Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Dez industrializados para comer e oferecer para crianças sem preocupação

17 de novembro de 2016 3

Por Giane Guerra

 

Nutricionista infantil, Fabíola Frezza Andriola encarou um desafio: achar industrializados do bem. Alertamos sempre para que os leitores tenham cuidado com os industrializados.

Mas nem todos são ruins. Até porque mesmo o arroz e a farinha passam por processos industriais.

É ruim aquele que é muito processado, que tem muito sódio, açúcar e aditivos químicos. Mas as indústrias têm se conscientizado e criado opções bacanas.

Olha aqui:

Industrializado X Processado – Quem realmente é vilão?

Entenda a escala de alimentos – Do in natura até o ultraprocessado

 

E a nutri parceria do blog Lado Natureba resolveu encontrá-los e divide alguns com a gente. E acrescentamos mais dois lá no fim  da lista. Olha só:

 

Industrializado #1 

 

ind1

 

Quem não adora biscoito de polvilho? E as crianças, então! A maioria das marcas usa gordura vegetal, que pode ser a terrível gordura trans. A mais prejudicial para organismo.

Algumas marcas até usam óleo vegetal, mas não dizem qual. Pode, então, ser azeite de oliva. Mas também pode ser óleo de soja.

Esse biscoito de polvilho da marca DaColônia tem óleo de coco como fonte de gordura. Tem pouco sódio e não tem conservantes! Olhem ali a lista de ingredientes.

 

===================

Industrializado #2

 

ind2

 

Pessoal, muito cuidado com os pães! Muitos não são realmente integrais. Aliás, até pense em comprar uma máquina de pão para fazer em casa.

Mas há algumas boas opções no mercado. A nutricionista Fabíola só acha que oferecer pão para crianças com menos de um ano é desnecessário.

O principal deste pão Secale é que o primeiro ingrediente é farinha de trigo integral. Ou seja, nada de farinha enriquecida com mil coisas artificiais.

Tem ainda ingredientes orgânicos, tem grãos que naturalmente acrescentam fibras, não têm conservantes…

 

==================

Industrializado #3

 

ind3

 

Esse arroz da Volkmann é bem gostoso. Bom para comer puro, no risoto, no carreteiro…

É integral e é orgânico. Dois fatores importantes.

Mas a nutri observa ainda que é de cultivo biodinâmico.

- Ou seja, respeita os processos que naturalmente acontecem no solo, nas plantas, nos animais.

 

=================

Industrializado #4

 

ind4

 

Muito cuidado com geleias. Costumam ser cheias de açúcar, conservantes e aromatizantes. Arrebentam com qualquer paladar.

Mas a nutricionista Fabíola Andriola encontrou esta no mercado, da Queensberry. O primeiro ingrediente, vejam só, é morango! Ou seja, não é açúcar! Que, aliás, nem aparece na lista de ingredientes. E não tem corantes.

 

====================

Industrializado #5

 

ind5

 

 

É meio difícil encontrar salgadinhos saudáveis. Acabo ficando na castanha.

Mas essa é uma opção. É o Crunch Couve, da Banana Brasil. Tem farinha de arroz e nada de conservantes.

- Um biscoito de couve, sementinhas e sal marinho! – ressalta a nutri.

 

=====================

Industrializado #6

 

ind6

 

Barrinha de cereal é um problema. A maioria que tem à venda é cheia de açúcar. Bem para enganar os desavisados.

Essa barrinha Love, de Chia, é ótima. Só tem três ingredientes: tâmara, castanha do Pará e chia.

Mas não oferece para bebês antes de um ano… Invista nas frutas.

 

======================

Industrializado #7

 

ind7

 

Essa é uma opção de frutas seca (desidratada). Uma boa opção de doce, sem açúcar e sem conservantes. Banana e deu! Também é um produto da marca DaColônia.

- Por exemplo, em um almoço de família onde todos vão comer um doce bem doce e que realmente você não gostaria de oferecer ao seu bebê. 

 

======================

Industrializado #8

 

ind8

 

Mais uma opção de lanche. É snack de fruta liofilizada, da Primea.

- É tipo aquelas maçãs secas que usamos para fazer chá. Mas esse processo deixa a fruta extremamente crocante e com sabor muito concentrado. Uma delícia. – conta Fabíola.

 

===================

Industrializado #9 

 

ind81

ind82

 

Biscoitos de arroz são uma opção bacana. Até mesmo para mães com bebês com alergia à proteína do leite (APLV).

Esta é da marca Dia, vendida nesta rede de supermercados. É com arroz integral e sal. Só!

 

========================

Industrializado #10

 

ind91ind92

Comentários (3)

  • Roberto Monteiro diz: 17 de novembro de 2016

    “Ou seja, nada de farinha enriquecida com mil coisas artificiais.” Apenas um detalhe: farinha de trigo com enriquecimento de ferro e ácido fólico é obrigação legal. Se não contiver estes suplemento a Anvisa pode retirar do mercado.
    E tem mais: recomendo a esta senhora ou senhorita que se mude para o fim do mundo ou um lugar onde menos haja poluição ambiental. Do contrário, de nada adiantará comer 100% de orgânicos integrais. Basta respirar o ar de Porto Alegre e se foi a dieta da nutricionista e de seus clientes paranoicos. Daqui a 50 anos vamos comparar os veganos, comedores orgânicos e nós, comedores de carne e algumas porcarias.

  • Daniela diz: 17 de novembro de 2016

    Muito bom, informações muito úteis para quem busca opções mais saudáveis, mas não tem tempo de preparar tudo em casa.
    Roberto, tira esta amargura do coração, isso mata mais que poluição!

  • Anderson diz: 18 de novembro de 2016

    Os paes da Secale, as barras de cereais da Hart’s e o arroz Volkmann ja fazem parte aqui das opcoes. Muitos boas mesmo.

Envie seu Comentário