Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
clicRBS
Nova busca - outros

Posts de outubro 2010

Suplementação

06 de outubro de 2010 2

Faz pouco mais de duas decadas que os suplementos alimentares surgiram de um raciocínio simples: se eu suprir minhas necessidades nutricionais conseguirei melhorar meu desempenho.

Nada mais certo, dentro dos quatro pontos de apoio onde o treinamento se desenvolve: treino, descanso, posição psicológica e alimentação.

De lá para cá surgiram as mais variadas formas de suplementação: hipercalóricos, aminoácidos, creatina, l-carnitina, vitaminas, hidrotónicos, whey protein e maltrodextrina.

Mas todos eles usados de forma errada acarretam vários problemas entre eles: intoxicação intestinal e hepática, hipertensão, cálculo renal e finalmente ganho de peso por excesso de calorias.

A indústria do suplementos comemora os vários milhões ganhos todo ano. E por todo lado surgem novas marcas sem se ter a certeza de que o que estamos consumindo tem um nível de higiene necessária para o consumo. E também se o que estamos consumindo é o que realmente está escrito no rótulo, que as vezes é muito para uma pessoa normal.

Normalmente as dosagens são para pessoas que tem mais de 90kg de peso corporal e treinam muitas horas por dia, não para aqueles que treinam apenas 40 minutos 3 vezes por semana.

Antes de usar deve-se perguntar: realmente preciso desse suplemento? E conversar com um profissional da saúde: um nutricionista, um professor de educação física ou um médico. De preferência até mais de um para ter uma posição mais segura a respeito da substância escolhida.

Outro procedimento interessante e importante que deve ser feito é fazer uma avaliação de composição corporal antes de começar o uso do suplemento. Para ao longo do uso reavaliar o peso ganho, se esse peso é realmente peso magro ou peso na forma de gordura. Um indicador fundamental para aqueles que buscam no trabalho de hipertrofia um aumento de peso corporal magro (músculos).

Tive a oportunidade de ver um amigo fisiculturista sofrer fortes dores de cabeça por hipertensão, devido a retenção hídrica causada pela creatina. Devido ao uso continuado sem pausas para desintoxicar.

Hoje soube de uma menina que teve intoxicação por lactose devido ao uso excessivo de whey protein, acabou internada no hospital.

E para aqueles que usam e ainda não sofreram algum efeito colateral, fica o alerta sobre o excesso de calorias ingeridas, talvez seu aumento de peso não seja tão positivo.