clicRBS
Nova busca - outros
31 ago09:59

Em casa, Alaf leva 6 a 2 da poderosa ACBF

Os cerca de 200 torcedores que assistiram o jogo da Associação Lajeado de Futsal (Alaf) contra a ACBF de Carlos Barbosa, ontem à noite, no ginásio Professor Nelson Francisco Brancher, presenciaram a evolução do time comandado pelo técnico Elson Machado.

Mesmo com a derrota de 6 a 2 para a multicampeã ACBF, o time do Vale do Taquari exigiu muito do oponente, que teve que lutar e suar em quadra para assegurar o resultado favorável.

Formada por jogadores da elite do futsal gaúcho, onde seis deles defendem a Seleção Brasileira, a equipe da Serra chegou a Lajeado como franca favorita. O técnico da ACBF, Paulo César Mussalem optou em sair jogando com Lavoisier, Tostão, Rodrigo, Jonathan e Flávio. Já Elson Machado foi para o início do embate com Gustavo, Renan, Marquinhos, Willian e Biel.

O jogo

Com a bola rolando, o quinteto da Alaf demorou alguns minutos para colocar em prática as orientações do seu treinador. E isso custou caro, pois com pouco mais de um minuto a equipe da Serra chegou forte ao ataque e abriu o placar com Flávio.

Aos três minutos, depois de grande troca de passes no ataque, a bola sobrou para Rodrigo que fuzilou o goleiro Gustavo, ampliando o escore: 2 a 0.

Aos seis, Jonathan marcou mais um: 3 a 0. Com a desvantagem, Machado colocou Cisso em quadra. A Alaf melhorou o sistema defensivo e conseguiu chegar com mais qualidade no ataque. Aos dez minutos, Biel protagonizou bela jogada pelo lado direito de ataque e descontou: 3 a 1.

Aos 13, Nathan avançou com a bola dominada e no forte arremate em direção ao gol de Lavoisier, contou com a sorte da bola desviar na defesa adversária, e indo morrer no fundo do gol: 3 a 2.

O esforço e a luta dos jogadores, animaram os torcedores que começaram a apoiar a equipe da casa. As jogadas de habilidade e trocas sucessivas dos atletas do time visitante acabaram favorecendo o elenco de Mussalem.

Aos 15 minutos, Tiaguinho acertou um “petardo” na meta de Gustavo que nada pode fazer: 4 a 2.

Logo depois, o goleiro Gustavo saiu mal e acabou fazendo falta dentro da área. Penalidade máxima cobrada por Carlinhos, dando números finais ao placar na primeira etapa: 5 a 2.

O fato positivo foi o pequeno número de faltas nos primeiros 20 minutos de partida. Duas da Alaf e uma da ACBF. No intervalo Élson Machado orientou seus jovens atletas para marcar o oponente ainda no outro lado da quadra. A tática deu certo, pois a equipe serrana acabou cometendo excessivo número de faltas.

Aos 18 minutos, a ACBF cometeu a sexta falta. Tiro livre desperdiçado pela Alaf. Faltando sete segundos para o cronômetro zerar, o campeão do primeiro turno do Gauchão de Futsal da Série Ouro marcou o último tento, com Kevin entrando com bola e tudo pra dentro do gol de Gustavo: 6 a 2.

No final, Machado, lembrou que novamente a equipe teve atuação destacada, como já tinha acontecido no Liga Sul de Futsal, disputada recentemente no Paraná, mas não conseguiu reverter em gols, para alcançar a vitória.

Mesmo assim, o técnico gostou do esforço e luta de seus comandados que segundo ele, ainda tem chances reais de almejar uma vaga entre os oito melhores do returno.

Próximo compromisso da Alaf será em Antônio Prado, diante do time homônimo, no sábado, às 18h, quando a equipe lajeadense tentará a primeira vitória sob o comando de Élson Machado.

________________________________________

Fonte: assessoria de imprensa da Alaf

Por

Um Comentário »

  • jeferson disse:

    o que sta acontecendo com a alaf?

Comentários