Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Posts com a tag "Decoração"

Veja como renovar sua casa com charme

09 de agosto de 2014 2

TEXTOS E PRODUÇÃO ANAH FERRAZ
FOTOS MARCELO OLIVEIRA
anahferraz@gmail.com
marcelo.oliveira@diariogaucho.com.br

 

00a3b09e

Reciclar e customizar móveis e objetos para casa podem deixar seu lar ainda mais doce.
– Criei essa mesa usando uma porta antiga de cozinha como base para o tampo. Esse fundo branco foi todo pintado com sobras de tinta de parede _ orgulha-se a arquiteta Ângela D’ornelas Ponzi.
Já os desenhos coloridos foram contornados com caneta preta para madeira, tintas para artesanato e muita criatividade! Vários móveis em madeira podem ser pintados com sobras de tinta de parede, desde que seja PVA ou acrílica e sempre à base d’ água.
– Elas podem até ser misturadas para criar novas tonalidades – sugere.
Bons exemplos são os banquinhos junto à mesa e a escrivaninha antiga, que tem outro banquinho com tampo renovado em tecido com listras e a cadeira que ganharam um ar mais moderno. Imprima o seu estilo, deixe a criatividade fluir e renove o seu lar!

 

00a3b095

 
LEVE – Cortinas florais alegram e dão leveza aos ambientes com graça. Um tecido barato e muito fácil de encontrar é o chitão que custa menos de R$ 10 o metro. As flores de tecido sustentadas por fios que imitam correntinhas de pérolas completam o visual.

00a3b0a2

 

NOVINHO – As cadeiras feitas em bambu estavam com os assentos desagastados e, por isso, foram forradas. A azul foi pintada com tinta de parede e, para completar o charme, uma almofada de crochê. Já a tradicional mesinha de centro teve o tampo trabalhado com mosaico.

 

00a3b0a4

 

ORIGINALIDADE – A velha colcha de crochê virou manta que, junto com as almofadas, ficaram um charme!

00a3b098

 

OUTRA IDEIAS
Pompons podem ter mil e uma utilidades, como fazer as vezes de divisórias ou móbiles.

00a3b09d

 

Garrafas pet recicladas servem para florir o mundo, e umas das maneiras é fazendo floreiras. Outra é transformando os plásticos em flores, que podem ser montadas com cola quente ou de silicone e pintadas com tinta para artesanato.

00a3b0a5

 
O jardim também merece decoração: que tal aproveitar a cerca para colocar vidrinhos que viram vasos e incrementar com outros mimos como enfeites de anjos?

00a3b0a7

 
Arquiteta: Angela D’ornelas Ponzi, 9808-8777
Artesã: Vera Silveira 8925-7000

Cozinha temperada com alegria

15 de dezembro de 2013 0

TEXTOS E PRODUÇÃO ANAH FERRAZ
anahferraz@gmail.com

FOTOS MARCELO OLIVEIRA
marcelo.oliveira@diariogaucho.com.br

 

A cozinha está sem graça? Que tal fazer uma reforma sem quebradeira nem gastar muito? Criatividade é a solução! Pitadas de cor podem temperar o ambiente com alegria. De acordo com a arquiteta Maristela Ortiz, é possível renovar o piso, as paredes e azulejos, assim como o fogão, a geladeira e armários. Para isso, basta usar tinta, adesivos, papéis de parede ou tecidos. Veja algumas sugestões para deixar esse cantinho da sua casa ainda mais gostoso!

 

contra1

PINTURA – Piso e azulejos brancos na parede já eram! Para dar um toque personalizado, aposte na pintura ou no clássico preto e branco. Limpe bem a área com sabão neutro e, depois, passe tíner antes de isolar os contornos das lajes ou dos azulejos com fita crepe. A última etapa é aplicar a tinta adequada ao tipo de material, que deve ser informado na hora da compra. Até a geladeira velhinha pode ganhar cara nova com tinta automotiva, mas deve ser lixada antes!

 

contra2

COLAGEM – Aplicação de adesivos vale para armários, geladeiras e até aquele cantinho da mesa que a pintura não ficou bacana. Adesivos que imitam alumínio escovado são outra solução para deixar a geladeira novinha, tipo última geração. Os modelos em preto fosco fazem papel de quadro negro, para escrever com giz receitas, lista de compra ou dieta. Os materiais também servem para colar no painel de botões do fogão onde a pintura desgastou.

 

contra3

RENOVAÇÃO – Para dar uma carinha nova ao lustre, vale pendurar xícaras de cafezinho, talheres ou outras ferramentas culinárias que servirem de inspiração. Até aquela cadeira que ia ser jogada fora pode ter utilidade tanto com uma nova pintura ou forrando com tecido. E para quem não tem um conjunto de cadeiras, fica para lá de charmoso usar uma diferente da outra, mas sempre priorizando a harmonia.

 
Doses de personalidade

✔ Forrar janelas ou vidros de armários com trilhos de mesa em renda ou guardanapinhos de crochê deixa a cozinha com ar romântico.
✔ Adesivos de flores ou outros desenhos podem esconder ferrugem, arranhões ou desgastes de geladeiras e móveis.
✔ Pendurar ervas e temperos em vasos na janela deixa um cheirinho bom, além da praticidade de ter sempre à mão ingredientes fresquinhos.
✔ Na falta de espaço, pode-se aproveitar todos os cantinhos como a parte de cima dos armários, geladeiras e até vão de janela para guardar tudo bem organizado.

 
ARQUITETA MARISTELA ORTIZ: GABINETE DE ARQUITETURA, RUA JOSÉ BONIFÁCIO, 485, FONE 2111-7361
LUSTRE, MESA COM CADEIRAS E CAIXAS: MASCAVO SUCOS E LANCHES, RUA JOÃO ALFREDO, 638
GELADEIRAS: USADOS METADE DO PREÇO, AVENIDA JOÃO PESSOA, 1281, FONE 3212-8195

Feng Shui eleva o astral da casa

16 de novembro de 2013 0

feng

O Feng Shui ou harmonização de ambientes pode elevar o astral de uma casa ou local de trabalho, com atenção na saúde e na qualidade de vida em todos os setores, explica a arquiteta Dora Peixoto. As áreas que essa técnica milenar chinesa abrange vão desde relacionamentos como amigos, filhos e familiares até sucesso, prosperidade, espiritualidade, viagens e trabalho.

O Feng Shui baseia-se na aplicação do baguá, uma espécie de mandala que vai definir o que deve ser trabalhado para criar boas energias não apenas para o ambiente, mas também para as pessoas. Para começar qualquer análise, deve-se primeiro recuperar ambientes desestruturados, deixando-os limpos e organizados. Objetos velhos, desgastados ou quebrados e também sem uso devem ser doados ou ir para o lixo.

Os espaços devem sempre ter uma boa circulação e iluminação, para que as forças positivas possam entrar. Cores alegres, flores e aromas agradáveis são alguns dos instrumentos para começar a harmonização. Depois, cada local terá características próprias para aplicar cores e formas mais adequadas conforme a energia referente ao setor. E se alguma área do baguá estiver em desequilíbrio, pode-se recorrer as chamadas “curas”, que são formas de harmonizar através da aplicação de cores específicas, colocação de plantas ou imagens etc.

Texto: Anah Ferraz

Clima de primavera em casa

03 de novembro de 2013 0

ANAH FERRAZ
anahferraz@gmail.com

FOTOS MARCELO OLIVEIRA
marcelo.oliveira@diariogaucho.com.br

 

Criar um jardim em casa é muito fácil e não necessita de muito espaço. Pode ser uma janela, uma parede ou sacada. Se tiver um pátio, melhor ainda!

Basta analisar a quantidade de luz ou sombra que a área recebe, e se é interna ou externa, para escolher as espécies apropriadas, informa o paisagista Ivori Avila. Depois, é só preparar o solo à base de terra enriquecida com adubo e afofá-la bem para começar a plantar.

Confira as dicas do especialista e também do florista Eduardo Couto na hora de escolher suas flores, plantas, ervas, temperos e até árvores. São orientações que entram no clima da primavera para quem quiser criar um lindo jardim em casa.

 

contra1

Flores - A maioria das flores precisa de uma boa quantidade de sol. Muitas têm um preço bem acessível e florescem várias vezes ao ano. É o caso das populares maria-sem-vergonha e kalanchoe. A última, inclusive, que pode ser encontrada até em supermercados por cerca de R$ 5. Ambas são próprias para ambientes externos.

 

contra2

Ervas e temperos - Ter os próprios temperos para cozinhar ou aquela erva para fazer chás e trazer boas energias para casa não tem nenhum mistério. Basta deixá-las pegar bastante sol e manter a terra sempre úmida, tanto em ambiente interno quanto externo.

 

contra3

Plantas e árvores - Até algumas árvores podem ser cultivadas dentro de casa, como algumas palmeiras, por exemplo, a ráfia. Se preferir plantas que ficam grandes e ainda florescem, as opções são os antúrios e o lírio da paz. Estas espécies vivem melhor em ambientes internos, sem luz direta ou vento.

contra4

Pátio - Um pátio é ideal para ter árvores, plantas e flores. Diversificar tamanhos, cores e texturas deixa o jardim mais charmoso. Algumas espécies, como fícus e a palmeira fênix, assim como as plantas com folhas bicolores pleomélia e ivone amarela formam uma bela composição. Para alegrar cantinhos, vale apostar na flor begônia combinada com clorofitos para fazer as bordas. Elas são resistentes ao calor e são próprias para terra que recebe pouca água.

 

Paisagista: Ivori Avila (Floricultura Tuia Azul, Coronel Lucas de Oliveira, 2253, telefone 3332-0321)
Florista: Eduardo Couto (Floricultura Miosótis, Mercado de Flores do Bom Fim, Largo Doutor José Lubianca, loja 12, telefone 3331- 8711)

Uma beleza de sala

22 de setembro de 2013 0

TEXTOS ANAH FERRAZ
anahferraz@gmail.com

FOTOS LÍVIA STUMPF
livia.stumpf@diariogaucho.com.br

 

A sala é o cartão de visitas de uma casa. Para deixá-la bonita e organizada, a arquiteta Beatriz Witt  recomenda investir em bons móveis principais, como sofá, poltronas e mesa de centro. O mesmo vale para o móvel de equipamentos eletrônicos, que servirá para colocar a tevê e organizar CDs, DVDs, livros, revistas e enfeites. Todo esse mobiliário deve ser duradouro e ter cores neutras.

Os complementos, como almofadas, tapetes, cortinas e pequenos móveis, é que vão dar vida ao ambiente e, para isso, devem ser coloridos e com detalhes que imprimam a história dos moradores, para conferir aquele toque especial de personalidade. Confira mais dicas da especialista!

 

contra1

Mesinha de bar ou chá - Na falta de espaço, uma mesinha serve como cristaleira ou bar para organizar bebidas, copos e taças. Quem não tem o hábito de ingerir bebidas alcoólicas pode usar o móvel para guardar utensílios para servir chá ou outras louças e complementos que serão usados para receber as visitas.

 

contra2

Poltronas - Quem tem pouco espaço, mas costuma receber visitas, deve investir em poltronas ao lado do sofá em forma de L. Também deve-se priorizar o conforto com materiais duradouros, de qualidade, fáceis de limpar. Melhor sempre escolher cores e texturas que harmonizem com o sofá e os demais móveis.

 

contra3

Mesa de centro - Outro móvel complementar com várias utilidades. Serve para servir refeições, organizar livros, revistas, controles remotos, porta-retratos etc. Também tem função decorativa e pode servir para colocar flores e itens ornamentais.

 

Vida e personalidade na sala

contra4

-  Espelhos são alternativa para ampliar espaços pequenos e podem ser usados até mesmo em forma de quadro. Também são ótimas saídas para vestir paredes usando vários pequenos em formatos diferentes para deixar o ambiente acolhedor.

- Outra forma de revestir as paredes e imprimir aconchego são as paredes coloridas, com texturas, adesivos, relógios, vários quadros ou o que mais tiver a ver com os moradores, para deixar o cantinho das visitas personalizado e com jeitinho de lar.  

- Almofadas, cortinas, tapetes e pequenos móveis dão vida a uma sala. Quando há necessidade de renovação e não se pode gastar muito, eles podem ser revestidos com novos tecidos, outros materiais ou pintados.

- A tendência do momento é ter um móvel retrô com uma cor viva. Ele pode ser até herdado da família, porque além de ficar um charme ainda terá o toque de personalidade que contará a história dos moradores.

 

CRÉDITOS
Arquiteta Beatriz Witt – Carlos Gomes, 815, conjunto 609, telefone 3029-0696
Móveis e decorações: Carmen Flores – Ipiranga, 6863, telefone 3339-0190

Sonho que é possível montar em casa

20 de setembro de 2013 0

Qual mulher não sonha sentar-se com calma para fazer a maquiagem, arrumar o cabelo e ficar mais linda? O ideal para isso é uma penteadeira. Muito usado por nossas avós, o móvel é objeto de desejo. Além disso, virou mania entre os amantes de tendências em moda e decoração.

Aquelas antiguinhas têm o charme genuíno, mas o mercado também oferece alguns modelos que cumprem a função com praticidade, mas sem carinha retrô. Quem tem espaço no quarto pode improvisar uma com a escrivaninha ou aquela mesinha sem uso.

O ideal é que fique encostada na parede para centralizar o espelho bem no meio do tampo da mesa. Se não tiver gavetas, organizadores resolvem o problema. Os pequenos podem guardar grampos de cabelo, maquiagens e bijus e deve ficar em cima.

Já embaixo, junto ao chão, pode-se colocar gaveteiros que vão guardar secadores e outros produtos de cabelo e beleza de maior porte.

Texto: Jornalista Anah Ferraz

penteadeira

penteadeira4

penteadeira2

penteadeira3

Aromas para curar o corpo e a casa

19 de setembro de 2013 0

oleos
Óleos essenciais, incensos, velas, ervas. Todos têm o poder de mudar o astral de um ambiente e trazer boas energias. Os aromas também podem servir como cura.

Para a depressão, o alecrim é o mais indicado. A erva pura e fresquinha pode ser cheirada no próprio pé ou vaso, pelo menos, três vezes ao dia.

- Transmite uma sensação de leveza, bem-estar e energiza o corpo, por ativar partes do  cérebro responsáveis por essas sensações – diz a especialista em aromaterapia Sílvia Borges.

A canela também é indicada para depressão e ainda age sobre problemas de insônia e ansiedade. O eucalipto é bom para tosses e problemas respiratórios e, nesse caso, deve ser usado em óleos essenciais, porque a fumaça do incenso pode intensificar rinites, gripes e outros sintomas. Os cítricos, como limão e citronela, também são indicados
para respirar melhor, porque higienizam o ambiente e trazem uma sensação de limpeza e frescor. Além disso, agem como estimulantes, promovendo mais energia. Entre os calmantes, destacam-se a camomila, alfazema, lavanda e rosas.

Os aromas podem ser usados como óleos de banho e para estimular quem acorda cedinho. A especialista recomenda os cítricos, como maracujá, por exemplo, que vai dar pique para começar o dia. Quem prefere os aromas de outra forma pode substituir por colônias de banho ou sabonetes em barra. Já para relaxar no fim do dia ou antes de dormir, o processo pode ser o mesmo, com essências relaxantes.

Tanto os óleos que são queimados quanto as velas e incensos necessitam de cuidados básicos para evitar incêndios ou acidentes. Portanto, só devem ser usados quando há alguém em casa e é bom ficar atento a crianças, idosos e animais domésticos.

Quem já quer chegar em casa com um bom cheirinho e sentir aquela aconchegante sensação  deve optar pelos óleos de ambiente, que não são queimados e cujo aroma é exalado por varetas.

O ideal é que fiquem no centro de cada ambiente em um local alto para não correr nenhum risco. A forma mais segura e agradável de manter a casa com cheirinho bem gostoso é usar os óleos durante a limpeza do chão. Existem produtos específicos, mas qualquer óleo essencial pode cumprir a mesma função. Bastar aplicar entre cinco e dez gotas em cada litro de água para deixar seu cantinho perfumado por um bom tempo.

Texto: Jornalista Anah Ferraz

00182dab

Como renovar a casa gastando pouco?

14 de setembro de 2013 0

Com a virada de semestre e a primavera dando seus primeiros sinais, há um sentimento de renovação no ar e o mesmo acontece com a casa. Dá vontade de mudar e deixar nosso cantinho com uma cara mais alegre e aconchegante. Não é preciso derrubar paredes, contratar decorador ou gastar muito para ficar com a casa novinha em folha e dar aquele up que faltava, revela a arquiteta Maristela Ortiz. Segundo ela, algumas mudanças fazem toda a diferença e, além de serem pura diversão, não custam quase nada. Confira as sugestões:

 

parede

Pintar uma parede - Colocar cor em uma parede, mesmo que pequena, para iluminar um cantinho ou dar vida ao ambiente. Cores vivas como vermelho, amarelo,
verde e laranja sempre dão alegria e trazem um bom astral.

 

Forrar sofá e almofadas - O poder dos tecidos para renovar a decoração é imenso. Nos sofás e poltronas, um novo forro já faz toda a diferença, assim como outras estampas para as almofadas.

 

Renovar aberturas - Pintar portas e janelas com novas cores ou apenas restaurar com limpeza seguida de acabamentos, que podem ser novos detalhes, como trocar
maçanetas e puxadores.

 

adesivo
Detalhes - Pequenos detalhes, como adesivos de paredes e móbiles, são baratinhos e podem ter um efeito fantástico em paredes, janelas e até como acabamento de móveis.

 

Reciclar - Aquele móvel velhinho, de cara nova, fica um charme. Pode ser a cadeira, mesinha de cabeceira ou até um roupeiro que ganham vida nova seja com pintura, textura, forro de tecido, de papel de parede e até de gibi ou jornal. O que vale é aproveitar a criatividade, dando preferência a materiais que já têm em casa gastando o mínimo possível.

 

Texto: Jornalista Anah Ferraz

 

Transforme sua casa com cores

03 de setembro de 2013 0

cores

 

Para dar aquela renovada na casa, uma boa dica é abusar das cores. Carlos Galbe, arquiteto e consultor da Futura Tintas, dá algumas dicas para tornar o seu lar mais agradável, de acordo com suas necessidades.

As cores claras, por exemplo, dão a sensação de espaço ampliado, enquanto que as escuras aproximam e trazem aconchego. “As cores frias, como azul, violeta e verde, também ampliam o ambiente e são aconselháveis para aqueles que desejam passar uma sensação de dimensão”, diz o arquiteto.

Para quem quer “alongar” um ambiente, o consultor da Futura Tintas sugere aplicar duas cores na mesma parede, com a divisa à meia altura. A parte inferior deve ser pintada com cores mais escuras e a parte superior com tons leves.

Já para “encurtar” o espaço, devem ser usadas cores mais claras na parte inferior e tons escuros na parte superior. E, para quem quer deixar a casa um pouco mais luminosa, o especialista aconselha abusar do branco, que reflete a luz e passa a impressão de amplitude.

O amarelo também é indicado e cria um ambiente com energia e potencializa a luz natural. O verde em tons mais claros pode ser aplicado para atenuar o escuro, criando espaços mais acolhedores e alegrando espaços pequenos.  

Truques de decoração para ter mais espaço em casa

20 de junho de 2013 0

Decorar a casa pode ser um desafio, principalmente, quando se tem pouco espaço. Alguns truques podem ajudar a ampliar o tamanho dos ambientes, conforme a arquiteta Maristela Ortiz. Pintar uma parede da sala de um tom escuro, por exemplo, pode dar profundidade.

Já papéis de parede ou tecidos em listras também transmitem a sensação de aumentar a peça. Outra dica é usar espelhos. Só é preciso cuidado para ver o que reflete. Virado para uma janela pode trazer a luz da rua ou a beleza de árvores e flores. Uma parede toda de espelho dá a sensação da sala ter o dobro do tamanho.

Outra dica é deixar os detalhes e cores para os móveis e não encher a casa com enfeites sem utilidade. Assim, os ambientes ficam mais limpos e espaçosos. Substituir cadeiras por bancos na mesa de jantar diminui o volume e transmite a ideia de ambiente maior. Espaços de circulação como corredores podem ter prateleiras no alto para aproveitar o espaço sem perder o movimento dos moradores. Cortinas com trilho bem próximo ao teto com comprimento até o piso transmitem a ideia de alongamento.

Texto: jornalista Anah Ferraz