Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Os cortes de cabelo masculino que estão em alta

01 de dezembro de 2013 0

TEXTOS E PRODUÇÃO ANAH FERRAZ
anahferraz@gmail.com

FOTOS LÍVIA STUMPF
livia.stumpf@diariogaucho.com.br

 

neymar

Versatilidade é a palavra de ordem para os cortes de cabelo masculino. Ter possibilidade de variar o visual é uma tendência, assim como inovar com fios desconectados. Fica bem tanto para os cabelos curtos quanto os médios, longos e até como solução para disfarçar a calvície, explica o hair stylist Marnem Silon que, recentemente, participou do Hair Brasil Fashion, em São Paulo. Ele lembra que a variação de estilos num mesmo corte e também a necessidade de mudar a aparência por intermédio dos cabelos vêm sendo cada vez mais solicitadas por eles.

– O hábito de manter sempre o mesmo corte já não é mais tão comum depois das inúmeras variações do craque Neymar, que serve de inspiração para muitos homens – destaca o expert. Conheça outras tendências em alta que estão fazendo a cabeça deles.

cab1

Novidade – As laterais não estão mais tão curtas, com fios raspados no estilo militar. A tendência, nos cortes curtos e médios, é que tenham um pouco mais de volume. Assim, é possível deixar o topo da cabeça com fios longos e mudar a forma de pentear, variando do clássico ao moderno.

cab2

Sempre em alta – Mesmo com fios mais crescidos nas laterais, o padrão repicado com fios desconectados no alto da cabeça, com ou sem topete, também é versátil. Escabelado, faz o melhor estilo fashion. Já com gel, ganha um ar comportado ou sério.

cab3

Solução e praticidade – Raspar a cabeça continua sendo uma solução prática para muitos homens, principalmente quando não dá mais para esconder a careca. O início da calvície, no entanto, pode ser disfarçado com fios mais curtos onde há mais cabelo e mais longos e repicados onde há escassez para equilibrar a desproporção.

ninho

No capricho – Os cabelos longos também estão desconectados, daquele jeito dos hermanos argentinos. Também podem ser retos, mas sempre devem ser bem tratados para manter uma aparência saudável. Vale usar rabo e até trança! Os mais jovens e modernos também têm a opção do estilo rastafári, como Ninho (Juliano Cazarré) usava em Amor à Vida. 

 

CRÉDITOS
Modelos: Matheus Tura (Bravo Model, Benjamin Constant, 1440, telefone 3084-0644), Gilson Langbecker (Joy Model, Félix da Cunha, 768/307, telefone 3312-5672)
Produção de beleza: Marnem Silon (Kabeças Coiffeur, Getúlio Vargas, 191, telefone 3224-8681)

Envie seu Comentário