Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Férias coletivas duram mais em Joinville

11 de dezembro de 2014 0

Aumentou o número de empresas joinvilenses dos ramos plástico, metalúrgico e mecânico que vão dar férias coletivas na virada do ano. Em geral, o tempo de parada das atividades também cresce e vai, na grande maioria dos casos, de 19 de dezembro a 8 de janeiro de 2015, totalizando 20 dias.

Todas as grandes companhias dos diferentes setores optaram em dilatar o prazo. Para todas, os motivos são os mesmos: negócios em marcha lenta e elevados estoques a serem reduzidos. Até as empresas menores, desta vez em maior quantidade, acompanham o movimento das demais. Em parte, isso ocorre porque fornecem para as outras. Em anos anteriores, o período era mais reduzido: no máximo até o primeiro final de semana do ano seguinte, geralmente com dez a 12 dias de folga.

O presidente do Sindicato das Indústrias Plásticas de Joinville, Albano Schmidt, dá o tom dominante do pensamento empresarial neste momento:

– No nosso caso, sofremos os impactos das dificuldades enfrentadas pela indústria automobilística, da linha branca e da construção civil. O ambiente econômico para 2015 é de incertezas. Deverá ser um ano de perspectivas pouco claras.

Envie seu Comentário