Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Balneário Camboriú abre licitação para alargar faixa de areia

27 de julho de 2011 13

A prefeitura de Balneário Camboriú deu nesta quarta-feira o primeiro passo para o alargamento da faixa de areia da Praia Central. Foi lançado o edital de licitação do Estudo de Impacto Ambiental/Relatório de Impacto Ambiental (Eia/Rima) e do projeto de engenharia da obra, que deverão ser feitos pela mesma empresa.

O valor da licitação é de R$ 1,4 milhão, e a previsão é que o processo seja concluído em 90 dias. A partir daí, a empresa vencedora da concorrência terá seis meses para cumprir o contrato.

De acordo com o secretário de Planejamento de Balneário Camboriú, Auri Pavoni, a opção por deixar a cargo de uma mesma empresa o projeto de engenharia e o Eia/Rima foi para não criar conflito entre o plano da obra e a licença ambiental:

_ O que acaba definindo o projeto de engenharia é a conclusão do Eia/Rima. Pensamos que dessa forma compatibilizamos melhor as duas situações.

Uma nova licitação em Balneário Camboriú deverá ser aberta em 2012 para a execução do alargamento, que ainda não tem data para ficar pronto.

Comentários (13)

  • C.Minc diz: 27 de julho de 2011

    As construtoras e o comércio agradecem! A areia ja está infestada de ratos e doenças mesmo. O jeito é alargar pra caber mais farofeiro

  • Mauricio diz: 27 de julho de 2011

    Isso é que acontece quando não respeitam as leis, se tivessem impedindo as construtoras de levantarem prédios gigantescos, verdadeiros arranha-céus, e agora tem que alargar a faixa da praia…
    Eram só ter proibido construções de prédios altos próximas a orla do mar!
    Mas no Brasil o dinheiro sempre fala mais alto, e quem vai pagar a conto somos nos contribuintes

  • Everton diz: 27 de julho de 2011

    Do que adianta ter mais faixa de areia, se a água e poluída?

  • andre freyesleben diz: 28 de julho de 2011

    Para quem nao sabe, o surf como esporte na cidade, movimenta o turismo e a economia de forma EXPRESSIVA. Campeoes catarinenses e mundiais tais como Teco e Neco Padaratz, David Huzadel, dentre muitos outros, sao nativos de Balneario Camboriu. Levam o nome da cidade e do esporte a nivel mundial. DESTA FORMA, SOLICITA-SE QUE O ESTUDO LEVE EM CONTA ESTAS CONSIDERAÇOES E A IMPORTANCIA DO ESPORTE PARA A CIDADE. UM ATERRO DESSES DEVE SER FEITO DE FORMA A NAO COMPROMETER A FAMOSA QUALIDADE DAS ONDAS E DO SURF!
    SOLICITA-SE A INCLUSAO DOS ESTUDOS E EXPERIENCIAS DE ENGORDAMENTO DE PRAIAS LEVADO A CABO NA AUSTRALIA NO SENTIDO DE FAVORECER O SURF! É obrigaçao do poder publico encampar esta preocupacao e reivindicaçao!
    Att. André Freyesleben
    Florianópolis/SC

  • Luis diz: 28 de julho de 2011

    Fazem de tudo para manter a construção civil impunemente destruindo a cidade sem controle, sem gabarito para os horrorosos espigões que fazem sombra na praia. Agora que fizeram um paredão de concreto frente ao mar, alargam a praia… Que povo, que políticos permitem esses absurdos?? Bal Camboriu fede!

  • Ricardo Miguel diz: 28 de julho de 2011

    Balneário merece respeito, não deve ser tratada como instrumento de oportunismo turístico. Juntamente com o projeto de alargamento de praia deve ser tratado a despoluição da água.

  • david it central diz: 28 de julho de 2011

    tomara que este alargamento não destrua a bancada para não acabar com as ondas… tome cuidado para não deixar isso acontecer poder publico!! lembre-se do surf por favor….

  • Marcos L diz: 28 de julho de 2011

    A natureza foi generosa com Balneário Camboriú, mas o Homo Sapiens sempre quer mais…

  • david it central diz: 28 de julho de 2011

    É NÓS ANDRÉ!! EXCELENTE COMENTÁRIO CARA, TOMARA MESMO QUE O PODER PÚBLICO LEVE EM CONSIDERAÇÃO NOSSO SURF, POIS AQUI NO NORTE JÁ NÃO TEMOS TANTAS OPÇÕES E A MAIORIA SEMPRE CROWDEADO!!
    SURF FOREVER SE LIGA PREFEITURA, PERIQUITO!!!

  • …zinha diz: 28 de julho de 2011

    E voces irão ver o que será quando a mãe NATUREZA resolver agir nessa orla invadida cada vez mais pelos destruidores humanos.
    Nosso litoral tem tido sorte até agora, mas isso não será sempre assim não. Espaços naturais, invadidos desmedidamente pela mão ambiciosa do homem, um dia são recuperados pela natureza de forma impactante, rápida e cruel.
    Quem viver, verá.

  • Luciano Traple diz: 11 de outubro de 2011

    tenho 41 e sou surfista local residente de Balneario Camboriu a 31 anos ……..pratico meu esporte aqui na praia de Balneario Camboriu todos os dias gostaria de saber mais informaçoes sobre o alargamento da faixa de areia ,sobre o impacto que ele pode causar em todos sentidos …..e tambem o quanto ele vai influenciar as ondas da praia central e se nesse projeto esta incluido tambem o fundo artificial para ondas na praia do Buraco(Côco)…….a prefeitura deve prmover o maximo de informaçao do assunto para toda a populaçao…

  • Luciano Traple diz: 11 de outubro de 2011

    tenho 41 e sou surfista local residente de Balneario Camboriu a 31 anos ……..pratico meu esporte aqui na praia de Balneario Camboriu todos os dias gostaria de saber mais informaçoes sobre o alargamento da faixa de areia ,sobre o impacto que ele pode causar em todos sentidos …..e tambem o quanto ele vai influenciar as ondas da praia central e se nesse projeto esta incluido tambem o fundo artificial para ondas na praia do Buraco(Côco)…….a prefeitura deve promover o maximo de informaçao do assunto para toda a populaçao…atraves de reunios debates,,,,,etc etc

  • Rodrigo diz: 3 de fevereiro de 2012

    A questão de alargamento não tem relação com o sol, pois mesmo com a praia alargada a sombra continuará. A faixa extra de areia servirá pra abrigar mais turistas e mais infraestrutura, como por exemplo ruas e quiosques.
    A beleza de BC não é a qualidade da água, todo mundo sabe, e nem o sol na areia. As pessoas querem a agitação da cidade, então quem diz que foi um cúmulo permitir a construção de edifícios altos a beira mar, se esquece que existem outras centenas de praias sem construção nenhuma para visitarem. BC é assim e ninguem vai destruir os prédios que foram construidos…

Envie seu Comentário