para bebês.

- Os estudos mostram que o risco é baixo e os benefícios são incontestáveis. Há evidências científicas disso.

 

Acha que tem muito sódio?

Uma lata de sardinha tem 94 miligramas.

Em 100 gramas de bolacha cream cracker, tem 900 miligramas de sódio!

A massa do macarrão instantâneo tem mais de 1.000 miligramas! Sem considerar o tempero.

 

Alguns tópicos defendidos pelo pediatra:

* Comer sardinha já na gravidez.

* Preferir sardinha conservada em azeite de oliva. Se for em óleo de soja, Flávio Melo sugere descartar o líquido.

* Não comprar sardinha em molho de tomate.

* Sardinha é mais indicada do que atum, que tem mais risco de contaminação de metais pesados. Quanto maior o peixe, mais chance de acumular metal.

* Peixe tem que entrar na introdução alimentar desde o 6º mês do bebê.

Leitores pediram receita para cozinhar sardinha fresca. O pessoal do Tá na Hora do Papá nos autorizou a reproduzir esta receita abaixo.

Pode ser adaptada, tirar alguns ingredientes e/ou acrescentar outros. Mas já dá uma boa ideia de tempo e alternativas de cozimento.

 

Escabeche de sardinha na panela de pressão

Ingredientes

- 2 quilos de sardinha limpa sem a cabeça (tempere com sal, pimenta preta e 1 limão)

- 5 tomates grandes cortados em rodelas

- 2 cebolas grandes cortadas em rodelas

- 1 pimentão vermelho e 1 amarelo cortados em rodelas (de preferência orgânicos – pimentões são campeões de agrotóxicos)

- 3 dentes de alho cortado em rodelinha finas

- 1 copo de óleo de girassol ou azeite

- 1 copo de vinagre

- 1 xícara de suco de limão

 

Modo de fazer

1 – Em uma panela de pressão, faça camadas de cebola, tomates, pimentões, sardinha e as rodelinhas de alho, novamente cebola, tomate, sardinha e alho. Vão dar 2 ou 3 camadas, dependendo do tamanho da sardinha.

2 – Termine com uma camada de cebola, tomate e pimentão. Misture em uma vasilha o azeite, o vinagre e o suco de limão, 1 pitada de sal e jogue por cima, tampe a panela e leve ao fogo.

3 – Quando pegar pressão, ou seja, começar a fazer o barulhinho da válvula de pressão, marque no relógio 50 minutos.

4 – Após este tempo, desligue o fogo e deixe descansar.

Leia mais:

Comida de criança

Alimentação infantil – E quando a gente começou errado?

Restaurantes precisam caprichar mais no menu kids

Kinder Ovo está proibido e McLanche teve que mudar pela saúde das crianças do Chile

Dá pra ver na televisão que é gostoso! – diz menina em pesquisa sobre publicidade de alimentos

Criança brasileira come muito biscoito recheado, macarrão instantâneo e bebida adoçada

Criança saudável – O que fazer quando o amigo do filho só come guloseimas

Quatro alimentos essenciais na papinha dos bebês

Bela Gil responde perguntas sobre introdução alimentar infantil

Alimentação infantil – arroz e feijão não são suficientes

===

Siga o @ladonatureba no Twitter.

Comentários (1)

  • JAntonio diz: 12 de setembro de 2016

    Sugestões, para contribuir:
    - Se a sardinha é em óleo vegetal, escorra bem antes de servir.
    - Para retirar o excesso de sal/sódio, passe um pouco de água a temperatura ambiente ou levemente morna.

Envie seu Comentário