Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Polícia conclui inquérito e indicia jovem suspeito de ter assassinado a ex-sogra em Navegantes

03 de julho de 2012 0

A Polícia Civil de Navegantes anunciou na manhã desta terça-feira, a conclusão do inquérito que investigou o assassinato de uma mulher de 38 anos ocorrido no bairro Porto das Balsas, em 26 de junho. O principal suspeito, um jovem de 21 anos, que foi namorado da filha da vítima, foi indiciado por homicídio qualificado. De acordo com o delegado Daniel Weber, responsável pelo processo investigativo, as provas e indícios não deixam dúvidas da autoria do crime.

- Nós ouvimos algumas pessoas e recolhemos roupas do jovem com marcas de sangue. Estas roupas foram usadas por ele na noite do homicídio. Com base no inquérito foi pedida a prisão preventiva do rapaz – conta Weber, informando ainda que se condenado, o rapaz pode pegar de 12 até 30 anos de prisão.

Dois dias após o crime, o jovem chegou a se apresentar à polícia, mas se negou a prestar esclarecimentos. Como possui endereço fixo e carteira de trabalho assinada, ele acabou sendo liberado.

O assassinato da cozinheira de 38 anos ocorreu dentro da casa onde ela vivia com a filha, de 14 anos. A vítima foi asfixiada e morta por golpes de faca. O corpo foi enrolado em um edredom e escondido embaixo da cama da mulher.

Suspeito permanece internado

O jovem de 21 anos suspeito de ter assassinado a ex-sogra na semana passada sofreu um atentado na noite de domingo. Segundo a polícia, ele estava em casa quando foi ferido a tiros. Um dos disparos acertou o rosto. O rapaz permanece internado no Hospital Marieta Konder Bornhausen, de Itajaí. O estado de saúde do jovem é considerado estável.  

O delegado responsável pelo caso, Daniel Weber, diz que ainda é cedo para dizer se o atentado tem alguma relação com o assassinato na qual o jovem é suspeito.

Envie seu Comentário