clicRBS
Nova busca - outros
20 set12:30

Fruki pretende investir R$ 60 milhões até 2014

Buscando maior espaço no mercado de refrigerante, a empresa Fruki, de Lajeado, vai pretende investir R$ 60 milhões nos próximos dois anos. Metade do valor deve ser destinado a construção de uma nova fábrica de bebidas, para a produção de chás, sucos, energéticos e bebidas a base de soja.

A empresa também deve investir outros 15 milhões na planta de Lajeado, para reforçar a produção de refrigerantes. O Centro de Distribuição da empresa, de Canoas, vai receber investimentos no mesmo valor.

A fábrica contratou trinta funcionários em 2011. A previsão é que os investimentos novos abram pelo menos mais 40 vagas.

- Nossa gestão é baseada na conquista do mercado, e é isso que estamos buscando – diz o diretor da empresa, Nelson Eggers.

Eggers está tendo audiências com prefeitos de todo Estado para definir o local de instalação da nova fábrica. Ele quer uma área de pelo menos 20 hectares, fora de grandes centros urbanos, mas que tenha visibilidade – na margem de uma rodovia, por exemplo.

A Fruki deve fechar o ano com crescimento de 10% em volume de produção, que deve chegar a 160 milhões de litros. Em menos de dez anos, a empresa teve um incremento de 200% no faturamento.

Atualmente, a Fruki produz água mineral, cinco tipos de refrigerantes e quatro variedades de repositor energético.

Franquias

A Fruki também estuda a possibilidade da tornar seus refrigerantes uma franquia. Empresas da região sudeste já mostraram interessem em produzir os produtos da marca.

Por

Comentários