Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Posts com a tag "Bem-estar"

Oito dicas para driblar a comilança de final de ano

21 de dezembro de 2013 0

ceia

Se tem uma época de comilança forte, é o final de ano. ceia de Natal, de Ano-Novo, churrascos com amigos… É muita coisa! O Vigilantes do Peso preparou oito dicas para driblar as tentações.

1. Coma normalmente nos dias de festa
Tome um café da manhã nutritivo e leve (pão integral com queijo magro ou omelete de claras). Na hora do almoço, não se esqueça das proteínas, para manter seu corpo abastecido. Se você ficar guardando a fome para mais tarde, quando finalmente for comer, vai acabar cedendo às piores tentações (e exagerando na quantidade).

2. Invista na carne branca
O peru é um grande aliado na sua meta de se manter comedido, já que, em comparação com a carne vermelha, tem 30% a 40% de gorduras a menos e 15% menos calorias. Só não se esqueça de tirar a pele da ave (por mais dourada e crocante que esteja!), pois é onde se concentra a maior parte da gordura.

3. Beba muita água
Se vai à festa à noite, ao longo de todo o dia você deve dar especial atenção à ingestão de líquidos. Quando estamos bem hidratados, pensamos com mais clareza e, assim, tomamos melhores decisões quanto a nossa alimentação.

4. Eleja seu preferido
Pense nos pratos que sempre são servidos nesse tipo de festa e escolha aquele que mais dá água na boca (tem sempre algum em especial pelo qual ansiamos durante todo o ano). Permita-se! Desde que em uma quantidade razoável, não tem problema. Assim você corre menos risco de atacar as sobras do jantar depois que todo mundo for embora. É uma ocasião especial, e você merece. Só tome cuidado para não exagerar.

5. Comece pela salada
Só depois de uma leve entrada você deve pegar seu pedaço do peru e os devidos acompanhamentos (os mais saudáveis). Ao fim da refeição, é bem provável que você já nem aguente comer a tão temida sobremesa.

6. Continue se exercitando
Vai bater aquela pontada de culpa se você aproveitar os dias de festa para tirar uma folga da atividade física. E se o problema for falta de tempo, dê um jeito de sair para uma caminhada (leve seu cachorro!), subir escadas, fazer uma baguncinha na sala com os sobrinhos. Qualquer coisa vale.

7. Leve um prato saudável
Contribua para o cardápio da noite com um prato inofensivo e leve, pois assim você já tem a garantia de que alguma coisa saudável vai haver na mesa. Não é muito fã de cozinhar? Faça uma salada de folhas e jogue por cima um bom molho light. Hmmm!

8. Escolha o figurino certo
Vista algo confortável, mas não confortável demais – nada de dar tanto espaço para a cintura. Se bater a vontade de abrir o botão da calça… Bem, quando seu tio faz isso pode até ser engraçado (ou nem tanto), mas, no seu caso, é melhor se conter.

Alimentação para um bronzeado saudável

13 de dezembro de 2013 0

bronze

Tudo o que comemos se reflete no corpo e na beleza. Com o bronzeado, é a mesma coisa. Para que a pele ative aquela cor bonita e saudável, é preciso ingerir alimentos específicos, explica a nutricionista Maribel Melos.

A vitamina A é uma das principais fontes para conquistar aquele bronze maravilhoso. Ela pode ser encontrada em algumas frutas e legumes de cor laranja, como cenoura, abóbora amarela, moranga, manga e mamão. A preferência é que eles sejam comidos crus para que sejam mais bem aproveitados pelo organismo.

Outras fontes de vitamina A são os produtos de origem animal como carnes, manteiga, leite, ovos, nata e queijos amarelos. A nutricionista lembra também que é fundamental manter o corpo hidratado, ingerindo de quatro a seis copos de água por dia para que a pele também esteja hidratada.

Texto: Anah Ferraz

Vamos à luta: atividades para emagrecer e relaxar

10 de dezembro de 2013 0

luta

As lutas e artes marciais estão muito além da defesa pessoal. Também auxiliam na perda de peso e aliviam o estresse, afirma o professor de Educação Física especializado em Treinamento Esportivo João Selhane.

Ele lembra que, até alguns anos atrás, luta era coisa de homem. Hoje, vem aumentando o número de mulheres que buscam essas atividades não apenas pela segurança, mas também como solução para emagrecer e ainda para relaxar o corpo e a mente.  
 
O  boxe está entre os exercícios preferidos e pode queimar até 800 calorias por aula. Outra luta que é febre nas academias é o muay thai, que alia os socos do boxe a chutes – a barriguinha e a cintura agradecem!

Já o taekwondo é uma arte marcial coreana que ajuda a ter disciplina e autocontrole ao mesmo tempo, além de tonificar a musculatura de todo o corpo.

A arte marcial mais leve para as mulheres, no entanto, é o tai chi chuan, que parece uma dança, mas também dá força muscular através de movimentos lentos. De origem chinesa, trabalha com o princípio de força exterior e suavidade interior, o que também melhora a concentração e ajuda a relaxar.

Graças ao sucesso com a mulherada, está cada vez mais fácil encontrar aulas de luta nas academias. Crie coragem e experimente, você vai adorar!

Texto: Anah Ferraz

Fernanda Souza dá dicas de beleza e malhação

07 de dezembro de 2013 0

fernanda

Em Porto Alegre com a peça Meu Passado Não me Condena, com duas sessões neste sábado, dia 7 de dezembro, no Teatro do Bourbon Country, Fernanda Souza bateu um papinho com o Lady sobre beleza:

– Acho que a minha profissão exige um cuidado que eu, se não fosse atriz, não teria. Tenho que estar sempre um pouco mais magra, com a pele perfeita, cabelão…
Fã de redes sociais, Fernanda adora compartilhar dicas de beleza e saúde em seu Instagram. Para 2014, ela quer lançar um blog voltado a estes conteúdos e, como ela diz, “ajudar as pessoas”.

Malhadora de carteirinha – ela até conseguiu arrastar o noivo, o pagodeiro Thiaguinho, que de sedentário passou a adorar exercícios – Fernanda está sempre inventando uma nova malhação, já que enjoa rápido das atividades. E sabe qual a dica que a lindona dá para a mulherada neste verão?

– Treinar na areia! Dá um fôlego muito grande e é tudo de bom. E não tem a desculpa de que não mora ou não está na beira da praia. Pode ser em uma praça, também. Eu, por exemplo, treino na quadra de vôlei do condomínio!

Corre, Fernandinha!

Corre, Fernandinha!

 

Hábitos simples criam qualidade de vida

15 de novembro de 2013 0

felicidade

Qualidade de vida não é ter dinheiro, é viver bem. Para isso, cuidados com a saúde e momentos de prazer e alegria são fundamentais e devem ser estimulados para entrar na rotina.

Hábitos simples, como ir à feira e comprar tudo fresquinho para fazer uma bela refeição, podem ser uma ótima opção para o bem-estar, assim como ter flores em casa. Andar a pé, curtir os amigos e familiares, dançar, brincar e enxergar a vida de forma mais leve tornam a realidade agradável, afirma a terapeuta Cecília Gonzalez.

– A qualidade de vida está na simplicidade de pequenos gestos que deixam o cotidiano prazeroso até para quem vive na correria – sustenta a terapeuta.

Como a maioria das pessoas tem excesso de atividades, uma dica para fugir do stress e viver melhor é reservar um tempinho a cada dia da semana para fazer o que se gosta ou faz bem.

Um momento para os amigos, outro para namorar, outro para cuidar da forma e assim por diante. Tudo isso serve como estímulo e ajuda a relaxar, tornando a vida muito mais gostosa.

 
Texto: Anah Ferraz

Proteção solar: descubra o certo e o errado

14 de novembro de 2013 0

protetor

Com um feriado aproximando-se, muita gente vai para a praia e quer logo colocar o bronzeado em dia. A marca de cosméticos Pierre Alexander preparou uma série de dicas de cuidados com a pele. Sabe aqueles conselhos que nunca é demais repetir? Confira:

 

- Não esqueça de aplicar o protetor solar nas mãos, pés e orelhas. Esses locais ficam extremamente expostos ao sol quando estamos na praia ou na piscina, e a aplicação do produto evita o envelhecimento precoce da pele, principalmente no caso das mãos.

 

- Não adianta aplicar protetor solar apenas uma vez, pela manhã: reaplique. O correto é aplicar o protetor no mínimo 20 minutos antes da exposição solar, para que o produto possa ser bem absorvido pela pele e obter o resultado esperado. Caso fique em constante exposição ao sol ou se o produto for retirado devido ao contato com a água, a pessoa deve reaplicá-lo a cada 3 horas.

 

- O protetor solar deve ser usado sempre, até mesmo nos dias nublados! Por mais que a incidência de raios ultravioletas seja menor nesses dias, ainda é capaz de causar danos à pele. Quem se expõe ao sol sem usar protetor solar pode sofrer com o envelhecimento precoce da pele e manchas difíceis de serem tratadas.

 

- Fique de olho: muitos protetores não estão de acordo com as nova lei da Anvisa, que obriga que as marcas comprovem que seus produtos possuem uma proteção UVA de um terço do FPS. Ou seja, se o FPS for de 30, a proteção UVA deverá ser, no mínimo, 10. É bom lembrar que, enquanto os raios UVB provocam queimaduras e câncer, os raios UVA causam envelhecimento da pele e manchas.

 

- Nesta época do ano as pessoas ficam ansiosas para pegar rapidamente o bronzeado. Não é recomendado ficar exposto ao sol o dia todo, sem proteção, na esperança de obter a cor em curto prazo. Isso só provoca queimaduras que podem resultar em problemas graves como o câncer de pele. Usar o protetor solar não impede o bronzeamento, pelo contrário, proporciona um bronzeado gradual e prolongado.

 

- Não basta apenas utilizar protetor solar. Óculos solares (com proteção contra os raios UVB/UVA) e chapéus também são essenciais para a proteção da pele, além de proteger os olhos, cabelo e o couro cabeludo.

Diabetes gestacional: fique alerta

12 de novembro de 2013 0

gravida

Nesta semana em que o dia 14 é lembrado como Dia do Controle e Prevenção do Diabetes, é legal falar sobre uma doença que acomete muitas futuras mamães – aconteceu comigo, inclusive: o diabetes gestacional.

Durante a gravidez, os hormônios da gestante podem impedir que a insulina cumpra a sua função e, quando isso acontece, os níveis de glicose podem aumentar no sangue, o que é perigoso tanto para a mãe quanto para o bebê.

Segundo a ginecologista Paula Bortolai, a diabetes gestacional geralmente começa na metade da gestação e, na maioria das vezes, desaparece após o parto. Por isso, é importante que todas as grávidas façam o teste oral de tolerância à glicose entre a 24ª e a 28ª semana de gestação, para verificar a taxa de glicemia. Aquelas que possuem fatores de risco para a doença devem fazer o teste antes do período.

Dentre os principais sintomas, estão o ganho de peso excessivo da mulher ou do bebê, inchaço, aumento exagerado no apetite, vômitos incontroláveis, infecções frequentes na bexiga, na vagina ou na pele, vontade de urinar frequente, visão turva, muita sede e fadiga.

Se a doença for constatada, o médico deverá acompanhar atentamente a futura mamãe e o bebê, para que sejam evitadas complicações como aborto espontâneo, pré-eclâmpsia e riscos de infecção urinária ou respiratória.

Com uma dieta bem controlada e um acompanhamento dos níveis de glicose bem efetivo, é possível ter um parto e uma gestação saudáveis.

Cuide dos cabelos antes, durante e depois da malhação

07 de novembro de 2013 0

cabelos
As ladies que adoram malhar, seja ao ar livre ou na academia, devem ficar atentas para não prejudicar os cabelos. O suor, os raios solares, o cloro, o sal e o rabo de cavalo causam estragos que podem detonar os fios, causando problemas como a caspa, o ressecamento e a falta de brilho. Para evitar, é preciso cuidar das madeixas antes, durante e depois da malhação. As dicas são da terapeuta capilar Sandra de Assis Maia.  

 

Antes:
- Proteja os fios – uma pequena quantidade de creme de pentear, misturada a algumas gotinhas de óleo vegetal, como de argan ou de abacate, protegem os cabelos e minimizam o ressecamento.

 

Durante:
- O suor, quando seca sob o couro cabeludo após a malhação intensa, acaba deixando uma camada de sal agindo sobre o nosso corpo. Daí a importância de proteger os fios com a misturinha do óleo com creme.
- Prenda os cabelos com elásticos forrados de tecido, para não quebrar os fios. É recomendada, também, a utilização de uma faixa para prender a franja e as laterais, tirando todo o contato com a pele.

 

Depois:
- O importante é não deixar os fios molhados pelo suor presos e lavá-los o mais rápido possível. Após a lavagem, é legal usar um condicionador que contenha elementos como silicone, poliquartenium, D-pantenol e proteína, para hidratar e fortalecer os cabelos. Um hidratação mais profunda é recomendada uma vez por semana para cabelos quimicamente tratados e quinzenalmente para cabelos saudáveis. 

A sua aparência pode mostrar como anda sua saúde

30 de outubro de 2013 0

espelho

Unhas estranhas, cabelos quebradiços, olheiras… Alguns problemas na aparência nem sempre significam apenas que o seu visual não está legal: podem também indicar que a sua saúde não está 100%. A dermatologista Vanessa Penteado enumera alguns destes sintomas que você deve ficar de olho.

 
1-Ondulações nas unhas
Unhas deformadas, descoloridas e onduladas apontam problemas de saúde. “Modificações nas unhas podem indicar psoríase (doença inflamatória da pele, crônica, não contagiosa) ou artrite psoríaca. A psoríase forma sulcos nas unhas, causando espessamento ou alterando sua coloração”, ressalta a dermatologista. Deficiência de vitaminas também pode refletir em uma unha mais amarelada, por isso, se notar alguma alteração na cor, converse com um especialista.

 

2-Olheiras
Sua causa pode estar associada a algum problema de saúde. “A fragilidade dos vasos sanguíneos na região dos olhos ocasionam o escurecimento no local. E podem indicar alergia ao glúten, doenças vasculares e inflamatórias”, diz a dermatologista.

 
3-Pés rachados
Excesso de peso, desidratação e o uso de calçados muito apertados deixam os pés rachados. Já os inchaços, lesões e infecções podem ser resultados de retenção de líquidos nos membros inferiores. “Em pés rachados a melhor prevenção é usar cremes hidratantes, envolvendo-o em um plástico para melhorar a absorção”, ensina.

 
4-Queda de cabelo
Alterações hormonais, gravidez, medicamentos e estresse podem provocar a perda de alguns fios. Nas mulheres, pode ser um alerta para alguma alteração na tireoide. O diagnóstico é feito, por meio de exames, que irão avaliar os níveis dos hormônios e identificar a doença.

 
5-Pintas
Quem tem muitas pintas espalhadas pelo corpo deve prestar atenção no seu crescimento, se há variação na cor, no tamanho e se elas estão evoluindo. “Algumas podem se modificar e tornar um melanoma, considerado um tipo de câncer de pele. E dependendo do estágio pode ser letal”, alerta a médica.

 
6-Manchas brancas
Algumas podem indicar micose, que deve ser tratada. Mas as manchas brancas também podem ser uma doença chamada Pitiríase Versicolor, uma infecção superficial da pele provocada por fungos.

 
7-Rubor facial
Vermelhidão facial persistente acompanhada de acne ou lesões são sinais de rosácea, uma doença de pele crônica. Ela é mais frequente em adultos com idade entre 40 e 50 anos. No seu primeiro estágio, deixa a face vermelha e, se não for tratada, pode evoluir e causar complicações.

 
8-Aumento de peso
O ganho do peso pode estar relacionado com algumas doenças, como hipotireoidismo, disfunções hormonais, insulinoma (excesso de insulina no organismo) ou transtornos emocionais. Para tratar, é necessário consultar um médico que irá pedir exames de rotina e identificar o problema. A reeducação alimentar e a prática de exercícios físicos podem auxiliar no tratamento.

Ronco infantil: fique atenta

29 de outubro de 2013 0

sono

Aquele ronquinho, ou o babar no travesseiro comum a tantas crianças, tem que ser olhado de perto pelos pais, aconselha a médica especializada em medicina do sono Beatriz Lana.

É a partir de um ano que os roncos relacionados a adenoides ou amígdalas grandes começam a surgir. Outro fator relacionado ao ronco infantil é a rinite alérgica. Ela causa inchaço na mucosa nasal, sinusites de repetição e respiração oral.

No sono do adulto, é considerado normal até cinco apneias (paradas de respiração) por hora. Já na criança, nem uma por hora é normal.

Nascemos e somos programados para usar o nariz para respirar. Se a criança começar a usar a boca para respirar e roncar enquanto dorme, observamos o surgimento de problemas como mau hálito, infecções de garganta repetidas, rouquidão e piora de refluxo gastroesofágico. Nestas crianças, o uso da chupeta pode causar ou agravar problemas na arcada dentária e piorar o ronco.
 
Sempre que houver ruídos respiratórios, roncos e apneias na criança, os pais devem informar o pediatra para que seja realizado o diagnóstico e o correto tratamento do problema.