Pular a barra do clicRBS e ir direto para o cabeçalho.
 

Posts de novembro 2009

Quem ficará com as últimas vagas?

29 de novembro de 2009 0

Carissa venceu o Gidget Pro, em Sunset/ASP Divulgação

O circuito mundial da divisão de acesso chegou à ùltima etapa. Em Sunset, no Havaí, surfistas do mundo inteiro (especialmente americanos, australianos, brasileiros e sul-africanos) disputam a segunda prova da Tríplice Coroa, a mais almejada no esporte, o O`neill World Cup of Surfing.

É uma espécie de Copa do Mundo do Surfe.Todos sonham um dia conquistá-la. A competição rola até o dia 6 de dezembro e até agora só a primeira fase masculina foi disputada. Alguns brasileiros se deram bem, outros nem tanto.

Hizunomê Bettero, Paulo Moura, Raoni Monteiro, Marcio Farney, André Silva, Charlie Brown, Jean da Silva e Yuri Sodré estão fora do campeonato.Quem se deu bem foram os catarinenses Alejo Muniz e Neco Padaratz, garantidos na próxima fase.

O paulista Renato Galvão e o pernambucano Bernardo Miranda completam o time de brasileiros que avançaram na competição. Na segunda fase estreiam os cabeças de chave, entre eles os catarinenses Willian Cardoso e Marco Polo.

Com 3,5 mil pontos em disputa, muita coisa ainda pode acontecer. Há quem diga que apenas os nove primeiros do ranking WQS,que estão com 13 mil ou mais pontos, têm vaga assegurada da elite do ano que vem. Portanto, seis vagas estariam em aberto, caso se confirme essa projeção.

O potiguar Jadson André, com 14.813, já estáno Mundial da ASP de 2010 há um bom tempo. Marco Polo, com 12.331, precisa de uma boa colocação no Havaí para carimbar o passaporte. Hoje ele é o 12º. O gaúcho Rodrigo Dornelles, em 14º, com 12.206, está na briga.

Com chances menores vem Bernardo Miranda, 22º, com 11.601 pontos, e Willian Cardoso, 25º, com 11.151. Aliás, Willian não conseguiu manter os bons resultados que fez na Europa nos meses de agosto e setembro. Desde então, não consegue mais sair dessa pontuação. Uma pena.

No feminino, a havaiana Carissa Moore venceu o Gidget Pro, penúltima etapa do WCT feminino. Com o resultado, o título da temporada foi para a australiana Stephanie Gilmore, que tornou-se tricampeã mundial. A cearense Silvana Lima, que parou nas quartas de final, está em segundo, mas não tem mais chances de alcançar a australiana.

Postado por Jean Balbinotti

Etapa decisiva da Copa Veleiros

27 de novembro de 2009 0

Os campeões da Copa Veleiros de Monotipos deste ano serão conhecidos após as regatas da última etapa, neste fim de semana, na Praia de Jurerê, em Florianópolis. A indefinição ainda é grande em relação aos primeiros colocados em muitas das classes em jogo na competição organizada pelo Iate Clube de Santa Catarina.

Apenas os irmãos Mazzaferro, do Iate Clube de Porto Belo, ambos campeões sul-brasileiro e catarinense nas suas classes, estão garantidos no lugar mais alto do pódio. Luca está invicto na Laser 4.7 em seis etapas e Mario venceu cinco na Optimist Veterano, deixando de correr apenas uma etapa.

Para segundo e terceiro lugares na Optimist Veterano, as chances são grandes para Flávio Lopes da Costa Neto e Daniel Platt de Matos. Na Optimist Estreante, três primeiros lugares colocam Rafael Levien Corrêa em vantagem, mas Sandro Henrique e Fernando Zomer Alves também estão no páreo.

Entre as meninas da Optimist Veterano, o trio Maria Carolina Boabaid, Maria Luíza Rupp e Paola Berenhauser se alternam nas primeiras posições, com destaque para a campeã catarinense Maria Carolina. Na Estreante, a também campeã catarinense Isabela Dalsenter é a favorita.

Ao longo do ano, a alternância de competidores prejudicou o campeonato na Laser Standard e também na Radial, embora nesta alguns nomes possam ser apontados para o pódio: Matheus Dellagnelo, Guilherme Pereira e Henrique Back. Já na 4.7, além de Luca na dianteira, o grupo segue firme, com a campeã sul-brasileira e da Semana de Vela de Buenos Aires, Maria Cristina Boabaid, chegando em segundo e terceiro lugares na maioria das seis etapas, incomodando bastante Nicolas Carabelli, Eduardo Beirão, Jorge Grumann e André Servaes.

Na Snipe, as duplas que têm como timoneiros o campeão sul-brasileiro Felipe Linhares e os velejadores Alex Juk, Alexandre Back e Ricardo Grassmann são as mais cotadas à vitória. A competição conta ainda com atletas nas classes Byte, 470, Dingue, 420 e Hobie Cat 16.

A primeira das três regatas previstas para o sábado começa ao meio-dia. A primeira das duas de domingo têm início às 11h, com a cerimônia de premiação da Copa Veleiros de Monotipos 2009 em torno das 16h, na sede oceânica do ICSC. A previsão para os dois dias é de ventos do quadrante Sul variando entre 7 e 13 nós (entre 12,5 e 23,5 km/h) e temperaturas próximas dos 26 graus.

Postado por Jean Balbinotti

Marco Polo na briga

25 de novembro de 2009 1

Marco Polo pode integrar a elite/Nilton Santos/divulgação

        Marco Polo pode ser o mais novo catarinense no Dream Tour da ASP, o antigo WCT. Com o 17º lugar obtido na penúltima etapa do World Qualifyng Series (WQS), o Reef Hawaiian Pro, encerrado no início dessa semana, em Haleiwa, Polo subiu para a 12º posição, entrando no grupo dos 15 surfistas que se classificam para o Dream Tour da ASP.

        Já o gaúcho Rodrigo Dornelles caiu para a 14º posição e, ao lado de Marco Polo, terá que lutar para se manter no grupo dos 15. Outros brasileiros também estão nessa briga: Bernardo Pigmeu, Léo Neves e o catarinense William Cardoso. O vencedor da etapa foi o havaiano Joel Centeio, que impediu a vitória de C.J Hobgood na primeira jóia da Tríplice Coroa Havaiana.

        Do grupo dos 15, apenas seis vagas estão abertas e serão definidas em Sunset, no Oneill World Cup of Surfing. O prazo para realização do evento já iniciou e se estende até o dia 6 de dezembro. Confira abaixo os nove pré-classificados para o Dream Tour da ASP:

  1. 01: Daniel Ross (AUS) – 14.975 pontos
  2. 02: Patrick Gudauskas (EUA) – 14.876
  3. 03: Jadson André (BRA-RN) – 14.813
  4. 04: Owen Wright (AUS) – 14.338
  5. 05: Adam Melling (AUS) – 14.288
  6. 06: Jay Thompson (AUS) – 13.638
  7. 07: Nathan Yeomans (EUA) – 13.419
  8. 08: Luke Munro (AUS) – 13.263
  9. 09: Brett Simpson (EUA) – 13.150.

Postado por Cristiano Rigo Dalcin, Florianópolis

Mineiro foi embora

24 de novembro de 2009 1

Mineiro veio relaxar na ilha após cinco provas e uma semana de treinos físicos em SP/Flavio Neves

O surfista profissional Adriano de Souza, o Mineirinho, foi embora nesta segunda-feira após relaxar, surfar e malhar alguns dias na ilha. Conversei com ele algumas horas antes do embarque para uma reportagem que deverá ser publicada nos próximos dias no DC. Ele embarca para o Havai no próximo dia 1º de dezembro, onde vai disputar a última etapa do WCT, nos tubos de Pipeline, na ilha de Oahu.

Nos 15 minutos de conversa que tivemos, na academia Power Fit, Mineiro falou de sua expectativa sobre o final do tour, e as mudanças do ano que vem, inclusive com a alteração na data da etapa brasileira, e sobre o respeito e a admiração que conquistou dos surfistas australianos, norte-americanos, havaianos e europeus. A entrevista ficou bem legal, mas só posso adiantar uma informação: ele torce para que Mick Fanning conquiste o segundo título mundial da carreira. Afinal, o cara é um exemplo de determinação e foco para ele.   

Postado por Cristiano Rigo Dalcin, Florianópolis

Circuito amador encerra temporada

22 de novembro de 2009 0

João Paulo Abreu pegou um tubão na Prainha/Basílio Ruy, Divulgação

Um final de semana alucinante, com muitas ondas, contemplou a última etapa do Circuito Catarinense de Surfe Amador 2009, na Prainha, em São Francisco do Sul.
Na categoria Open, Leandro da Silva, de São Francisco do Sul, superou seus adversários e venceu a etapa. O campeão catarinense da temporada na Open foi o itajaiense Jonatan Busetti.
Outro atleta de São Francisco do Sul, Yan Daberkow, venceu as categorias Júnior e Iniciantes. Na final da Júnior, Yan somou uma nota 10 e outra de 8,75 pontos, fazendo a maior somatória da competição: 18,75 pontos.
Matheus Navarro, de Balneário Camboriú, confirmou os títulos de campeão catarinense nas categorias Mirim, até 16 anos, e Júnior, até 18 anos. O vencedor da etapa na categoria Mirim foi o imbitubense campeão brasileiro de 2009 na categoria, João Paulo de Abreu.
Yago Dora, de Florianópolis, sagrou-se campeão catarinense na categoria Iniciantes, conquistando o seu primeiro título. Na categoria Infantil, para atletas de até 12 anos, Gustavo Ramos, também de São Francisco do Sul, foi o vencedor da última etapa, e garantiu o título de 2009.
Na categoria Feminina, Susan Leal, de São Francisco do Sul, venceu a etapa, mas a florianopolitana Evelin Conceição foi quem confirmou o título estadual de 2009. Na categoria Master, para atletas acima de 35 anos, Leandro Grillo, de Florianópolis, venceu a etapa da Prainha. O título da categoria foi o atleta da Guarda do Embaú, Carlos Kxot.
A festa de encerramento do Circuito Catarinense, com a entrega da premiação para os melhores do ano, acontecerá no dia 5 de dezembro, no El Divino, da Beira Mar-Norte, em Florianópolis.

Classificação da etapa da Prainha, em São Francisco do Sul
Open
1º – Leandro da Silva
2º – Diego Michereff
3º – Paulo Henrique
4º – Pedro Husadel

Júnior
1º – Yan Daberkow
2º – Caue Wood
3º – João Marcos
4º – João Paulo de Abreu

Mirim
1º – João Paulo de Abreu
2º – Alcides Lopes Neto
3º – Matheus Navarro
4º – João Marcos

Iniciantes
1º – Yan Daberkow
2º – Alcides Lopes Neto
3º – Yago Dora
4º – Derick Adriano

Infantil
1º – Gustavo Ramos
2º – Lucas Miguel
3º – Luan Garcia
4º – Ian Tavares

Feminino
1º – Susan Leal
2º – Jéssica Bianca
3º – Ana Cecarelli
4º – Caroline Provenzano

Master
1º – Leandro Grillo
2º – Carlos Kxot
3º – Rubens Farias
4º – Junior Maciel

Ranking Final do Circuito Catarinense de Surfe Amador 2009
Open
1º – Jonatan Busetti – 4.072
2º – Deolir de Souza – 3.754
3º – Stewson Cripa – 3.656
4º – Jonas Bertolucci – 3.651

Júnior
1º – Matheus Navarro – 5.168
2º – João Paulo de Abreu – 4.501
3º – Victor Drews – 4.002
4º – Jonatan Busetti – 3.760

Mirim
1º – Matheus Navarro – 5.610
2º – João Paulo de Abreu – 5.420
3º – Wesley Santos – 4.786
4º – Victor Drews – 4.463

Iniciantes
1º – Yago Dora – 5.410
2º – Wesley Santos – 5.151
3º – Alcides Lopes Neto – 5.076
4º – Yrvin Ravi – 4.398

Infantil
1º – Gustavo Ramos – 5.729
2º – Ian Tavares – 5.339
3º – Lucas Miguel – 5.320
4º – Luan Garcia – 4.488

Feminino
1º – Evelin Conceição – 5.320
2º – Ana Ceccarelli – 4.950
3º – Aloha Maciel – 4.390
4º – Jéssica Bianca – 4.160

Master
1º – Carlos Kxot – 5.131
2º – Rubens Farias – 4.986
3º – Junior Maciel – 4.959
4º – Steward Dean – 4.273

Postado por Jean Balbinotti

Mineiro na Ilha!

22 de novembro de 2009 0

 Adriano de Souza veio atrás das ondas da ilha para dar uma relaxada antes da embarcar para o Hawaii, onde ainda irá disputar a última etapa do WCT, em Pipeline no mês de dezembro. 

Vou ficar devendo a foto do Mineirinho hoje, porque encontrei o melhor brasileiro do ranking do circuito mundial durante uma sessão de surfe no pico da Cruz, no Rio Tavares. Mas tinha uma galera que reconheceu o surfista ainda dentro d`água e pode provar.

Mineiro estava acompanhado de um amigo e esgaçou as boas ondas de até um metro que quebravam no pico. Ele está hospedado na casa de um amigo, no canto da Lagoa. Amanhã vamos lá para um bate papo com o futuro primeiro brasileiro campeão do mundo de surfe. Que Deus me ouça!

Postado por Cristiano Rigo Dalcin, Florianópolis

Mar em fúria

20 de novembro de 2009 1

A Praia do Pântano do Sul, em Florianópolis, reduto de surfistas e pescadores, viveu momentos de pânico, na última quinta-feira, durante forte temporal que atingiu a Ilha de SC. Durante alguns minutos, moradores ficaram literalmente sem chão por causa da entrada de uma onda gigante que atingiu bares, restaurantes e casas próximas à orla.

Um cinegrafista amador registrou o exato momento da chegada da onda, carregando barcos e veículos estacionados no local. O vídeo foi colocado no Youtube e já registra grande volume de acessos. Reparem, pelo áudio da gravação, o desespero das pessoas que assistiram ao sinistro poucos metros dali, em um prédio mais elevado.

Já tivemos tempestades, furacões, enchentes, secas, enfim, muitas coisas aconteceram, nos últimos tempos, em SC…aonde vamos parar? Seria o reflexo da ação degradante do homem com o meio ambiente?

É o que parece e agora estamos pagando o preço pela falta de responsabilidade. Não adianta reclamar.  

Postado por Jean Balbinotti

O cofrinho da bela Alana

20 de novembro de 2009 3

Olha a Alana em momento light, para o deleite dos marmanjos /Divulgação

A havaiana Alana Blanchard mostrou que, além de bela, ela também é muito talentosa. A surfista venceu a australiana Stephanie Gilmore, atual campeã mundial na divisão de elite, na final do Vans Hawaiian Pro, em Haleiwa, primeira etapa da Tríplice Coroa e válida pela divisão de acesso.

Alana, 13ª colocada no ranking mundial, conquistou o título em casa com a soma de 14,16 pontos contra 13,04 pontos da adversária. A peruana Sofia Mulanovich terminou em terceiro e a australiana Rebecca Woods em quarto lugar. A paranaense Bruna Schmitz e a catarinense Jacqueline Silva pararam nas quartas de final.

 

Postado por Jean Balbinotti

Fabinho é freesurfer!

19 de novembro de 2009 0

Fabinho e sua coleção de pranchas

O ex-campeão mundial amador, bicampeão brasileiro e por anos top 16 do WCT, Fábio Gouveia, anunciou no início da semana sua aposentadoria das competições. Estive na tarde desta quarta-feira na casa do Fabinho para fazer uma matéria sobre o novo rumo da sua vida, enraizada no esporte, desde que começou a competir, ainda amador, em 1983.

Ainda não o conhecia pessoalmente, embora já tivesse cruzado com ele no Matadeiro, um dos seus picos preferidos no Sul da Ilha. Mas fiquei impressionado com a figura simples que nos recebeu (eu, o fotógrafo Júlio Cavalheiro e o motorista Darci).

Bem à vontade, Fabinho não ficou restrito às suas conquistas. Fez questão de ressaltar que outras surfistas como Valdir Vargas, Pepe Lopes, Daniel Friedman e Roberto Valério também fizeram história no surfe nacional com vitórias em etapas do circuito mundial, assim como Renato Phebo – o primeiro brazuca a competir todo o circuito amparado pela British Airways, empresa aérea inglesa.

Legal saber também que o Fabinho serve de exemplo hoje para muitos surfistas. O Adriano de Souza, o Mineirinho, talvez seja o maior deles. Fabinho torce para que Mineiro seja o primeiro brasileiro campeão do WCT. Deu pra ver quando ele disse que os resultados do surfista do Guarujá refletem o ápice desse trabalho profissional construído na década de 90 por ele e pelo Teco Padaratz, quando a imagem do surfe brasileiro ainda era mais aventureiro.

Bom também saber que ele construiu uma família, vive e continuará vivendo do esporte, seja através da fabricação de pranchas, ou como free surfer, ou como consultor da Hang Loose, a marca que enxergou nele a determinação de um grande campeão. Conhecido também pelo bom humor, Fabinho não escapou à regra e contou uma história boa: quase trouxe para casa o jumento que apareceu no filme Fábio Fabuloso. Só não trouxe porque recém havia pego para criar uma cadela da raça Pit Bull. Não ia dar certo mesmo. Só pra rir mesmo. Boas ondas Fabinho! 

Postado por Cristiano Rigo Dalcin

Alejo e Marco avançam em Haleiwa

19 de novembro de 2009 0

Alejo segue na briga pelo título em Haleiwa/Divulgação

Dois catarinenses avançaram à quarta fase da primeira etapa da Tríplice Coroa Havaiana, o Reef Hawaiian Pro 2009, que ocorre em Haleiwa, no Havaí, etapa de nível seis estrelas prime do WQS.

A competição, que esteve paralisada por cinco dias consecutivos, tem até o dia 24 de novembro para ser finalizada.

Alejo Muniz e Marco Polo ficaram em segundo lugar nas suas baterias e seguem vivos na disputa. Já Neco Padaratz está fora do campeonato. Uma das surpresas do dia foi a eliminação do havaiano tricampeão mundial Andy Irons, que acabou em último lugar na bateria cujo vencedor foi o paulista Wiggolly Dantas.

Quem também continua na disputa é o cearense radicado na Ilha Márcio Farney, que passou em mais uma dobradinha brazuca com André Silva. Na próxima fase, o catarinense William Cardoso estreia na competição. É talvez a chance derradeira do catarinense entrar novamente na briga por uma vaga na elite mundial.  

Postado por Jean Balbinotti, em Florianópolis